• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.16.2021.tde-08062021-151941
Documento
Autor
Nome completo
Giovanna Graziosi Casimiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2021
Orientador
Banca examinadora
Beiguelman, Giselle (Presidente)
Lima, Solange Ferraz de
Lourenço, Maria Cecilia França
Pato, Ana Mattos Porto
Santos, Nara Cristina
Título em português
O patrimônio open source.
Palavras-chave em português
Digitalização
Monumentos
Patrimônio cultural
Realidade aumentada
Resumo em português
Esta tese e pesquisa teórico-crítica no campo dos fundamentos da Arte e da Arquitetura propõe o conceito de "patrimônio open source" e debate a condição das memórias digitais no presente. A pesquisa levanta as hipóteses de cooptação dos dados digitais e destituição das instituições de cultura, apresentando a emergência de um regime cultural dominado pelas empresas de dados. Neste contexto, debate-se a possibilidade de disrupção e subversão do regime de cooptação em curso, e como os memoriais digitais permitem a horizontalização das narrativas históricas. Deste modo, o patrimônio open source é um conceito que se associa tanto à responsabilidade coletiva quanto à memória. Este novo modelo open source coloca o indivíduo no centro de decisão, evidenciando que o patrimônio não é um objeto externo, mas, sim, parte da vida comum, das decisões cotidianas. Por fim, o patrimônio open source se configura pela tática de anticooptação da memória, na tentativa de abertura enquanto antídoto às supremacias, pré-edições e engessamentos da memória.
Título em inglês
Open source heritage.
Palavras-chave em inglês
Augmented reality
Cultural heritage
Digitalisation
Monuments
Resumo em inglês
This thesis and theoretical-critical research in the field of the foundations of Art and Architecture proposes the concept of "open source heritage" and debates the condition of digital memories in the present. The research raises the hypotheses of co-opting digital data and destitution of cultural institutions, presenting the emergence of a cultural regime dominated by data companies. In this context, the possibility of disruption and subversion of the current coopting regime is debated, and how digital memorials allow the horizontalization of historical narratives. Thus, open source heritage is a concept that is associated with collective responsibility for memory. This new open source model places the individual at the center of decision, showing that heritage is not an external object, but part of the common life of everyday decisions. Finally, the open source heritage is configured by the anticooptation tactic of memory, in an attempt to open up as an antidote to the supremacy, pre editions and plasterings of memory.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-08-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.