• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Martins de Novais
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Sodre Junior, Laerte (Presidente)
Cypriano, Eduardo Serra
Fernandes Junior, Roberto Cid
Lima Neto, Gastao Cesar Bierrenbach
Martins, Lucimara Pires
Santos, Ana Leonor Chies Santiago
Título em português
Resolvendo Galáxias: a morfologia da emissão em H-alpha nas galáxias do projeto CALIFA
Palavras-chave em português
classificação de galáxias
conteúdo estelar
evolução de galáxias
linhas de emissão
métodos de análise
Resumo em português
Muitos trabalhos têm sido realizados na tentativa de entender os mecanismos e processos pelos quais as galáxias passaram ao longo do tempo e que tiveram papel fundamental na determinação de muitos dos parâmetros observados. Dentre os indicadores desses mecanismos e processos, a emissão em H é uma importante característica muito utilizada para o entendimento das galáxias, tanto pela relativa facilidade de sua observação quanto pela quantidade de processos que podem ser rastreados com ela. Assim, o presente trabalho apresenta uma proposta de classificação dos perfis de emissão em H em galáxias do levantamento de céu CALIFA, além de estudar como tais perfis estão correlacionados com diversos parâmetros das galáxias, tanto estruturais quanto de populações estelares. Dentre os parâmetros estruturais, são estudadas 3 concentrações: a concentração de luz na banda r e mais duas novas concentrações em H, também propostas pelo presente trabalho. Os perfis encontrados se mostraram correlacionados com as concentrações, mostrando-se como um parâmetro estrutural útil. Quanto aos parâmetros físicos, os perfis exibiram uma correlação bastante interessante com a idade estelar, massa estelar e metalicidade estelar, corroborando com os resultados obtidos para os parâmetros estruturais, no sentido de que os perfis propostos possuem um significado físico intrínseco. Em uma última análise, estudamos ainda as possíveis origens da emissão H nos objetos da amostra, explorando como os perfis apresentados podem ser justificados por essa origem, discutindo também as possíveis correlações com outros estudos envolvendo propriedades derivadas dessa emissão. Ainda que a amostra utilizada no presente estudo seja pequena, os resultados encontrados mostram que tal classificação pode ser útil para entendermos melhor como se formam e evoluem as galáxias, de modo que sua aplicação em dados de projetos e surveys maiores, com amostras de galáxias mais amplas em quantidade e variedade, poderá ressaltar ainda mais os resultados encontrados, consolidando-se como importante um instrumento dentre o rol de ferramentas com as quais podemos estudar as galáxias.
Título em inglês
The morphology of H emission in CALIFA galaxies
Palavras-chave em inglês
galaxies structures
galaxy formation and evolution
line profiles
methods and data analysis
stellar content
Resumo em inglês
Many works have been carried out in an attempt to understand the mechanisms and processes by which the galaxies have passed over time and that have played a fundamental role in determining many of the observed parameters. Among the indicators of these mechanisms and processes, the emission in H is an important feature that is widely used understand of the galaxies, both by the relative ease of their observation and by the number of processes that can be traced with it. The present work presents a proposal to classify the emission profiles in H in galaxies of the CALIFA sky survey, besides studying how such profiles are correlated with several parameters of galaxies, both structural and stellar populations. We study the correlation between the profiles and three concentrations: the light concentration in the r band and two new concentrations in H, also proposed by the present work. We found that the profiles are correlate with the concentrations, indicating that these profiles are related with structural parameters of galaxies. We also analyzed the relation of profiles with stellar population properties. Our findings showed a very interesting correlation with stellar age, stellar mass and stellar metallicity, corroborating with the results obtained for the structural parameters, in the sense that the proposed profiles have an intrinsic physical meaning. Finally, we also study the possible source of the H emission in the objects, exploring how the proposed profiles can be justified by these origins, also discussing the possible correlations with other studies involving properties derived from this emission. Although the sample used in this study contain just a few objects, the results found show that such classification may be useful to better understand how the galaxies form and evolve, so that the application of such technique of classification in other projects and surveys with larger sample of galaxies, both in quantity and variety, may highlight the results found, consolidating as an important instrument among the tools with which we can study the galaxies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-10-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.