• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.11.2013.tde-22082013-102539
Documento
Autor
Nombre completo
Sabrina Mieko Viana
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Piracicaba, 2013
Director
Tribunal
Silva Filho, Demóstenes Ferreira da (Presidente)
Batista, Daniela Biondi
Franco, Maria de Assunçao Ribeiro
Ribeiro, Milton Cezar
Rocha, Yuri Tavares
Título en portugués
Percepção e quantificação das árvores na área urbana do município de São Carlos, SP
Palabras clave en portugués
Índice de Floresta Urbana
Sensoriamento remoto
Silvicultura urbana
Sistemas de Informação Geográfica (SIG)
Valores
Resumen en portugués
As árvores, como um dos elementos de conexão mais significativos das pessoas com a natureza, e a sua frequente exclusão destas devido à disputa com outros equipamentos urbanos, pode ser interpretado como um dos sintomas do afastamento e alienação de seus moradores do ambiente natural. Diante deste cenário, compreender como as pessoas se relacionam com o ambiente e as árvores à sua volta, de maneira a conhecer as causas e formas de se trabalhar para diferentes setores da população, é tão relevante quanto o conhecimento sobre a estrutura e distribuição da arborização para o aprimoramento da sua gestão. Este estudo buscou contribuir na ampliação do conhecimento sobre a quantificação, análise e aplicação de índices para avaliação da cobertura arbórea tomando como modelo o município de São Carlos (SP) e a relação desta com a percepção de seus moradores sobre o tema. Para a quantificação, análise da distribuição da cobertura arbórea (CA) e aplicação do Índice de Floresta Urbana (IFU), foram utilizadas imagens do satélite Worldview 2, enquanto a percepção da população foi levantada em áreas com diferentes porcentagens de CA, com aplicação de questionários estruturados e observação direta. Os resultados indicaram que embora o IFU seja considerado razoável (1,26) e a proporção da CA seja significativa para a totalidade da área urbana (26,27%), nota-se que estes valores são mal distribuídos entre as regiões da cidade. Os maiores valores tanto de CA como do IFU concentraram-se nas regiões norte e noroeste da cidade, enquanto os menores localizaram-se na região central e ao sul. Excetuando-se os campi universitários (UFSCar e USP 2) e distritos industriais, a maior porcentagem de CA, ocorreu na região do condomínio fechado Samambaia (29,6%), enquanto a menor foi na região dos bairros Antenor Garcia, Cidade Aracy e Presidente Collor (4,88%) A análise da cobertura dentro de cada região indicou também o predomínio de árvores isoladas ou em pequenos grupos, com baixa conectividade entre estes. No geral a população reconhece os benefícios proporcionados pelas árvores. Porém aspectos como a sujeira, atribuída a queda das folhas, problemas com as calçadas e a segurança, relacionada tanto a violência, como ao risco de queda, foram atribuídos pelos entrevistados como os maiores aspectos negativos em relação as árvores na cidade.
Título en inglés
Perception and quantification of trees in the urban area of São Carlos, SP
Palabras clave en inglés
Geographical Information System (GIS)
Remote Sensing
Urban Forest Index
Urban Forestry
Values
Resumen en inglés
The trees, as one of the most meaningful elements connecting people with the nature, and the usual exclusion of this element due the competition with other urban infrastructures, may be interpreted as a symptom of inhabitants alienation from natural environment.. By considering this scenario, is important for the management improvement know the structure and distribution of the urban forests as well as comprehend how people are related with the environment and the trees, in order to know the causes and how to work for different sectors of the population. The study aimed at contributing to the knowledge expansion on indexes to quantify and analyze the Tree Canopy Cover (TCC), using as model of the city of São Carlos (SP, Brazil), as well as assess the relationship between the residents perception and the amount of TCC. Images of satellite Worldview 2 were used for quantify and analyze the distribution of TCC and the UFI. Moreover the perception of the population was surveyed by using structured questionnaires and direct observation in areas of different percentage of TCC. According to the results, even though the UFI (1,26) and the proportion of TCC (26,27%) are significant for the entire urban area, the values are not quite well distributed amongst the regions of the city. The highest values of TCC and UFI were concentrated in the north and northwest regions, while the lowest values were located in central and south areas. Excepting the universities campi (UFSCar and USP 2) and the industrial districts, the highest TCC percentage occurred in the Samambaia's gated community (29,6%) and the lowest in the Antenor Garcia, Cidade Aracy and President Collor neighborhoods (4,88%). Furthermore, the analysis of coverage within each region indicated the predominance of single trees or small groups, with low connectivity amongst them. The overall population recognizes benefits provided by the trees. However, attributed features such as 'dirt', caused by fallen leaves, damaged sidewalks, safety problems related to violence and risk of tree falling, were associated by respondents as the biggest negatives points about the trees in the city.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2013-09-03
 
ADVERTENCIA: El material descrito abajo se refiere a los trabajos derivados de esta tesis o disertación. El contenido de estos documentos es responsabilidad del autor de la tesis o disertación.
  • VIANA, Sabrina Mieko, DOBBERT, Léa Yamaguchi, e SILVA FILHO, Demóstenes Ferreira da. Indicadores de floresta urbana y la calidad del espacio urbano. In Congreso Latinoamericano de Ecología Urbana [CD-ROM], 1, Buenos Aires, 2012. ISBN 9789872817.
  • VIANA, Sabrina Mieko, e SILVA FILHO, Demóstenes Ferreira da Silva. Tree canopy cover assessment using the Urban Forest Index in São Carlos, SP (Brazil). In Protected Areas and Place Making Conference (PAPM) [CD-ROM], 1, Foz do Iguaçu, 2013. ISBN o.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2022. Todos los derechos reservados.