• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.11.2012.tde-25042012-152531
Documento
Autor
Nome completo
Renato Alves de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2012
Orientador
Banca examinadora
Caixeta Filho, Jose Vicente (Presidente)
Bliska, Flávia Maria de Mello
Casimiro Filho, Francisco
Favarin, José Laercio
Shirota, Ricardo
Título em português
Planejamento da conversão do café convencional para o orgânico: um estudo de caso
Palavras-chave em português
Agricultura orgânica
Café
Plano de conversão
Programação linear
Resumo em português
A Agricultura Orgânica oferece, ao mercado consumidor, produtos isentos de agentes químicos. Os produtores que fazem uso do sistema convencional e estiverem interessados em adotar a tecnologia orgânica de produção deverão se credenciar junto ao Ministério da Agricultura através de uma certificadora de produtos orgânicos. A certificação pode ser por auditoria ou participativa, mas para recebê-la o agropecuarista deve seguir as normas e procedimentos estabelecidos pela legislação brasileira de produtos orgânicos. Um dos procedimentos é o processo de conversão ou transição, pelo qual a atividade agrícola em manejo convencional muda para o manejo orgânico. O tempo de transição pode variar de 12 a 18 meses, no mínimo, de acordo com a espécie vegetal ou animal e pelo histórico da unidade produtiva. No caso do café, a conversão do sistema convencional para o orgânico pode trazer consigo, entre outros benefícios, a independência de insumos externos, menor risco para a saúde e pode proporcionar maior lucro ao produtor. Esta pesquisa tem como objetivo desenvolver um planejamento de produção do café para o processo de conversão da técnica convencional para a orgânica no Sítio Terra Verde em Espírito Santo do Pinhal no estado de São Paulo. Utilizou-se a metodologia de programação linear para maximizar o lucro e minimizar o custo de produção do café em seis cenários. O plano de conversão foi de oito anos, respeitando a bienalidade do cafeeiro, passando por três fases de manejo: substituição de insumos, conversão e produção orgânica. Foram realizadas três análises sobre o planejamento de conversão. Os resultados da primeira análise mostraram que a adoção da técnica orgânica proporcionou ao cafeicultor lucros superiores aos do sistema convencional no final do período de conversão, quando ocorre aumento sobre o preço da saca. Os cenários da segunda análise identificaram uma situação de prejuízo ao cafeicultor no 4º ano do planejamento e uma condição econômica desvantajosa em relação ao sistema convencional, pois o lucro geral foi inferior, devido à redução da produtividade até o final da conversão. A terceira análise apresentou uma situação em que o produtor não recebe o incremento sobre o preço da saca de café quando em manejo orgânico, o que levou à obtenção de resultado desvantajoso ao produtor, no qual o lucro geral do sistema orgânico foi muito baixo em relação ao do sistema convencional. Conclui-se que especificamente para o Sítio Terra Verde, pode ser economicamente viável a adoção da produção orgânica na cultura do café, mas é com extrema dependência do diferencial do preço entre os sistemas convencional e orgânico.
Título em inglês
Planning the conversion from conventional to organic coffee: a case study
Palavras-chave em inglês
Coffee
Conversion Plan
Linear programming
Organic Agriculture
Resumo em inglês
Organic agriculture offers products to the consumer market free of chemicals. Producers who use the conventional system and are interested in adopting organic production technology must be certified by the Ministry of Agriculture through a certification of organic products. Certification may be obtained by auditing or participatory, but in order to receive it, the rural producers must follow the rules and procedures established by the Brazilian laws for organic products. One example is the process of conversion or transition, through which the agricultural activity is converted from conventional farming to the organic one. The transition time may vary from 12 to 18 months, at least, according to the vegetal or animal species and the farm history. In the case of coffee, the conversion from conventional to the organic system can bring some benefits, for example, the independence of external inputs, risk lower to health and can provide more profit to the producer. Thus, this research aims carry out a coffee a plan of partial conversion to organic production technology for a rural property called Sítio Terra Verde at Espírito Santo do Pinhal, São Paulo State, which uses the conventional system. It was used linear programming to maximize profit and minimize costs of coffee production in six scenarios. The conversion planning was established to occur in eight years, respecting the twice yearly harvesting, with three stages: input substitution, conversion and organic production. Were held three analysis on the conversion plan. The results of the first analysis showed that the adoption of organic technique provided greater profits for the producers than the conventional system at the end of the conversion period, when the coffee bag's price raises. The second analysis scenarios identified a prejudice situation for the producer in the 4th year of planning and a disadvantage economic condition compared to the conventional system, because the overall profit was lower due to the reduction in productivity by the end of conversion time. The third analysis showed a situation where the producer does not receive a higher price due to the organic management, with a disadvantageous result for the producer, since the overall profit of the organic system was much lower compared to the conventional system. It was concluded that specifically for Sítio Terra Verde the adoption of organic management for the coffee farming can be economically viable, but it is extremely dependent on price differential between conventional and organic systems.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Errata.pdf (7.56 Kbytes)
Data de Publicação
2012-05-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.