• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.108.2020.tde-17062021-111213
Documento
Autor
Nome completo
Renan Garcia Guilherme
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Rocha, Eucenir Fredini (Presidente)
Carvalho, Brigida Gimenez
Peduzzi, Marina
Schmitt, Ana Carolina Basso
Título em português
Educação e Prática Interprofissional em uma Residência Multiprofissional Autogerida em Saúde da Família 
Palavras-chave em português
Educação em Saúde
Educação interprofissional
Residência multiprofissional
Trabalho em equipe
Resumo em português
A discussão sobre a educação e prática interprofissional, apesar de extremamente importante e internacionalmente vista como potente no sentido do cuidado integral e resolutivo, ainda é incipiente no Brasil, e as residências Multiprofissionais são consideradas espaços potentes para o seu desenvolvimento. Os Ministérios da Saúde e Educação, através do Edital nº 12, de 28 de agosto de 2015, pela primeira vez permitiram que serviços de saúde não vinculados a instituições de ensino superior propusessem Programas de Residência em Área Profissional da Saúde. Este estudo se debruçou sobre uma residência multiprofissional em Saúde da Família que é autogerida, ou seja, sem vinculação com uma instituição de ensino superior, no interior do Paraná, e teve como objetivo principal compreender o trabalho em equipe desenvolvido no programa e suas possíveis inter-relações com as propostas de Educação e Prática Interprofissionais. Teve como objetivo também a proposição de estratégias para o aprimoramento do programa no sentido da interprofissionalidade. Trata-se, portanto de um estudo de caso de abordagem qualitativa, de caráter descritivo e exploratório, em que foram realizadas análises documentais do Projeto Político Pedagógico e Matriz Curricular do programa, assim como grupos focais com os atores diretamente envolvidos (tutores, preceptores e residentes). Foi possível concluir que há uma desatualização do projeto político pedagógico, que não condiz com o currículo real vivenciado na residência. A matriz curricular do programa traz potencialidades em relação à aquisição de competências colaborativas por meio do uso de metodologias ativas e temáticas abrangentes focadas nas necessidades dos territórios. Os atores envolvidos na residência consideram os momentos teóricos da residência como potentes em relação à interprofissionalidade e influenciadores de um olhar diferenciado dos residentes acerca dos processos de trabalho nas unidades, porém este olhar não tem reverberado em uma atuação conjunta com as equipes de funcionários das unidades, encontrando dificuldades na qualificação dos serviços, fazendo com que, muitas vezes, os residentes, em relação ao restante da equipe, trabalhem de forma segregada, em lógicas distintas, em que os residentes encontram mais amparo para trabalharem de forma colaborativa. Estas fragilidades evidenciam a necessidade de mais interação entre a gestão e a residência, e entre a residência com os cenários de prática, tendo a interprofissionalidade como objetivo comum para que as provocações realizadas nos momentos teóricos encontrem um terreno fértil para a prática interprofissional.
Título em inglês
Interprofessional education and practice in a self-managed multi-professional residence in family health
Palavras-chave em inglês
Health education
Interprofessional education
Multi-professional residence
Teamwork
Resumo em inglês
The review of interprofessional education and practice, although extremely important and internationally understood as potent in the knowledge of integral and resolute care, is still incipient in Brazil, and Multi-professional residences are considered influential sites for development. The Ministries of Health and Education, through Edict No. 12 of August 28, 2015, for the first time allowed health services not linked to college institutions to propose Residency Programs in Health Professional Area. This study focused on a multi-professional self-managed Family Health residency not linked to a college institution, in the countryside of Paraná, and aimed to understand the teamwork developed in the program and its possible interrelations with the proposals of Interprofessional Education and Practice. Its objective was also to propose strategies for the program improvement towards interprofessional way. It is, therefore, a case study of qualitative approach, descriptive and exploratory, in which documentary analyzes of the Pedagogical Political Project and Curriculum Matrix of the program were performed, as well as focus groups with the actors directly involved (tutors, preceptors, and residents). It was possible to conclude that there is an outdated pedagogical political project, which does not suit the actual curriculum experienced at the residence. The program curriculum matrix brings potential concerning the acquisition of collaborative skills through the use of active and thematic comprehensive methodologies focused on the needs of the territories. The Residence actors consider the theoretical moments as influential regarding interprofessional which influences a differentiated residents point of view about the work processes in the units, but this scenario has not reverberated in a collective action with the crew, who find difficulties to qualify services, often promoting residents to work in a segregated process concerning the crew in different logics, where residents find more support to work collaboratively. These vulnerabilities highlight the necessity for more interaction between management and residence, and between residence and practice scenarios, with interprofessional as a common purpose so the provocations performed in theoretical moments find fertile ground for interprofessional practice.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-06-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.