• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
https://doi.org/10.11606/T.10.2019.tde-09042020-103046
Documento
Autor
Nome completo
Maria Gabriela Xavier de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Knöbl, Terezinha (Presidente)
Borges, João Carlos Shimada
Cunha, Marcos Paulo Vieira
Moreno, Andrea Micke
Vieira, Mônica Aparecida Midolli
Título em português
Espécies patogênicas de Arcobacter spp. de origem aviária: identificação molecular, caracterização fenotípica e interação com hospedeiro
Palavras-chave em português
Arcobacter spp
Campylobacteriaceae
Doença de transmissão alimentar
Toxi-infecção alimentar
Resumo em português
Arcobacter spp. é um microrganismo Gram negativo causador de diarreia e sepse em humanos. O objetivo deste trabalho foi caracterizar isolados de Arcobacter spp., provenientes de recortes de carne de frango do Município de São Paulo. Foram utilizadas 40 estirpes de Arcobacter spp das espécies A. butzleri (27/40) e A. cryaerophilus (13/40), provenientes de 231 recortes de carnes de frangos (2013 a 2015). Os resultados obtidos no perfil de resistência antimicrobiana determinado pela concentração inibitória mínima (CIM) revelaram que 62,5% das estirpes eram resistentes à clindamicina, 45% ao ácido nalidíxico e florfenicol, 7,5% à azitromicina e ciprofloxacina, 5% à telitromicina, 2,5% à eritromicina e tetraciclina e 0% à gentamicina. Algumas estirpes foram selecionadas para os ensaios fenitípicos in vitro e in vivo. A análise da produção de biofilme de 12 expressa pelo índice de formação de biofilmes (IFB), revelou uma estirpe com padrão moderado. As demais apresentaram padrão fraco (11/12). Nos testes de aderência, 4/5 estirpes apresentaram padrão de adesão difusa (3h) sobre a superfície celular com variação de baixa a alta intensidade. Todas as estirpes foram positivas no teste de toxicidade com efeito em 24h. Estas estirpes causaram hemorragia intestinal no teste de alça ligada em coelho, com intenso edema de submucosa. A inoculação experimental em aves revelou lesões mais acentuadas no quarto dia após infecção, mas sem sintomas clínicos significativos. Lesões inflamatórias como espessamento de vilosidades e alteração de criptas intestinais foram observadas no exame histológico. A avaliação dos parâmetros de modulação da resposta imune local foi realizada entre indivíduos de cada grupo experimental de aves, revelando diferenças de expressão da citocinas IL 1 e IL 10 do baço e tonsila cecal.
Título em inglês
Arcobacter spp. pathogenic species of avian origin: molecular identification, phenotypic characterization and interaction with host
Palavras-chave em inglês
Arcobacter spp
Campylobacteriaceae
Food transmission disease
Toxi-food infection
Resumo em inglês
Arcobacter spp. is a Gram negative microorganism causing diarrhea and sepsis in humans. The aim of this study was to phenotypically characterize arcobacter spp.isolates from chicken meat cutouts marketed in the city of São Paulo. Forty strains of Arcobacter spp. of species A. butzleri (27/40) and A. cryaerophilus (13/40) from 231 chicken meat cutouts collected in butchers and municipal markets (2013 to 2015). The results obtained in the antimicrobial resistance profile determined by the minimum inhibitory concentration (MIC) revealed that 62.5% of the strains were resistant to clindamycin, 45% resistant to nalidyxic acid and florfenicol, 7.5% to azithromycin and ciprofloxacin, 5% telitermycin, 2.5% to erythromycin and tetracycline and 0% to gentamycin. The analysis of biofilm production of 12 strains expressed by the moderate biofilm formation index (IFB) only 1 strain. The others presented a weak pattern (11/12). In the adhesion tests, 4/5 strains showed diffuse adhesion pattern (3h) on the cellular surface with low to high intensity variation. All strains were positive in the toxicity test with effect at 24h. These strains caused intestinal hemorrhage in the rabbit-illeal loop test, with intense submucosal edema. Experimental inoculation in birds revealed more pronounced lesions on the fourth day after infection, but without significant clinical symptoms. Inflammatory lesions such as thickening of villi and altered intestinal crypts were observed on histological examination. The evaluation of the modulation parameters of the local immune response was performed among individuals from each experimental group of birds, revealing differences in expression of cytokines IL 1 and IL 10 the spleen and cecal tonsil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2020-08-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.