• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Livre Docencia
Documento
Autor
Nome completo
Paulo Roberto Feldmann
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Banca examinadora
Plonski, Guilherme Ary (Presidente)
Fracasso, Edi Madalena
Mañas, Antonio Vico
Zilber, Moises Ari
Zylbersztajn, Decio
Título em português
A busca de conhecimento externo à empresa como um meio para obtenção de vantagem competitiva: estudos de casos de utilização de inovação aberta em empresas industriais brasileiras.
Palavras-chave em português
Grandes empresas brasileiras
Industrias
Pesquisa & desenvolvimento
Vantagem competitiva
Resumo em português
A presente tese trata de uma pesquisa sobre as formas de obtenção de vantagem competitiva por parte da grande empresa industrial brasileira relacionadas com obtenção de inovações. Examinamos através de casos práticos reais como algumas empresas brasileiras de atuação internacional, reconhecidamente inovadoras, gerenciam suas atividades de pesquisa & desenvolvimento e por que são bem-sucedidas. Verificamos que há entre elas forte adesão ao novo modelo da “inovação aberta” e, por isso, investigamos os pressupostos para que esse modelo possa ser eficaz na geração de inovações. Nesta pesquisa estudamos apenas empresas consagradas como inovadoras. Vimos que para elas a busca pelo novo não é um fato isolado, nem apenas interno, mas um processo que deve envolver universidades, clientes, fornecedores e também os funcionários. Funcionários de todos os níveis, inclusive os que estão na base da pirâmide. Os casos aqui apresentados mostram que o primeiro passo para uma organização inovar é reconhecer que a inovação pode vir de qualquer lugar e de qualquer pessoa, de dentro ou de fora da empresa e mesmo de outro país. A questão central passa a ser a de identificar onde está o conhecimento que se faz necessário e isso implica na revisão do papel da área de P&D – Pesquisa & Desenvolvimento – em relação ao antigo modelo da inovação fechada. A pesquisa constatou a nova forma de atuação das áreas de P&D onde passa a ser prioritária uma nova atribuição, qual seja, a de criar as condições para que as parcerias com terceiros aconteçam com sucesso. Também exploramos nesta pesquisa as condições internas que uma empresa deve atender para se dar bem ao utilizar o novo modelo. O modelo da inovação aberta veio para ficar, pois ele decorre da natureza progressivamente mais complexa dos problemas reais – conhecimento de muitos campos distintos ou interdisciplinares – ou do crescente conteúdo de ciência embutido na inovação tecnológica. A inovação aberta prospera dada a impossibilidade de fazer tudo internamente à empresa ou dos custos e riscos excessivamente elevados desse tipo de opção.
Título em inglês
The search for knowledge outside the company as a means to obtain competitive advantage: case studies of the use of open innovation in Brazilian industrial companies.
Palavras-chave em inglês
Competitive advantage
Large brazilian companies
Manufacture industries
Research and development
Resumo em inglês
The present thesis is about the research done on the ways of obtaining competitive advantage on the part of the large Brazilian industrial park relative to innovation. We will examine through real practical cases how some Brazilian companies active on the international scale, admittedly innovators, have managed their research & development activities and why they have become successful. We will verify that among them there is a strong link to the new model of “Open Innovation” and that is why we will investigate the suppositions that this model can be efficient in generating innovations. In this research we will only study the companies that have been consecrated as innovators. We will see that for them the search for something new is not an isolated fact, and not only internal, but rather a process that should involve universities, clients, suppliers as well as the employees; employees on all levels, even those at the bottom of the pyramid. The cases presented here will show that the first step for an organization to be innovative is to recognize that innovation can come from any place and from any person from within the company or outside of it and even from another country. The central question becomes where the necessary knowledge is and this implies in the revision of the role of P & D – Research & Development relative to the old model of Closed Innovation. The research had shown a new form of performing in the R & D areas, where a new attribute is now a priority, in other words, creating the conditions in order that outsourcing partnerships can occur successfully. In this study we also explored the internal conditions that a company should have in order to do well with this new model. The model of Open Innovation has come to stay, as it arises naturally from the more complex progressive nature of real problems – knowledge of many distinct or interdisciplinary fields – or the increased use of the built-in science of the new technology. Open innovation prospers given the impossibility of doing everything internally in the company or due to excessive high costs and risks of this type of option.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-02-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.