• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.11.2010.tde-17032010-141611
Documento
Autor
Nome completo
Weliton Dias da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2009
Orientador
Banca examinadora
Bento, José Maurício Simões (Presidente)
Guerreiro Filho, Oliveiro
Parra, José Roberto Postali
Título em português
Comportamento sexual da broca-do-café, Hypothenemus hampei (Ferrari, 1867) (Coleoptera: Curculionidae: Scolytinae)
Palavras-chave em português
Acasalamento
Café
Comportamento animal
Feromônios
Semioquímico.
Resumo em português
O estudo do comportamento sexual dos insetos abrange todos os eventos ocorridos desde a formação dos casais por meio do cortejo, até a separação dos mesmos após a cópula. Esses estudos são importantes e representam o primeiro passo em pesquisas que visam à elucidação de feromônios da espécie alvo. No caso da broca-do-café, Hypothenemus hampei (Ferrari), que é considerada mundialmente a principal praga do café, existe uma lacuna de informações sobre o comportamento sexual dessa espécie. Além disso, as pesquisas têm sido direcionadas para o uso de armadilhas contendo alcoóis (ex: etanol e metanol) visando o manejo dessa praga, mas com resultados conflitantes. Em razão disso, o objetivo do presente trabalho foi estudar o comportamento sexual de H. hampei, como suporte para estudos subseqüentes visando a elucidação do feromônio da espécie. As cópulas de H. hampei ocorreram em qualquer horário dentro de um ciclo de 24 horas. Embora em menor freqüência, 60% dos casais realizaram pelo menos uma cópula na idade de 0-24 horas, chegando a 100% dos casais nas demais idades. A maior atividade sexual foi observada nas idades de 48-72 e 72-96 horas, onde, nessa última, ocorreram 6,9 ± 0,47 cópulas por casal com duração de 2,04 ± 0,13 minutos cada. Os padrões comportamentais exibidos foram semelhantes a outros grupos de curculionídeos, com pré-cópula, cópula e pós-cópula. Os resultados indicaram ainda a presença de um feromônio produzido pelos machos mediando o acasalamento. A possibilidade de as fêmeas de H. hampei realizarem a recópula após sua saída dos frutos abre novas perspectivas sobre a viabilidade deste feromônio no manejo desta praga.
Título em inglês
Sexual behavior of coffee berry borer, Hypothenemus hampei (Ferrari, 1867) (Coleoptera: Curculionidae: Scolytinae)
Palavras-chave em inglês
Behavior
Coffee
Mating
Pheromone
Semiochemicals.
Resumo em inglês
The sexual behavior study in insects includes all the events occurred since of pair encounter by means of courtship until their separation after mating. These studies are important and represent the first step of researches that aim to elucidate pheromones of target species. Regarding the coffee berry borer, Hypothenemus hampei (Ferrari), which is the most important coffee pest around the world, little is known about its sexual behavior. Furthermore, the researchers have been focused on the use of traps based on alcohols (e.g. ethanol and methanol) with aims of managing this pest, but its results are conflicting. For that reason, the aim of the present work was to study the sexual behavior of H. hampei, whose it will give support to subsequent studies about evaluation of pheromone this species. Daily mating rhythm of H. hampei occurred on any time of 24- hour cycle. Although at low rates, 60% of paired adults mated at least once when they were 0-24 hours, reaching 100% in older pairs. The highest sexual activity was observed in the ages of 48-72 and 72-96 hours, being in this last one the occurrence of 6,9 ± 0,47 matings/pair with a mean duration of 2,04 ± 0,13 minutes each. The pattern behavior displayed was similar to other groups of Curculionidae, with premating, mating and postmating. The results also indicated the presence of a pheromone produced by the males that mediates mating. The possibility of the H. hampei females recopulates after they leave the fruits opens new perspectives to investigate the viability of using this pheromone in management of this pest.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Weliton_Dias.pdf (1.14 Mbytes)
Data de Publicação
2010-03-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.