• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.100.2018.tde-21022018-163230
Documento
Autor
Nombre completo
Amanda Baldissera Damião
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2018
Director
Tribunal
Raimundo, Sidnei (Presidente)
Moretto, Evandro Mateus
Sansolo, Davis Gruber
Tomazzoni, Edegar Luís
Título en portugués
O mito do turismo sustentável na Ilha João da Cunha - SC: análise das políticas públicas e instrumentos da sustentabilidade
Palabras clave en portugués
Desenvolvimento sustentável
Ilha João da Cunha
Instrumentos legais
Políticas públicas
Turismo sustentável
Resumen en portugués
O discurso do turismo sustentável destaca principalmente a faceta da atividade turística como atividade econômica, sendo o seu conceito vago e ambíguo e de duvidosa operacionalidade prática, além de politicamente apelativo. Partindo desta premissa, tornou-se intrigante estudar uma área consolidada como sustentável, em uma região de altíssimo interesse cultural, social, ambiental, econômico, e cercada por modelos de turismo massificados e predatórios, como é o caso das cidades vizinhas: Balneário Camboriú, Meia Praia, Bombas e Bombinhas. O objeto de estudo desta pesquisa foi a Ilha João da Cunha, localizada no litoral centro-norte de Santa Catarina, no objeto existe um empreendimento turístico desde 1996 e o projeto para a construção de um resort de luxo. A pesquisa teve como objetivo analisar as políticas públicas e seus instrumentos para o desenvolvimento do turismo na Ilha João da Cunha. A pesquisa foi um estudo de caso, exploratório e documental realizado através da análise crítica das políticas públicas e seus instrumentos para o desenvolvimento sustentável e a sustentabilidade do turismo e como eles rebatem no objeto de estudo - a Ilha João da Cunha. Foi apresentado o que as políticas públicas interpretam por desenvolvimento sustentável e sustentabilidade sob à luz da análise crítica do conteúdo explícito dessas políticas, e analisados o instrumentos que legitimam o uso e a ocupação da Ilha. Os resultados apontaram para a fragilidade das políticas públicas e seus instrumentos para o desenvolvimento sustentável do turismo e os conflitos de interesses existentes em relação ao uso e ocupação da Ilha como propriedade privada. O ganho econômico não pode sobrepor as dimensões propostas para o desenvolvimento sustentável na perspectiva do turismo
Título en inglés
The myth of sustainable tourism in João da Cunha Island - SC: analysis of public policies and sustainability instruments
Palabras clave en inglés
Joao da Cunha Island
Legal instruments
Public policy
Sustainable development
Sustainable tourism
Resumen en inglés
The discourse of sustainable tourism highlights mainly the facet of tourism as an economic activity, its concept is vague and ambiguous and dubious practical operationality, in addition to politically appealing. Starting from this premise, it became intriguing to research an area consolidated as sustainable, in a region of very high cultural, social, environmental and economic interest, and surrounded by mass tourism and predatory models, as is the case of neighboring cities: Balneário Camboriú, Meia Praia, Bombas and Bombinhas. This research focus on João da Cunha Island, located in the central-north coast of Santa Catarina, in which there is a tourist enterprise since 1996 and the project of a luxury resort development. The research aimed to investigate in an exploratory and documental way through the critical analysis of public policies and their instruments for the sustainable development and sustainability of tourism and how they link to the object of study - João da Cunha Island. It presents how public policies interpret for sustainable development and sustainability under the light of a critical analysis for these policies explicit content, and analyzed the instruments that legitimize the occupation of the Island. The results pointed to the fragility of public policies and their instruments for the sustainable development of tourism and the existing conflicts of interest regarding the use and occupation of the Island as private property. The economic gain can not overlap the dimensions proposed for sustainable development from the perspective of tourism
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Amanda.pdf (9.54 Mbytes)
Fecha de Publicación
2018-03-02
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.