• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Livre Docencia
Documento
Autor
Nome completo
Gerson Aparecido Yukio Tomanari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Banca examinadora
Ventura, Dora Selma Fix (Presidente)
Banaco, Roberto Alves
Rose, Julio Cesar Coelho de
Silva, Maria Thereza de Araujo
Souza, Deisy das Graças de
Título em português
Resposta de observação: as principais questões na área analisadas a partir de três experimentos com pombos
Palavras-chave em português
Resposta de observação; Análise do comportamento; Análise de contingências; Estímulo discriminativo; Pombos
Resumo em português
o presente trabalho analisa as principais questões que têm norteado historicamente as pesquisas na área de resposta de observação, isto é, as funções possivelmente reforçadoras do estímulo discriminativo de baixa ou nula probabilidade de reforçamento (S"), as eventuais diferenças entre primatas e não primatas sobre o possível reforçamento por s• e a capacidade preditiva de teorias de reforçamento condicionado, em particular os modelos da redução do atraso e da redução da incerteza. Para isso, apresenta-se inicialmente uma revisão da literatura na qual os trabalhos são organizados e sumarizados em função da metodologia empregada e da espécie estudada. Na sequência, são descritos três experimentos com pombos cujos resultados subsidiam a análise do estado atual da área. De modo geral, o conjunto dos resultados possibilita constatar a impertinência da hipótese de diferenças entre espécies ante a manutenção de respostas de observação por S em organismos não primatas. Uma avaliação crítica revela o equívoco de se resumir as funções de S categoricamente como reforçadoras ou punidoras das respostas de observação. As contingências que envolvem essas respostas são complexas e múltiplas, de modo que a polarização do tema, representada teoricamente pelos modelos de reforçamento condicionado, levou a área a analisar as respostas de observação isoladamente de comportamentos adjuntos, porém que as afetam diretamente. Nesse sentido, descontextualizar a análise tem gerado resultados insuficientes, na medida em que é preciso, sobretudo, considerar as interações entre contingências que estabelecem as possíveis e diversificadas funções dos estímulos.
Título em inglês
Observing response: The main questions in the field anatyzed from three experiments with pigeons.
Palavras-chave em inglês
Observing Response; Conditioned reinforcement; Pigeons
Resumo em inglês
The present work analyzes the main questions that historically guide researches on observing behavior, that is, the possible reinforcing functions of discriminative stimulus of low or null probability of reinforcement (S-), the possible differences between primates and non-primates concerning the reinforcement by s-, and the ability of different theories to predict conditioned reinforcement, especially the delay-reduction and the uncertainty-reduction models. The literature is initially reviewed by examining, organizing and summarizing a large nuR1ber of studies according to methods and species they have employed. Following, three experiments with pigeons are described and their results establish the bases to analyze the current state of the field. General results demonstrate the inadequacy of species-specific hypotheses, face to observing responses by s- not only in primates, but also in non­ primates. A critical evaluation of the field reveals how improper the attempts to analyze s- categorically as either a conditioned reinforcer or a punisher have been. The contingencies that involve observing responses are multiple and complex, so that the ongoing polarization of the subject, normally represented by the conditioned reinforcing models, has taken researchers to analyze this important behavior isolated from adjunct behaviors, which directly affect it. Thus, ignoring the context of analysis generates insufficient results, since it is absolutely necessary to consider the interactions of contingencies that set the possible and diverse stimulus functions.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-02-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.