• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2012.tde-05062013-160623
Documento
Autor
Nome completo
Gabriele Bin Alves Pereira
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Antônio José Piantino (Presidente)
Knöbl, Terezinha
Mettifogo, Elena
Título em português
Imunodetecção de antígenos de Escherichia coli em infecção experimental em aves
Palavras-chave em português
Escherichia coli
Western blot
Eletroforese unidimensional
Proteínas
Resumo em português
A colibacilose é uma enfermidade importante na avicultura por causar prejuízos econômicos e danos à carcaça. Escherichia coli é um micro-organismo oportunista e a complexidade da infecção se deve a diversidade de sorotipos, variados fatores de virulência e baixa capacidade de estimular a imunidade cruzada. Assim, a compreensão dos mecanismos de virulência que ocorrem no hospedeiro, pode resultar no desenvolvimento de métodos diagnósticos e profiláticos. Neste estudo, 85 pintinhos foram divididos em quatro grupos, sendo três infectados com diferentes sorogrupos de Escherichia coli (O2, O78, O119) e um vacinado com Poulvac® E.coli (Pfizer®). As lesões sugestivas de colibacilose foram avaliadas e qualificadas aos 35 dias de idade, e em seguida realizada a colheita de sangue para a obtenção do soro. Foram obtidas proteínas in vitro dos sorogrupos de E. coli utilizados na infecção experimental e da vacina (mutante de Escherichia coli O78). Estas foram separadas por eletroforese unidimensional em gel de acrilamida utilizando dodecil sulfato de sódio (SDS) e foram submetidas a reação de western blot com a mistura de soros de cada grupo estudado e também com o pool de soros de aves livres de patógenos específicos (SPF), usadas como controle negativo. O perfil eletroforético revelou a presença de várias proteínas dos diferentes sorogrupos de E. coli quando cultivadas no meio casaminoácido e levedura. Houve diferenças entre os sorotipos, mas também proteínas comuns. Foi possível estabelecer uma relação entre virulência, quantidades de proteínas específicas e taxa de reisolamento.
Título em inglês
Imunodetection of Escherichia coli antigens in experimental infection in broiler flocks
Palavras-chave em inglês
Escherichia coli
Western blot
Proteins
Unidimensional electrophoresis
Resumo em inglês
The colibacillosis is a serious disease in poultry industry to cause economic losses and damage to carcass. Escherichia coli is an opportunistic microorganism and the complexity of infection is due to the diversity of serotypes, several virulence factors and low ability to stimulate cross-immunity. Thus understanding of virulence mechanisms that occur in the host, may result in development of diagnostic and prophylactic methods. In this study, 85 chicks were divided into four groups being infected with three different serogroups of E. coli (O2, O78, O119) and vaccinated with Poulvac E. coli ® (Pfizer ®). The lesions suggestive of colibacillosis were evaluated at 35 days of age, and then the blood sample are collected to obtain the serum. Proteins were obtained in vitro from serogroups of E. coli used in experimental infection and vaccine (mutant of Escherichia coli O78). These were separated by one-dimensional electrophoresis on acrylamide gels using sodium dodecyl sulfate (SDS) and then reacted by western blot with the pool of sera from each group and also with the pool of sera from specific pathogen free poultry used as negative control. The electrophoretic pattern showed the presence of many proteins of different serogroups of E. coli when grown in the broth casaminoacid and yeast. There were differences among serotypes, but also common proteins. It was possible to establish a relationship between virulence and reisolation rate.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.