• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.16.1999.tde-16052022-154019
Documento
Autor
Nome completo
Luis Antonio Jorge
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1999
Orientador
Banca examinadora
Ferrara, Lucrecia D'Alessio (Presidente)
Barbosa, Joao Alexandre Costa
Belluzzo, Ana Maria de Moraes
Caron, Jorge Osvaldo
Sawaya, Sylvio Barros
Título em português
O espaço seco: imaginário e poéticas da arquitetura moderna na América
Palavras-chave em português
Arquitetura
Arquitetura moderna
Resumo em português
A tese analisa a contribuição cultural da arquitetura moderna na América, destacando o seu papel nos processos de reconhecimento e construção de identidade e de memórias espaciais. Para isso, estudou-se, comparativamente, poéticas elaboradas, nos Estados Unidos da América, pelo arquiteto norte-americano Frank Lloyd Wright, e no Brasil, pelos arquitetos Lina Bo Bardi, Vilanova Artigas e Paulo Mendes da Rocha, aqui denominadas poéticas da secura, construções de linguagens amparadas na invenção de imaginários espaciais, imersos numa visão sincrônica dos tempos descobertos pela memória.
Título em inglês
Not available
Palavras-chave em inglês
Not available
Resumo em inglês
This thesis analyses the cultural contribution of modern architecture in America, pointing out its role in the process of acknowledgement and construction of identities and memories of the space. For that, a study has been made comparing poetries that were elaborated, in the United States of America, by the american architect Frank Lloyd Wright, and, in Brazil, by the architects Lina Bo Bardi, Vilanova Artigas and Paulo Mendes da Rocha, here designated as poetries of the dryness, constructions of languages sheltered at the imaginary spaces, immersed in a synchronized vision of the times discovered by the memory.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2022-05-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2023. Todos os direitos reservados.