• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.11.2020.tde-17022021-173602
Documento
Autor
Nome completo
Tatiana Cabral de Vasconcelos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2020
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues, Ricardo Ribeiro (Presidente)
Gonçalves, José Leonardo de Moraes
Vezzani, Fabiane Machado
Zagatto, Maurício Rumenos Guidetti
Título em português
Atributos do solo como indicadores de qualidade para avaliação de áreas em processo de restauração ativa na Mata Atlântica
Palavras-chave em português
Atributos do solo
Indicador de qualidade do solo
Restauração ativa
Restauração florestal
Resumo em português
No monitoramento da restauração florestal há uma diversidade de indicadores, porém, maior atenção é dispensada na avaliação do componente arbóreo, em detrimento à avaliação do componente edáfico. Neste trabalho avaliamos a qualidade do solo em diferentes tipos de uso, comumente encontrados em uma propriedade rural. O objetivo foi, aplicar um indicador de qualidade do solo que avalia os serviços do ecossistema (s.e.) do solo, por meio de um conjunto de 4 ou 6 indicadores combinados em um único Indicador Sintético de Qualidade do Solo (ISQS). A coleta de amostras de solo foi realizada no bioma Mata Atlântica, nas áreas das Fazendas Capoava, Jequitibá e Ingazinho, no município de Itu - SP. O cálculo dos indicadores foi realizado em sequências de análises multivariadas, primeiramente integramos 46 variáveis edáficas formando 04 conjuntos de dados: 16 variáveis químicas para o indicador de fertilidade do solo (FER), 09 variáveis físicas para o indicador de estrutura do solo (EST), 13 variáveis de macrofauna do solo para o indicador de diversidade do solo, 08 variáveis de agregação do solo para o indicador de agregação do solo (AGR). Testamos as hipóteses (i) a restauração florestal ativa (RA) com 5 anos de implantação tem maior qualidade do solo quando comparado com áreas de pastagem em uso contínuo (PUC) e pastagens abandonadas sem ações de restauração (PA); (ii) o solo de um fragmento de Floresta Estacional Semidecidual (FES) tem maior qualidade que os tipos de uso do solo (RA), (PUC) e (PA). Os resultados mostraram maior valor do ISQS na área FES como referência de conservação do ecossistema florestal. Posteriormente calculamos o indicador ciclagem de nutrientes (NUT), com 06 variáveis microbiológicas e o indicador de diversidade da mesofauna (DME), com 19 variáveis dos grupos taxonômicos da mesofauna na serapilheira. Os resultados mostraram que a restauração ativa após 5 anos de implantação apresentou média qualidade do solo, tanto com o cálculo do ISQS com 04 indicadores ou 06 indicadores. Apesar do indicador sintético de qualidade do solo, unir todas as váriaveis estudadas, a observação dos indicadores e suas relações também foi avaliada. Em nossos resultados foi explícita a variação conjunta dos indicadores de Estrutura do Solo (EST) com os indicadores de DMA e DME, que representam a macro e mesofauna do solo.
Título em inglês
Soil attributes as quality indicators for evaluating areas in the process of active restoration in the Atlantic Forest
Palavras-chave em inglês
Active restoration
Forest restoration
Soil atributes
Soil quality indicator
Resumo em inglês
In the monitoring of forest restoration there is a diversity of indicators, however, more attention is given to the evaluation of the tree component, to the detriment of the evaluation of the edaphic component. In this work we evaluate the quality of the soil in different types of use, commonly found in a rural property. The objective was to apply a soil quality indicator that assesses soil ecosystem services (s.e.), using a set of 4 or 6 indicators combined into a single Synthetic Soil Quality Indicator (ISQS). The collection of soil samples was carried out in the Atlantic Forest biome, in the areas of the Capoava, Jequitibá and Ingazinho farms, in the municipality of Itu - SP. The calculation of the indicators was performed in sequences of multivariate analyzes, first we integrated 46 edaphic variables forming 04 data sets: 16 chemical variables for the soil fertility indicator (FER), 09 physical variables for the soil structure indicator (EST) , 13 soil macrofauna variables for the soil diversity indicator, 08 soil aggregation variables for the soil aggregation indicator (AGR). We tested the hypotheses (i) active forest restoration (RA) with 5 years of implantation has better soil quality when compared to pasture areas in continuous use (PUC) and abandoned pastures without restoration actions (PA); (ii) the soil of a fragment of Seasonal Semideciduous Forest (FES) has higher quality than the types of land use (RA), (PUC) and (PA). The results showed a greater value of the ISQS in the FES area as a reference for the conservation of the forest ecosystem. Subsequently, we calculated the nutrient cycling indicator (NUT), with 06 microbiological variables and the mesofauna diversity indicator (DME), with 19 variables from the mesofauna taxonomic groups in the litter. The results showed that the active restoration after 5 years of implantation showed average soil quality, both with the calculation of the ISQS with 04 indicators or 06 indicators. Despite the synthetic indicator of soil quality, uniting all the variables studied, the observation of the indicators and their relationships was also evaluated. In our results, the joint variation of the Soil Structure (EST) indicators with the DMA and DME indicators, which represent the soil macro and mesofauna, was explicit.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2023-02-17
Data de Publicação
2021-02-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.