• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.10.2020.tde-28012021-213118
Documento
Autor
Nome completo
Miriam Zibordi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2020
Orientador
Banca examinadora
Belli, Carla Bargi (Presidente)
Brossi, Patricia Monaco
Nichi, Marcilio
Título em português
Efeito do óleo de alho na prevenção da hiperlipidemia em equinos
Palavras-chave em português
Alho
Equino
Hiperlipidemia
Peroxidação lipídica
Resumo em português
A hiperlipidemia em equinos está associada à necessidade de mobilização das reservas lipídicas em caso de balanço energético negativo. Sua ocorrência em animais internados pode ser alta e, em casos graves (hiperlipemia), o prognóstico é mau. O tratamento tem como base principal a correção do balanço energético. As propriedades hipolipemiantes do óleo de alho são conhecidas em humanos e, embora seja muitas vezes utilizado em hospitais veterinários como terapia adjuvante nessa afecção, há poucos estudos em equinos. No presente estudo, pretendeu-se avaliar o efeito do óleo de alho na prevenção da hiperlipidemia em equinos internados em hospital veterinário bem como possíveis alterações hematológicas e de peroxidação lipídica durante o uso. Foram selecionados sessenta equinos adultos, independentemente de raça, sexo e enfermidade, que ficaram internados no hospital veterinário por no mínimo uma semana. Os mesmos foram divididos em dois grupos: G1 (experimental) que recebeu 15mL de Alli-Um®, produto comercial para equinos contendo óleo de alho, por via oral, uma vez ao dia, durante o período de internação, e G2 (controle) que não sofreu interferências em seu manejo. No primeiro dia de internação (T0) e a cada três dias foram coletadas amostras de sangue para a dosagem de triglicérides, colesterol total, glicemia, bilirrubina direta, bilirrubina total, ureia e creatinina e, a cada sete dias, para realização de hemograma. Amostras coletadas de seis animais de cada grupo foram avaliadas quanto a peroxidação lipídica através do Método de TBARS Espontâneo. Apresentaram hiperlipidemia, em pelo menos um dos períodos de coleta, 36,6% do G1 e 23,3% do G2, não havendo diferença estatística entre os grupos. As diferenças pontuais observadas para as variáveis da bioquímica sérica, na comparação entre grupos e na avaliação dos grupos ao longo do tempo, não foram atribuídas ao uso do óleo de alho. Não houve diferença significante no valor de hemácias entre os tempos de coleta do grupo experimental. Não houve diferença significante entre os grupos quanto à peroxidação lipídica. Conclui-se que a suplementação com óleo de alho (Alli-Um®) na dose e frequência utilizadas no presente estudo é segura, não causando anemia, mas não foi capaz de prevenir a ocorrência de hiperlipidemia e nem de interferir na peroxidação lipídica em equinos internados em hospital veterinário.
Título em inglês
Effect of garlic oil on the prevention of hyperlipidemia in horses
Palavras-chave em inglês
Equine
Garlic
Hyperlipidemia
Lipid peroxidation
Resumo em inglês
Equine hyperlipidemia is associate with the need to mobilize lipid reserves in case of negative energy balance. There is a high prevalence in hospitalized animals and, in severe cases (hyperlipaemia), the prognosis is poor. The treatment basis is energetic balance correction. Garlic oils lipid-lowering properties are known in human medicine, and, although it is used in veterinary hospitals as an adjuvant in this affection, there are few studies of its effects on horses. In the present study, it was intended to evaluate the garlic oil action in the prevention of hyperlipidemia in hospitalized horses, as well as possible hematologic or lipid peroxidation change during use. It was selected sixty adult equines, regardless of race, sex, and illness, who were admitted to the veterinary hospital for at least a week. They were divided into two groups: G1 (experimental) that received 15mL of Alli-Um®, commercial product for equine with garlic oil, orally, once a day during the hospitalization period, and G2 (control), that did not suffer interference in its management. On the first day of hospitalization (T0) and every three days, blood samples were collected for the measurements of triglycerides, total cholesterol, glycemia, direct bilirubin, total bilirubin, urea and creatinine and, every seven days, for total blood count. Samples collected from six animals in each group were evaluated for lipid peroxidation using the Spontaneous TBARS Method. 36.6% of G1 and 23.3% of G2 presented hyperlipidemia in at least one of the collection periods, with no statistical difference between the groups. The punctual differences observed for serum biochemistry variables, in the comparison between groups and in the evaluation of groups over time, were not attributed to the use of garlic oil. There was no significant difference in the value of red blood cells between the collection times of the experimental group. There was no significant difference between the groups regarding lipid peroxidation. It is concluded that supplementation with garlic oil (Alli-Um®) in the dose and frequency used in the present study is safe, does not cause anemia, but it was not able to prevent the occurrence of hyperlipidemia or to interfere with lipid peroxidation in horses admitted to a veterinary hospital.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2021-03-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.