• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.12.2005.tde-22062022-102945
Documento
Autor
Nome completo
Ricardo Hirata Ikeda
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Lima, Iran Siqueira (Presidente)
Araujo, Luiz Jurandir Simões de
Loyola, Gustavo Jorge Laboissiere
Martins, Gilberto de Andrade
Yamamoto, Marina Mitiyo
Título em português
A resposta do mercado brasileiro à emissão de ADRs: um estudo sobre o nível de segmentação de mercados e a visibilidade
Palavras-chave em português
Contabilidade - Teoria
Contabilidade financeira
Resumo em português
O volume de American Depositary Receipts, ADRs, negociados mundialmente apresentou um crescimento substancial a partir do início da década de oitenta. O Brasil entrou definitivamente nesse contexto no segundo semestre de 1993, com a emissão realizada pela Suzano Bahia Sul Papel e Celulose. Essa emissão foi realizada em mercado de balcão, tendo sido estruturada em nível secundário. No ano subsequente, seguiram outros casos como o da Cemig, o da São Paulo Alpargatas, o da Cyrela etc. Esse cenário tem como fundamento a abertura do mercado nacional para investimentos estrangeiros, sendo capaz de proporcionar benefícios tanto a investidores como a órgãos reguladores. Os impactos da implementação de um programa de ADRs tem sido objeto de análise por diversos estudiosos, tais como Bin et al. (2003); Foerster e Karolyi (1999); Grammig et al. (2000); Sundaram e Logue (1996); Alexander et al. (1988), Matsumoto (1995), Marcon (2002) e Bruni (2003), dentre outros. Os trabalhos consultados para fins de realização dessa pesquisa, no entanto, não apresentam resultados conclusivos no que tange as empresas brasileiras. Assim, esse trabalho investigou como os preços das ações e a visibilidade das empresas através do faturamento são afetados pela implementação efetiva de um programa de ADR. Os resultados apurados foram decorrentes da aplicação da metodologia de estudo de evento. As variáveis examinadas foram os retornos domésticos das companhias analisadas, bem como suas receitas de vendas. A amostra inicial abrangeu 98 programas de ADR, implementados por empresas cujos títulos são ou foram negociados no mercado brasileiro, entre 1995 e 2004. Os resultados obtidos fornecem evidência de não haver reação positiva dos retornos das ações negociadas no mercado doméstico. Tanto no período do anuncio ou próximo ao evento como em período posterior, não foi constatada reação significativa. A análise das receitas de vendas também não indica haver aumento significativa após a emissão de ADRs. Esses resultados, conjuntamente, mostram indícios significativos de que as vantagens alegadas para a emissão de ADRs não são verificadas no período analisado em relação ao mercado de capitais brasileiro. Nesse contexto, as possíveis razões dos resultados encontrados nessa pesquisa podem ser atribuídas a evidências de não segmentação entre os mercados de capitais brasileiro e norte-americano.
Título em inglês
The Brazilian market's response to the issuance of ADRs: a study on the level of market segmentation and visibility
Palavras-chave em inglês
Accounting - Theory
Financial Accounting
Resumo em inglês
The trading volume of American Depositary Receipts, ADRs, has substantially increased around the world since beginning of 80s. Brazil was definitely inserted in this market by the end of 1993, with the issue of Suzano Bahia Sul Papel e Celulose shares on OTC market. This was followed by other companies, such as Cemig, Sao Paulo Alpargatas, Cyrela etc. This scenario is based on the Brazilian market openness to foreign investments. The impacts of implementing ADR programs have been exhaustedly studied by Bin et al. (2003); Foerster e Karolyi (1999); Grammig et al. (2000); Sundaram and Logue (1996) and Alexander et al. (1988); Matsumoto (1995); Marcon (2002) and Bruni (2003), among others. The analyzed papers, however, highlight that there are no conclusive results, mainly, for the Brazilian capital market. In this way, this research analyses how different factors are affected by the implementation of ADR programs. It was applied the event-study methodology. They were analyzed the domestic returns of the companies included in the sample and their receipts. The initial sample embraced 98 Brazilian ADR programs issued between 1995 and 2004. The results indicate no significant price reaction for the analyzed shares. Nor the receipts presented any significant reaction to the studied event. These results can possibly be considered an important trace that alleged advantages for issuing ADRs are actually not verifiable in practice. The possible reasons for it might be related to the fact that Brazilian and American capital markets are not segmented anymore.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2022-06-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.