• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2011.tde-04092012-160643
Documento
Autor
Nome completo
Camila Peloso Bello
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Antônio José Piantino (Presidente)
Pizarro, Liliana Del Carmen Revolledo
Raso, Tânia de Freitas
Título em português
Detecção molecular e diagnóstico diferencial de vírus entéricos em aves comerciais
Palavras-chave em português
Avicultura
Diagnóstico
Galinhas
PCR
Vírus entéricos
Resumo em português
O Brasil é omaior exportador e o terceiro maior produtor de carne de aves, atrás apenas de Estados Unidos e China. Para que o país se mantenha neste patamar e continue a crescer como produtor de frango, é fundamental que o setor avícola brasileiro priorize as questões sanitárias. Dentre as doenças que acometem as aves, um dos grupos mais importantes são aquelas que afetam o trato digestivo. As infecções intestinais em aves podem ser determinadas por bactérias, protozoários, micotoxinas e vírus. Os vírus entéricos das galinhas, incluindo Adenovírus, Astrovírus, Reovírus e Rotavírus, têm sido descritos como possíveis causadores da síndrome da má absorção (runting stunting syndrome), caracterizada principalmente por deficiência no crescimento, desenvolvimento retardado das penase diarréia. Neste estudo foram avaliadas amostras provenientes de aves de produção de diferentes origens (frangos de corte, reprodutoras e poedeiras). O conteúdo intestinal de aves oriundas de lotes com sinais clínicos entéricos e também lotes com ausência destes sinais foi submetido ao diagnóstico diferencial por PCR para quatro agentes virais: Adenovírus, Astrovírus, Reovírus e Rotavírus. Das 162 amostras testadas, 65 amostras foram positivas (40,1%) para um ou mais vírus e 97 amostras foram negativas (59,9%),sendo 2 amostras (1,2%) positivas para Adenovírus, 50 (30,9%) amostras positivas para Astrovírus, 19 (11,7%) amostras positivas para Reovírus e 12 (7,4%) foram positivas para Rotavírus.Astrovírus, Reovírus e Rotavírus parecem desempenhar papel importante como agentes causadores de problemas entéricos em aves de produção, especialmente em frangos de corte. Entretanto, mais estudos direcionados à detecção, isolamento, inoculação experimental, possíveis interações e caracterização molecular relacionados aos vírus entéricos são fundamentais para melhor esclarecimento da participação destes como agentes causadores de doença em aves.
Título em inglês
Molecular detection and differential diagnosis of enteric viruses from commercial chickens
Palavras-chave em inglês
Chickens
Diagnostic
Enteric viruses
PCR
Poultry
Resumo em inglês
Brazil is the largest exporter and the world's third largest poultry produces, behind USA and China. It is essential that Brazil priorizes healthy issuesin order to maintain this position and keep growing as poultry producer. Diseases that affect the digestive system of chickens are one of the most important group of diseases in poultry flocks.There are different causes of Eenteric infections in chickens may be caused by, such as bacterias, protozoans, mycotoxins and viruses.Enteric viruses, like adenovirus, astrovirus, reovirus e rotavírus, have been described as possible cause of Runting Stunting Syndrome (RSS) in poultry, characterized by growth problems, poor feathering and diarrhea. In this study were evaluated samples from laying hens, breeders and broilers. The intestinal content from healthy and affected flocks were tested by PCR for four enteric viruses from chickens: adenovirus, astrovirus, reovirus e rotavirus. From the 162 samples tested, 65 (40,1%) were positive for one or more viruses and 97 (59,9%) were negative. Two samples (1,2%) were positive for adenovirus, 50 (30,9%) were positive for astrovirus, 19 (11,7%) were positive for reovirus and 12 (7,4%) were positive for rotavírus. Astrovirus, reovirus and rotavírusseem to play a important role as causative agent of enterical disorders in chickens, mainly in commercial broilers. However, more studies about detection, viral growth, molecular characterization, experimental inoculation and possible interaction with other agents related to enteric viruses in chickens are necessary to elucidate the participation of these viruses as causative agent of diseases in chickens.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-10-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.