• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2011.tde-19102012-154735
Documento
Autor
Nome completo
Catia Dejuste de Paula
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Dias, José Luiz Catão (Presidente)
Coutinho, Selene Dall Acqua
Grego, Kathleen Fernandes
Matushima, Eliana Reiko
Rodrigues, Miguel Trefaut Urbano
Título em português
Patologia comparada de infecções selecionadas de anfíbios anuros de vida livre do bioma da Mata Atlântica: estudo prospectivo
Palavras-chave em português
Batrachochytrium dendrobatidis
Anfíbios
Doenças infecciosas
Parasitologia
Patologia
Resumo em português
Os anfíbios apresentaram um severo declínio de suas populações nas últimas décadas. Dentre as diversas causas dos declínios estão as doenças infecciosas. O presente trabalho tem o objetivo de estudar a ocorrência de enfermidades selecionadas que podem acometer estes animais na Mata Atlântica brasileira, e, desta forma, contribuir para a melhor compreensão das conseqüências destas enfermidades para a conservação dos anfíbios em nosso meio. Foram coletados 120 animais da Estação Biológica da Boracéia e realizaram-se exames necroscópicos, histopatológicos, microbiológicos, parasitológicos e PCR convencional para Batrachochytrium dendrobatidis em grande parte dos animais. Coletou-se 33 espécies diferentes pertencentes a sete famílias diferentes. Encontrou-se, no exame necroscópico, endoparasitas em 45,8% (55/120) dos espécimes examinados e ectoparasita (sanguessuga) em um espécime. Do total de animais analisados para Batrachochytrium dendrobatidis, 19,1% (22/115) foram positivos para Bd. O exame necroscópico assim como o histopatologicos da grande maioria dos animais estudados não exibiu alterações relevantes, sendo que os sistemas mais acometidos foram o digestório e tegumentar seguidos pelos urinário e linfóide. A somatória dos resultados aqui exibidos sugere que, nas condições específicas deste trabalho, os agentes identificados não induziram processos patológicos relevantes, sinalizando uma relação hospedeiro x parasita simétrica. Porém, face ao frágil equilíbrio existente no ambiente da Mata Atlântica e a suscetibilidade dos anfíbios às mudanças dos ecossistemas, cremos que monitoramentos de longo prazo sejam necessários para que se possa acompanhar, com alguma margem de segurança, a evolução desta delicada relação.
Título em inglês
Comparative pathology of selected infections of free living anuran amphibians from the Atlantic Forest biome: prospective study
Palavras-chave em inglês
Batrachochytrium dendrobatidis
Amphibians
Infectious diseases
Parasitology
Pathology
Resumo em inglês
Amphibians suffered a severe decline of their populations in recent decades. Among the various causes of the declines are infectious diseases. The present work aims to study the occurrence of selected diseases that can affect these animals in the Brazilian Atlantic Forest, and thus contribute to a better understanding of the consequences of these diseases for the conservation of these animals. We collected 120 animals from the Biological Station of Boracéia and performed necropsy, histopathology, microbiology, parasitology and conventional PCR for Batrachochytrium dendrobatidis exams in most animals. We collected 33 different species belonging to seven different families. It was found at necropsy, endoparasites in 45.8% (55/120) of specimens examined and an ectoparasite in only one specimen. Of the total number of animals analyzed for Batrachochytrium dendrobatidis, 19.1% (22/115) were positive for this fungus. The necropsy and histopathological exams from the vast majority of animals studied did not show significant changes. The most affected systems were the digestive and integumentary followed by the lymphoid and urinary. The results shown in this work suggests that the infections agents did not induce relevant pathological processes in the specific conditions of this research. However, given the fragile balance of the Atlantic Forest and the susceptibility of amphibians to ecosystem change, we believe that long-term monitoring is needed to follow with some safety margin, the evolution of this delicate relationship.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.