• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2012.tde-12062013-102120
Documento
Autor
Nome completo
Renata Avancini Fernandes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Miglino, Maria Angélica (Presidente)
Borelli, Vicente
Feder, David
Fratini, Paula
Nishiyama, Ana Claudia Oliveira Carreira
Título em português
Estudo de Longo Prazo do Tratamento Farmacológico com Multi-Fármacos das Alterações Patofisiológicas do Modelo Canino de Distrofia Muscular (GRMD)
Palavras-chave em português
Distrofia Muscular de Duchenne
GRMD
Multi-fármacos
Resumo em português
A Distrofia Muscular dos cães Golden Retriever (GRMD), é uma miopatia degenerativa causada pela ausência de uma proteína, a distrofina, geneticamente homóloga à distrofia muscular de Duchenne que acomete humanos, portanto, estes cães são considerados modelos experimentais para estudos que buscam tratamentos para esta doença progressiva e sem cura. Neste trabalho, foram selecionadas sete diferentes medicamentos, entre eles: Sildenafil; Ácido ursodesoxicólico; Acetilcisteína; Losartana Potássica; Micofenolato de Mofetila; Talidomida e Diltiazen, formando um coquetel de medicamentos com a finalidade de tratar os efeitos deletérios causados pela distrofia muscular, proporcionando dessa forma, uma melhor qualidade e sobrevida para os pacientes distróficos. Cada medicamento foi escolhido pela sua ação: sildenafil, aumento do óxido nítrico; ácido ursodesoxicólico, antiinflamatório; Acetilcisteína, antioxidante; Losartana Potássica, antifibrótico e cardioprotetor; Micofenolato de Mofetila, imunossupressor; Talidomida, antiTNF; diltiazen, bloqueador dos canais de cálcio. Para o experimento, foram utilizados 6 cães machos GRMD, sendo 2 controle e 4 experimentais, com o tratamento iniciado aos 80 dias até 10 meses de idade. Os animais foram avaliados em diferentes momentos, com exames séricos, histologia básica, imuno-histoquímica e PCR.Após avaliações, podemos concluir que o coquetel de medicamentos, não causou melhora clínica nos cães do grupo experimental. A dosagem de leucócitos, TGP, CK e a expressão de NFkβ e TGFβ1 foi menor no grupo experimental comparado com o grupo controle, sugerindo uma melhora do processo inflamatório e tardia progressão da distrofia muscular no grupo experimental.
Título em inglês
Study of long-term treatment with multi-pharmacology drugs used in patophysiology of Golden Retriever Muscular Dystrophy
Palavras-chave em inglês
Duchenne Muscular Dystrophy
GRMD
Multi-drugs
Resumo em inglês
The Golden Retriever Muscular Dystrophy (GRMD), is a degenerative myopathy caused by the absence of a protein, dystrophin, genetically homologous to the Duchenne Muscular Dystrophy that affects humans, so these dogs are considered experimental models for studies that seek treatments for this progressive disease with no cure. In this work, we selected seven different medications, including: Sildenafil, Ursodeoxycholic Acid, Acetylcysteine, Losartan Potassium, Mycophenolate mofetil, Thalidomide and Diltiazem concomitantly forming a cocktail of drugs in order to treat the deleterious effects of muscular dystrophy, thereby providing a better quality and survival for patients dystrophic. Each drug was chosen for its action: sildenafil, increasing nitric oxide; ursodeoxycholic acid, anti-inflammatory; acetylcysteine, an antioxidant; losartan, antifibrotic and cardioprotective; mycophenolate mofetil, an immunosuppressant; thalidomide, antiTNF; Diltiazem, calcium channel blocker. For the experiment, 6 male dogs were utilized GRMD, and two control and four experimental. Treatment started with 80 days to 10 months of age. The animals were evaluated at different times with serum levels, basic histology, immunohistochemistry and PCR. After the evaluations, we conclude that the cocktail of drugs, no clinical improvement in the experimental group. The dosage of leukocytes, ALT, CK and NFkβ and TGFβ1 expression was lower in the experimental group compared with the control group, suggesting an improvement in the inflammatory process and delayed progression of muscular dystrophy in the experimental group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2022. Todos os direitos reservados.