• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Sharlene de Souza Queiroz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Guridi, Verónica Marcela (Presidente)
Araújo, Ulisses Ferreira de
Lima, Ana Laura Godinho
Martins, Lilian Cassia Bacich
Título em português
Escolas Democráticas: a autonomia e o protagonismo juvenil no modelo horizontal da gestão do conhecimento
Palavras-chave em português
Assembleias escolares
Autonomia juvenil
Educação democrática
Formação de identidade
Protagonismo juvenil
Resumo em português
O presente trabalho busca compreender como ocorre a relação entre a educação democrática e a formação de identidade juvenil no âmbito da autonomia e do protagonismo, por meio da realização de um estudo de caso em uma escola democrática. Buscou-se caracterizar a relação do estudante que se conecta ao aprendizado sem um adulto dominante dirigindo o processo de aprendizado, e como essa liberdade impacta sua vida escolar e a formação de sua identidade autônoma e o protagonista. Interessou conhecer o estudante e sua integral relação com os sistemas simbólicos culturais, possibilitando uma abordagem sobre currículo e sua relação com a construção de identidades juvenis sob a perspectiva dos Estudos Culturais, cujas contribuições de Stuart Hall, importante teórico dos Estudos Culturais que trata das identidades, foram imprescindíveis. Para isso, além da revisão bibliográfica dos principais temas abordados, foi realizada também uma pesquisa experimental com estudantes, corpo docente e estrutura de uma escola da região metropolitana de São Paulo que se assume como escola democrática. Foi também realizada a coleta de uma pequena parte de dados em uma escola tradicional privada na mesma região. A coleta de dados ocorreu por meio de entrevistas utilizando a técnica do grupo focal; entrevistas individuais com corpo docente; observações; análise do Projeto Político Pedagógico da escola objeto de estudo; coleta de dados a partir do uso de redações nessa escola e em uma segunda escola, sendo essa de modelo tradicional. No que se refere à análise dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo, de Laurence Bardin, e foram construídas três categorias e um conjunto de indicadores para cada uma delas, que serviram de base para a análise. Os resultados mostram que há indícios de protagonismo e autonomia nos estudantes da escola democrática. O currículo da escola prevê uma série de ferramentas que contribuem para a participação e diálogo. Porém, não é possível afirmar que a autonomia e o protagonismo sejam características exclusivas de estudantes desta escola, conforme visto na comparação entre as redações dos estudantes da escola democrática e da escola tradicional. Outro aspecto importante é a capacidade de construção coletiva destes estudantes, o que sugere que os estudantes desta escola estejam construindo uma identidade que se preocupa com as relações sociais, com o entorno e com a importância da convivência coletiva pautada nas regras e no respeito, uma vez que eles deliberam temas em assembleias e praticam a escuta atenciosa nos diversos campos de diálogo que a escola oferece
Título em inglês
Democratic Schools: Juvenile autonomy and protagonism in the horizontal model of knowledge management.
Palavras-chave em inglês
Democratic education
Formation of identity
Juvenile autonomy
Juvenile protagonism
School meetings
Resumo em inglês
This study aimed to understand the relationship between democratic education and formation of juvenile identity in the scope of autonomy and protagonism, through a case study in a democratic school. It was sought to characterize the relationship of students with the learning process without the guidance of a dominant adult, and how this freedom impacts their school life and the formation of their autonomous identity and protagonism. The students and their integral relationship with the cultural symbolic systems were analyzed, allowing us to approach the curriculum and its relationship with the construction of juvenile identities from the perspective of Cultural Studies, for which the contributions of Stuart Hall, an important Cultural Studies theorist who deals with identities, were essential. For this, in addition to the bibliographic review of the main themes discussed, experimental research on students, faculty, and structure was also carried out in a democratic school in the metropolitan region of São Paulo and some data were also collected in a private traditional school in the same region. Data collection was done through interviews using the focal group technique; individual interviews with the faculty; comments; analysis of the Pedagogical Political Project of the school under study; and data collection from essays in this school and in a traditional model school. The content analysis of Larence Bardin was used to analyze the data, and three categories were established and a set of indicators was created for each of them, which served as a basis for the analysis. The results show that the democratic school students have some protagonism and autonomy and that the curriculum of this school provides a series of tools that contribute to participation and dialogue; however, it is not possible to affirm that the autonomy and protagonism are the exclusive characteristics of students of this school, as seen by comparing the essays of the democratic school students with those of the traditional school students. Another important aspect in the democratic school is the students collective construction capacity, which suggests they have built an identity concerned with social relationships, environment and importance of collective coexistence based on rules and respect as they discuss themes in meetings and practice attentive listening in the several fields of dialogue the school offers
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DissertacaoPARTE2.docx (110.42 Mbytes)
Data de Publicação
2019-09-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.