• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Fernando Camargo Teixeira Gonçalves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Chioccola, Vera Lucia Pereira (Presidente)
Laurenti, Marcia Dalastra
Okay, Thelma Suely
Mestriner, Clara Lúcia Barbieri
Título em português
Validação do diagnóstico molecular da leishmaniose visceral e da leishmaniose tegumentar na rotina diagnóstica de um laboratório de saúde pública, São Paulo, Brasil
Palavras-chave em português
Diagnóstico
Leishmaniose cutânea
Leishmaniose visceral
Reação em cadeia por polimerase
Resumo em português
As leishmanioses constituem um grupo de zoonoses causadas por várias espécies do gênero Leishmania. O diagnóstico molecular associado aos exames clínicos, sorológicos e parasitológicos facilitam a investigação epidemiológica e controle das infecções. A PCR convencional (cPCR) e em tempo real (qPCR) são utilizadas para detectar moléculas de DNA do parasita em diferentes amostras biológicas, no entanto, quando a carga parasitária é baixa, resultados falsos-negativos são comuns na rotina diagnóstica. O objetivo deste estudo foi o avaliar a utilidade dos iniciadores para qPCR para substituir ou associar à cPCR no diagnóstico molecular da leishmaniose visceral (LV) e leishmaniose tegumentar americana (LTA). Foram testados iniciadores moleculares pelo sistema TaqMan® com o objetivo de discriminar Leishmania (Viannia) braziliensis e Leishmania (Leishmania) infantum chagasi a partir de sequências da actina de Leishmania. O gênero Leishmania foi identificado pelos iniciadores LEISH18S que amplifica uma região 18S de Leishmania. Os iniciadores ACTLDon amplifica uma região da actina de L. (L.) infantum chagasi. L. (V.) braziliensis foi identificada pelos iniciadores ACTLVian, que amplifica uma região da actina do complexo L. (V.) braziliensis. Foram testadas 581 amostras de DNA, extraídas de sangue, necropsias de órgãos, aspirados de linfonodo ou medula e biópsia de lesão. Para LV foram testadas 361 amostras (243 caninas e 118 humanas). Destas, 214 foram positivas na cPCR, foi o padrão ouro, e a sensibilidade com os iniciadores da qPCR variou de 92,99% (199) a 95,32% (204). A especificidade foi determinada por 147 amostras negativas na cPCR e variou de 95,91% (141) a 98,63% (145). Os índices de concordância variaram de 92,99% (RV1/RV2; LEISH18S e ACTLDon) a 95,32% (RV1-RV2 e LEISH18S). Foram testadas 220 amostras para LTA. A especificidade com os iniciadores foi determinada por 80 amostras negativas e os resultados foram 98,75% e 100% para LEISH18S e ACTLVian respectivamente, e das 140 amostras positivas na cPCR 129 (92.14%) e 124 (88,57%) foram positivas com os iniciadores LEISH18S e ACTLVian respectivamente. Os índices de concordância foram de 88,57% (LB-3C/LU-5A/ACTLVian/LEISH18S) e 92,14% (LB-3C/LU-5A e LEISH18S). Estes resultados mostram que a associação dos iniciadores para qPCR em conjunto com a cPCR pode aumentar a detecção do parasita em amostras clínicas.
Título em inglês
Validation of visceral leishmaniasis and cutaneous leishmaniasis molecular diagnostic in the diagnostic routine of public health laboratory
Palavras-chave em inglês
Cutaneous leishmaniases
Diagnosis
Polymerase chain reaction
Visceral leishmaniases
Resumo em inglês
Leishmaniasis are a group of zoonosis caused by several species belonging to the genus Leishmania. The molecular diagnostic associated with the clinical, serological and parasitological examination favor the epidemiological investigation and the infection control. The conventional PCR (cPCR) and the real time PCR (qPCR) are used to detect the parasite as from DNA molecules in a number of biological samples, however, when the parasite load is low, false results are common in the diagnostic routine. The ain of the present study was to evaluate the advantage of the primers in qPCR in order to replace or associate with cPCR in the molecular diagnosis of visceral leishmaniasis (VL) and cutaneous leishmaniasis (CL) molecular diagnostic. The primers were tested on TaqMan® system in order to discriminate Leishmania (Viannia) braziliensis and Leshmania (Leishmania) infantum chagasi based on a sequence of Leishmania actin. The genus Leishmania was recognized by the primer LEISH18S, which amplifies an 18S region of Leishmania. The primer ACTLDon amplifies a region of the L. (L.) infantum chagasi actin. The L. (V.) braziliensis was determined by the primer ACTLVian and this primer amplifies a region of the L. (V.) braziliensis complex actin. A total of 581 DNA samples were tested. These samples were extracted from blood, organs necropsy, lymph node and bone marrow aspirate and lesion biopsy. A number of 361 samples (243 canine and 118 human) were tested for VL. From these 361 samples, 241 were positive in cPCR and the sensitivity in the qPCR primers ranged from 92,99% (199) to 95,32 (204). The specificity was determined by 147 negative samples in cPCR and ranged from 95,91% (141) to 98,63 % (145). The agreement indices ranged from 92,99% (RV1/RV2; LEISH18S e ACTLDon) to 95,32% (RV1-RV2 and LEISH18S). A total of 220 samples were tested for CL. The primer's specificity was determined by 80 negative samples and the results were 98,75% and 100% for LEISH18S and ACTLVan respectively, and from 140 positive samples in cPCR 129 (92,14%) and 124 (88,57%) were positive for primers LEISH18S and ACTLVian respectively. The agreement indices were 88,57% (LB-3/LU-5A/ACTLVian/LEISH18S) and 92,14% (LB-3C/LU-5A and LEISH18S). These results show that the primers for qPCR are likely to improve the detection of the parasite in clinical samples. These results show that the associate use of qPCR primers with cPCR primers can increase the detection of the parasite in clinical samples.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.