• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.101.2020.tde-17012020-163943
Documento
Autor
Nome completo
Jurre Edsger van Dijk
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Amâncio Jorge Silva Nunes de (Presidente)
Mariano, Karina Lilia Pasquariello
Weiffen, Brigitte
Título em inglês
Reproducing and reflecting Latin America and South America: Wendtian and Deweyan analyses of Bolivia, Brazil and Chile in the agent-structure dynamic of the region.
Palavras-chave em inglês
Identity
Latin America
Regional integration
Regionalism
South America
Resumo em inglês
This dissertation attempts to reveal how state identity leads to the peculiar reproduction of an environment of regional organizations that present themselves as Latin American and South American. The regionalist intercourse in this part of the world is peculiar, because the success of these organizations at producing long-term outputs in material terms is highly dubious. That calls for a more pronouncedly human understanding of regional organizations and the states interacting with and within them: they present characteristics of social groups. The main question asked here, therefore, is: how does state identity affect decisions to create, adhere to, stay in or out of and socially deviate from regional organizations in South America and Latin America? To understand better what identity, state identity and their interactive roles may consist in, this dissertation adopts the ontological premises of conventional social-constructivism to conceptualize them. To then come to a way of measurement, it resorts to the school of pragmatism and employs Deweyan abduction. To study the norms, motives and interests of three Latin American and South American foreign offices and their interaction with their regional environment, discursive data obtained by way of semi-structured interviews with four Brasilia-based diplomats are used. It is concluded that such discourse does not yield a lens onto the mutual reproduction of agents and structure. It rather only presents the regional environment as a reflection of motivations and interests rooted ultimately in the geographic environments of the individual states, which interviewees defined differently for each one. Decisions with respect to the regionalist environment in this part of the world are therefore most often subject to national government actors' political will, or lack of it. Regionally, such actors' interests mostly converge when it comes to the mutual defense of national sovereignty. Tentative evidence for a more continuous commonly identified interest beyond that is found for states that define their foreign policies as pragmatic (Brazil, Chile). Such pragmatism being at odds with common institutional structures for a common interest, however, that interest is also still ultimately what national politics makes of it.
Título em português
Reproduzindo e refletindo a América Latina e a América do Sul: análises wendtianas e deweyanas de Bolívia, Brasil e Chile na dinâmica agente-estrutura da região
Palavras-chave em português
América do Sul
América Latina
Identidade
Integração regional
Regionalismo
Resumo em português
Essa dissertação busca revelar como a identidade do Estado leva à reprodução de um comportamento peculiar compondo um ambiente de organizações regionais que se apresentam como latinoamericanas ou sul-americanas. As relações no âmbito regionalista nesta parte do mundo são peculiares, pois o sucesso destas organizações em produzir resultados de longo prazo em termos materiais é altamente duvidoso. Isso requer um entendimento mais atencioso para o caráter social das organizações regionais e para os Estados interagindo com e dentro delas: apresentam características de grupos sociais. A pergunta principal feita aqui é, portanto: como a identidade de Estado afeta decisões de criar, aderir a, permanecer dentro ou fora e desviar socialmente de organizações regionais na América Latina e América do Sul? Para entender melhor no que consistem identidade, identidade de Estado e os papéis interativos que têm, essa dissertação adota as premissas ontológicas do social-construtivismo convencional para conceitualizá-los. Para então chegar a um quadro de medição, recorre-se à escola do pragmatismo e emprega-se a análise abdutiva deweyana. Para estudar as normas, os motivos e os interesses de três ministérios de relações exteriores latinoamericanos e sul-americanos e sua interação com seu ambiente regional, usa-se discursos obtidos por meio de entrevistas semi-estruturadas com quatro diplomatas em Brasília. Conclui-se que tais discursos não fornecem uma lente sobre a reprodução mútua de agentes e estrutura. Apresentam, ao contrário, o ambiente regional como reflexão de motivações e interesses enraizados fundamentalmente nos ambientes geográficos dos Estados individuais, cada um dos quais os entrevistados definiram de forma diferente. As decisões que dizem respeito ao ambiente regional nesta parte do mundo são, portanto, muitas vezes sujeitas à vontade política de atores governamentais nacionais, ou à falta dela. Regionalmente, os interesses de tais atores convergem quanto à defesa mútua da soberania nacional. Evidências provisórias para um interesse comumente identificado que vai além disso encontram-se entre Estados que definem suas políticas externas como pragmáticas (Brasil, Chile). Contudo, tal pragmatismo contradiz estruturas institucionais para tal interesse comum, o qual no fim das contas, então, também continua a ser o que as políticas nacionais fazem dele.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-01-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.