• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2012.tde-23092013-121831
Documento
Autor
Nome completo
Beatriz Dörr Caniceiro
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Górniak, Silvana Lima (Presidente)
Gomes, Cristina de Oliveira Massoco Salles
Paulino, Célia Aparecida
Título em português
Efeitos da Paullinia cupana e de seus principais compostos ativos na modulação da resposta imune
Palavras-chave em português
Cafeína
Catequina
Guaraná
Imunidade adaptativa
Plantas medicinais
Resumo em português
A busca por substâncias imunomoduladoras oriundas de plantas medicinais é crescente devido à grande variedade de doenças relacionadas às respostas imunológicas desordenadas, como as autoimunidades e o câncer. Neste sentido, sabe-se que a Paullinia cupana, popularmente conhecida como guaraná, é uma planta medicinal que apresenta entre outros efeitos, propriedades quimiopreventiva e antitumoral em camundongos. Entretanto, até o presente estudo, não havia relatos na literatura a respeito dos efeitos desta planta sobre o sistema imune, conhecido por desempenhar papel fundamental não só no controle de infecções, mas também no combate ao câncer. Assim, o presente estudo avaliou os efeitos do pó das sementes de guaraná e de seus principais compostos ativos, cafeína e catequina, sobre o sistema imune de camundongos C57BL/6 através de protocolos preconizados pela Organization for Economic Cooperation and Development (OECD) com modificações. Os resultados obtidos mostraram que o guaraná, devido à ação majoritária da catequina, mas com a participação da cafeína também, diminui as respostas imunes, celular e humoral, verificada através da diminuição da expansão de linfócitos T frente a um antígeno específico, redução da resposta de hipersensibilidade do tipo tardia e título de anticorpos, diminuição dos pesos relativos do baço e timo e celularidade deste último, além de aumento de células imaturas no timo. Desta forma, os resultados aqui expostos demonstram, pela primeira vez, que a ingestão de guaraná reduz a imunidade adaptativa através da diminuição das respostas celular e humoral. Assim, futuros estudos deverão ser realizados, no sentido de se verificar a possibilidade do uso desta planta ou de seus princípios ativos no controle de doenças inflamatórias e autoimunes, caracterizadas por uma resposta exacerbada do sistema imune.
Título em inglês
Effects of Paullinia cupana and its main active principles on the immune response modulation
Palavras-chave em inglês
Adaptative immunity
Caffeine
Catechin
Guarana
Herbal plants
Resumo em inglês
Seeking for immunomodulatory compounds derived from medicinal plants is increasing due to the huge variety of diseases related to disordered immune responses, such as autoimmunity and cancer. Therefore, it is known that the Paullinia cupana, popularly known as guarana, is a medicinal plant that has among other effects, chemopreventive and antitumor properties in mice. However, until the present moment, there were no reports in the literature about the effects of this plant on the immune system, which is known to play key role not only in the infectious control, but also in combat cancer. Thus, this study evaluated the effects of guarana seed powder and its major active principles, caffeine and catechin, on the immune system of C57BL/6 mice through protocols recommended by the Organization for Economic Cooperation and Development (OECD) with modifications. The results showed that guarana, due to the majority action of catechin, but also with the participation of caffeine, decreases the cellular and humoral immune responses, as indicated by the decreased expansion of antigen-specific T lymphocyte, reduced response delayed-type hypersensitivity and titer of antibodies, reduction in relative weights of thymus and spleen cellularity, besides increase of immature cells in the thymus. Thus, the results showed here demonstrate, for the first time, that the intake of guarana decreases the adaptive immunity by reducing cellular and humoral responses. Thus, futures studies should be conducted in order to better evaluate the use of this plant and/or its main active principle in the treatment of inflammatory and autoimmune diseases, which are characterized by exarcebated immune response.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-10-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.