• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
https://doi.org/10.11606/D.14.2020.tde-31012020-154545
Documento
Autor
Nombre completo
Andressa Andrade Cardoso
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2019
Director
Tribunal
Rocha, Rosmeri Porfirio da (Presidente)
Gozzo, Luiz Felippe
Silva, Natália Pillar da
Título en portugués
Ciclones subtropicais e ventos em superfície no sudoeste do Oceano Atlântico Sul: climatologia e extremos. 
Palabras clave en portugués
Ciclone subtropical
extremo de vento
intensidade do vento
Oceano Atlântico Sul.
vento próximo à superfície
Resumen en portugués
A velocidade do vento é uma das variáveis meteorológicas com grande impacto para a economia e sociedade, principalmente quando ocorrem eventos extremos. No Oceano Atlântico Sul, mais especificamente na costa do sudeste do Brasil, aumentou nos últimos anos a exploração de petróleo do pré-sal, tornando-se mais relevante conhecer os extremos de vento que afetam a região. Os sistemas transientes impactam na velocidade do vento próximo à superfície, conduzindo muitas vezes a eventos extremos. Desta forma, o objetivo principal desta pesquisa é investigar a relação entre intensidade e extremos de vento com os ciclones subtropicais no leste do sudeste do Brasil. Inicialmente, apresenta-se uma estatística descritiva das observações da velocidade de vento médio diário para nove estações meteorológicas automáticas e cinco boias meteoceanográficas localizadas na costa sudeste do Brasil. Estas observações locais são também usadas para validação das reanálises CFSR e ERA5. Os resultados mostram que as localidades com maiores correlações para a série temporal diária em relação as observações (entre 0,5 e 0,9) em ambas as reanálises também representam os padrões de média anual e ciclo anual para a velocidade do vento em maior concordância com as observações locais. Na maioria das estações meteorológicas sobre o continente as reanálises superestimam a velocidade, enquanto sobre o oceano subestimam. Considerando todas as localidades, as duas reanálises mostram desempenho semelhante para representar as observações locais. A relação entre ventos e os ciclones subropicais (tanto para a intensidade como para extremos de vento, identificados com o percentil de 95%) é investigada considerando a forma Lagrangeana, ou seja, seguindo os centros dos ciclones, e Euleriana que considera apenas os horários com ciclones subtropicais. Estas análises mostram que os ventos intensos situam-se principalmente à leste da região com maior densidade de ciclones subtropicais. Em termos sazonais, a maior intensidade do vento é observada no verão, seguido do outono. Para extremos de velocidade encontra-se sazonalidade similar, porém com algumas diferenças. No verão, enquanto os maiores valores de intensidade do vento estão à leste da região de maior densidade de ciclones, nos extremos localizam-se na própria região de maior densidade de ciclones. As maiores velocidades do vento no verão são influenciadas pelo gradiente zonal de pressão climatológico e pelos ciclones subtropicais. Por outro lado, no outono os ciclones subtropicais representam a principal influência na intensidade dos extremos de vento, pois nesta estação estes sistemas são mais intensos e organizados.
Título en inglés
Subtropical cyclones and surface winds in the southwest of the South Atlantic Ocean: Climatology and extremes
Palabras clave en inglés
South Atlantic Ocean.
Subtropical cyclone
wind extreme
wind near the surface
wind speed
Resumen en inglés
Wind speed is one of the weather variables that has a major impact on the economy and society, especially in the occurrence of extreme events. In the South Atlantic Ocean, more specifically on the southeastern coast of Brazil, the exploration of pre-salt oil has increased in recent years, making it more relevant to know the wind extremes that affect the region. Transient systems impact near-surface wind speeds, often leading to extreme events. Thus, the main objective of this research is to investigate the relationship between wind intensity and extremes with subtropical cyclones in eastern of southeastern Brazil. Initially, a descriptive statistic of the mean daily wind speed observations is presented for nine automatic weather stations and five buoys located in the southeastern coast of Brazil. These local observations are also used to validate of CFSR and ERA5 reanalyses. The results show that the locations with the stronger correlations for the daily time series (between 0.5 and 0.9) in both reanalyses also represent the annual mean and annual cycle patterns for wind speed in greater agreement with local observations. In most weather stations on the continent reanalyses overestimate speed, while over the ocean they underestimate it. Considering all localities, both reanalyses show similar performance to represent local observations. The relationship between winds and subtropical cyclones (both for intensity and wind extremes, identified with the 95% percentile) is investigated considering the Lagrangean form, i.e., following the centers of the cyclones, and the Eulerian one, which considers only the timesteps with subtropical cyclones. These analyses show that strong winds are mainly to the east of the region with the highest density of subtropical cyclones. In seasonal terms, the highest wind intensity is observed in summer, followed by autumn. For wind extremes there is similar seasonality, but with some differences. In summer, while the highest wind intensity values are to the east of the highest cyclone density region, at the extremes they are located in the region of greater cyclone density. Higher wind speeds in summer are influenced by the climatologic zonal gradient of pressure and subtropical cyclones. On the other hand, in autumn, subtropical cyclone represent the major influence on wind extremes, since in this season these systems are more intense and organized.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2020-03-17
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.