• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Mémoire de Maîtrise
DOI
10.11606/D.11.2012.tde-01112012-112415
Document
Auteur
Nom complet
Lourival Carmo Monaco Neto
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
Piracicaba, 2012
Directeur
Jury
Scarpare Filho, João Alexio (Président)
Sposito, Marcel Bellato
Terra, Maurilo Monteiro
Titre en portugais
Desenvolvimento de videira `Niagara Rosada´ podada em diferentes épocas
Mots-clés en portugais
Desenvolvimento vegetal
Fenologia
Poda - Época
Uva
Resumé en portugais
A cultura da videira 'Niagara Rosada' apresenta grande importância em diferentes regiões produtoras, principalmente no estado de São Paulo. Para a produção dessa uva é fundamental a utilização da técnica cultural da poda, que pode ocorrer em diferentes épocas. Dessa forma o presente estudo teve como objetivo comparar o desenvolvimento da videira 'Niagara Rosada' podada em diferentes épocas mediante a análise de características como o comprimento dos ramos, velocidade média de crescimento de ramos, duração em dias de cada período do ciclo produtivo e soma térmica em graus-dia (GD). As épocas de poda adotadas foram de inverno, com realização em 04/08/2010 e de verão, com realização em 28/01/2011. O delineamento estatístico utilizado foi o de blocos ao acaso com 7 e 8 unidades experimentais cada, totalizando 30 unidades. Cada bloco foi uma planta e a unidade experimental foi um ramo. Para a análise de médias foi empregado o teste de Tukey para comparar os tratamentos de poda de inverno e poda de verão. As variáveis foram comparadas em relação aos períodos do ciclo produtivos: poda à colheita, brotação à colheita, poda à brotação, brotação ao florescimento, florescimento ao início da maturação dos frutos e início da maturação dos frutos à colheita. Houve resultado significativo em todas as comparações entre os tratamentos, de forma que se confirmou que em relação ao tamanho dos ramos, a poda de inverno apresentou ramos mais compridos do que a poda de verão. Em relação à velocidade média de crescimento dos ramos, esta foi superior na poda de inverno do que o observado na poda de verão. Já na duração do ciclo produtivo, houve maior duração no início do ciclo na poda de inverno e maior duração no final do ciclo na poda de verão, de forma que no ciclo como um todo a duração foi praticamente a mesma. Finalmente para a soma térmica, a poda de inverno apresentou valores superiores em todo o ciclo, excetuando-se o período do florescimento ao início da maturação dos frutos, em que a poda de verão apresentou valores superiores.
Titre en anglais
Development of the 'Niagara Rosada' vine pruned at different seasons
Mots-clés en anglais
Degree-days
Summer Pruning
Vitis
Winter Pruning
Resumé en anglais
The importance of the 'Niagara Rosada" crop is major in several regions, especially in the state of São Paulo. In the production of this vine tree the use of pruning is essential, which can occur in several seasons. With that in mind, this study has as objective to compare 'Niagara Rosada' vine tree's development under different pruning seasons by analyzing characteristics as the length of the branch, average branch growth velocity, duration in days of the production cycle and degreedays (DD). The adopted pruning seasons were the winter pruning, being done in 08/04/2010, and the summer pruning, being done 01/28/2011. As experimental plot were use 4 plants, with 7 or 8 branches each, with the total of 30 branches. To analyze the results was used the Tukey test, comparing the treatments in the different periods of the production cycle (Pruning to Harvest, Sprout to Harvest, Pruning to Sprout, Sprout to Flowering, Flowering to Early Ripening and Early Ripening to Harvest. There was a significant difference between the treatments in all the comparisons. For the length of the branches, the winter pruning showed bigger branches in all the periods than the length of the summer pruning. As for the average branch velocity, it was superior in all the periods in the winter pruning. When considering the duration in days of the periods of the production cycle there was, in the beginning, a longer duration in the winter pruning an a longer duration in the end of the cycle for the summer pruning. When considering the total duration both treatments presented almost the same number. Finally, for the degree-days, the winter pruning showed a bigger rate in all the cycle, except in the Flowering to Early Ripening period, in which the summer pruning showed a bigger rate.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Date de Publication
2012-11-08
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2022. Tous droits réservés.