• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.16.2020.tde-18032021-090558
Documento
Autor
Nome completo
Maurício Feijó Cruz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Meyer, Regina Maria Prosperi (Presidente)
Anelli, Renato Luiz Sobral
Giannotti, Mariana Abrantes
Nigriello, Andreina
Zioni, Silvana Maria
Título em português
Urbanismo e mobilidade urbana em São Paulo: (des)articulações entre planejamento, projeto e transportes (1968-2016).
Palavras-chave em português
Mobilidade urbana
Planejamento territorial urbano
Planos diretores
São Paulo (SP)
Resumo em português
O Plano Diretor do Município de São Paulo, de 2014, institucionalizou uma relevante mudança no planejamento do uso e ocupação do solo da capital paulista ao criar os Eixos de Estruturação da Transformação Urbana - perímetros junto aos corredores de ônibus, estações de metrô e trem nos quais é permitido e incentivado o adensamento de atividades urbanas. Tal articulação representou uma aproximação relevante da concepção da política de desenvolvimento urbano da capital a uma política de mobilidade urbana que prioriza os transportes coletivos e ativos. Entretanto, o avanço representado pela adoção dessa abordagem de adensamento seletivo vinculado à acessibilidade por transporte público não se configura como ruptura, mas como desdobramento de variados conceitos e métodos de abordagem formulados e revisados historicamente no percurso do planejamento urbano em São Paulo desde os anos 1960. Assim, a pesquisa analisa como evoluíram, histórica e conceitualmente em São Paulo, as ideias e práticas de articulação e desarticulação entre o planejamento urbano e o planejamento de transportes coletivos presentes nos planos urbanos elaborados para a Metrópole de São Paulo desde 1968, que levaram à aproximação dos mesmos verificada no Plano Diretor de 2014. A hipótese apresentada é que a criação dos Eixos de Estruturação da Transformação Urbana pelo Plano Diretor de 2014 é tributária de uma série de articulações e desarticulações das práticas históricas de planejamento urbano e de transportes coletivos em São Paulo, concebida com o objetivo de configurar uma medida de gestão da demanda por transporte.
Título em inglês
Urbanism and urban mobility in São Paulo: (dis)arrangements among planning, urban projects and transportation (1968- 2016).
Palavras-chave em inglês
Master plans
São Paulo (Brazil)
Urban mobility
Urban planning
Resumo em inglês
The 2014 São Paulo Master Plan institutionalized a significant change in land use planning in the city by creating the Urban Transformation Structuring Axes - perimeters next to bus corridors, subway and train stations on which the densification of urban activities is allowed and encouraged. Such articulation represented a relevant association between urban development and urban mobility policies, prioritizing mass transit and active transportation. However, the progress represented by the adoption of this approach of selective density linked to accessibility by public transport is not a rupture, but an unfolding of various concepts and methods of approach historically formulated and revised in the course of urban planning in São Paulo since the 1960s. Thus, the research analyzes how the ideas and practices of articulation and disarticulation between urban planning and mass transit planning, present in the urban plans developed for the Metropolis of São Paulo, have evolved historically and conceptually since 1968, which led to their approximation verified in the 2014 Master Plan. The hypothesis presented is that the creation of the Urban Transformation Structuring Axes by the 2014 Master Plan is due to a series of articulations and disarticulations of historical practices of urban and mass transit planning in São Paulo, formulated with the objective of configuring a transportation demand management strategy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-04-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.