• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.11.2020.tde-09042021-145923
Documento
Autor
Nome completo
Maria Elisa Russo Mafra Machado
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2021
Orientador
Banca examinadora
Silva, Edson José Vidal da (Presidente)
Garavello, Maria Elisa de Paula Eduardo
Sorrentino, Marcos
Waldhoff, Philippe
Título em português
Açaí (Euterpe precatoria Mart.) da Amazônia central: efeitos do agroextrativismo nos meios de vida de seus protagonistas
Palavras-chave em português
Euterpe precatoria
Açaí
Amazônia
Desenvolvimento sustentável
Produtos florestais não madeireiros
Resumo em português
O uso de Produtos Florestais não Madeireiros (PFNM) como meio de se alcançar a conservação (utilização racional dos recursos naturais) é uma estratégia que tem sido amplamente desenvolvida. O açaí é um PFNM cujo consumo tem sofrido considerável aumento, tanto em nível nacional quanto mundial. O açaí tem forte valor cultural para comunidades que tradicionalmente fazem uso deste fruto, porém o aumento da demanda impacta em seu valor comercial, mostrando-se cada vez mais relevante como fonte de recurso financeiro. Apesar da ocorrência de trabalhos que abrangem os aspectos econômicos e ambientais do uso de PFNMs, existe uma carência de estudos que demonstrem a percepção dos protagonistas sobre as implicações da atividade em seus meios de vida. Além disso, não se encontram estudos que permitam analisar se uma estrutura social organizada (cooperativa, associação, etc.) pode beneficiar, ou não, os agroextrativistas produtores de açaí. Diante disso, esta pesquisa objetivou analisar os efeitos do agroextrativismo nos meios de vida de atores envolvidos nesta atividade em Codajás - Amazonas. Para isso partiu-se de uma abordagem holística denominada Meios de Vida Sustentáveis (MVS). Utilizando desta abordagem a metodologia contou com entrevistas semiestruturadas direcionadas a três atores protagonistas da cadeia de valor de açaí, que são eles as lideranças locais, comerciantes e agroextrativistas. Neste último, o roteiro de entrevista abordava cinco capitais ou dimensões dos meios de vida. Os resultados mostraram que as percepções perante a atividade fazem-se positivas e otimistas entre os atores. Alguns comerciantes, entretanto, sentem que o aumento na concorrência pode ocasionar em dificuldades para encontrar compradores. Com relação aos agroextrativistas, os associados obtiveram melhores notas no que refere-se ao capital financeiro, social e humano, contra o capital natural e físico que foram percebidos como melhores pelos não associados. Entre todos os agroextrativistas entrevistados não foi obtida percepção(nota) negativa para nenhum dos capitais, o que indica que a atividade proporciona benefícios para os meios de vida e tem potencial para a promoção do desenvolvimento sustentável.
Título em inglês
Açaí (Euterpe precatoria Mart.) from central Amazon: effects of agroextractivism on the livelihoods of its protagonists
Palavras-chave em inglês
Euterpe precatoria
Açaí
Amazon
Non-timber forest products
Sustainable development
Resumo em inglês
The use of non-timber forest products (NTFP) for conservation purpose (rational use of natural resources) is a strategy that has been widely developed. Açaí is a NTFP whose consumption has increased, both nationally and worldwide. Açaí has a strong cultural value for communities that traditionally make use of this fruit, but the increase in demand has an impact on its commercial value, proving to be increasingly relevant as a source of income. Despite the existence of studies that comprises the economic and environmental aspects of NTFPs, there is a lack of studies that demonstrate the perception of the protagonists about the implications of the activity in their livelihoods. In addition, there are no studies that analyses whether an organized social structure (cooperative, association, etc.) can benefit agroextractive producers of açaí. Therefore, this research aimed to analyze the effects of agroextractivism on the livelihoods of actors involved in this activity in Codajás - Amazonas. Using the Sustainable Livelihoods Approach (SLA), the methodology relied on semi-structured interviews oriented to three protagonists of the açaí value chain, represented by local leaders, traders and agroextractivists. About the last one, it was addressed five capitals or dimensions of livelihoods. The results showed that the perceptions of the protagonists regarding the activity are positive and optimistic. Some traders, however, feel that increased competition can lead to difficulties in finding buyers. Regarding the agroextractivists, associated obtained better results in terms of financial, social and human capital, against natural and physical capital that was perceived as better by non-associated. Among all the agroextractivists interviewed, no negative perception was obtained for any of the capitals, which means that the activity promotes benefits for the livelihood and has the potential to promote sustainable development.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-04-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.