• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.96.2008.tde-29042008-112744
Documento
Autor
Nome completo
Victor de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Oliveira Neto, Jose Dutra de (Presidente)
Figueiredo, Reginaldo Santana
Miura, Irene Kazumi
Título em português
Os estilos cognitivos e o ensino de contabilidade: um estudo na faculdade UNIRG/TO
Palavras-chave em português
Ensino de contabilidade
Ensino superior
Estilos cognitivos
Resumo em português
Esse estudo teve como objetivo principal avaliar se existem variações significativas nos Estilos Cognitivos em função do perfil acadêmico dos alunos do curso de Ciências Contábeis da Faculdade UNIRG/TO. Para identificar o Perfil Acadêmico foram analisadas variáveis referentes à ocupação profissional, formação educacional anterior ao ingresso na faculdade, período do curso, horas semanais dedicadas ao estudo extra-sala, idade, gênero, remuneração e desempenho acadêmico. O instrumento utilizado para identificar o Estilo Cognitivo especificamente os processos perceptivos Dependência e Independência de Campo foi o Group Embedded Figures (GEFT). Participaram da pesquisa, 240 estudantes que corresponde a 82% da população. Com a utilização de testes estatísticos não paramétricos e regressão multivariada, foi possível verificar que as variáveis idade, notas nas disciplinas, horas de estudo extra-sala e remuneração possuem variações significativas nos Estilos Cognitivos. Conclui o estudo que estudantes com maior faixa etária, menores notas nas disciplinas, que se dedicam mais ao estudo fora da sala de aula e recebem menores rendas no mercado de trabalho, possuem maior probabilidade de ser dependente de campo. A partir do reconhecimento dessas diferenças cognitivas, é possível implementar estratégias de ensino para aperfeiçoamento do relacionamento entre os docentes e discentes, proporcionando deste modo maior efetividade e qualidade no processo ensino-aprendizagem, principalmente na região em estudo. Outra contribuição relevante dessa pesquisa foi constatar que o estilo cognitivo predominante na população (dependente de campo) é antagônico àquele desejado pelo mercado de trabalho. Pelo fato do curso em estudo fazer parte do contexto da Amazônia, região complexa em termos bióticos, potencial agrícola e antropológico, inserir um profissional contábil no mercado de trabalho é mais do que geração de emprego, é subsidiar o desenvolvimento regional sustentável.
Título em inglês
The style cognitivos and teaching accounting: a study in college UNIRG / TO
Palavras-chave em inglês
Higher education
Styles cognitivos
Teaching accounting
Resumo em inglês
The aim of this study is to evaluate expressive variations in the cognitive styles according to academic profile of accounting students of UNIRG/TO. Professional occupation, education background of the students, hours dedicated to extra class activities, age, gender, salary and academic performance were analyzed in order to identify the Academic Profile of the students. Group Embedded Figures Test (GEFT) was used to identify Cognitive Style particularly Field Dependence- Independence. The study included 240 students (82% of the population). Nonparametric statistical tests and multivariable regression analysis allowed us to verify that age variables, grades, hours dedicated to extra class activities and salary showed expressive variation in cognitive style. The conclusion is that older students with lower grades, more extra class activities and lower salary, tend more to Field Dependence. Knowing these cognitive differences, it is possible to develop teaching strategies in order to improve the relationship between teachers and students, offering more effectiveness and quality to learning-teaching process, mainly in the study area. Other important contribution is to identify that the predominant cognitive style in the population (field dependent) is different from what the labor market needs. Considering that this study was done in Amazon, where has a great agricultural and anthropological potential, we consider that to insert an accounting professional into the professional market is more than offering a job, it is to help the sustainable regional development.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
VictordeOliveira.PDF (548.55 Kbytes)
Data de Publicação
2008-05-08
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • OLIVEIRA NETO, J. D., e Oliveira,V. [05] Estilos cognitivos divergentes demandam estratégias diferentes no ensino contábil - Qualis B3. Revista de Informação Contábil (UFPE), 2012, vol. 6, p. 23-41.
  • OLIVEIRA NETO, J. D., Oliveira,V., e Mitanda, C. S. [05] Estilos Cognitivos: Uma pesquisa com estudantes de Contabilidade - Qualis A2. BBR. Brazilian Business Review (Edição em português. Online), 2009, vol. 6, p. 82-103.
  • OLIVEIRA NETO, J. D., e Oliveira,V. [05] Cogntive Style in Accounting. In AAA Meeting - Qualis Internacional A, Anaheim, EUA, 2008. AAA Meeting., 2008.
  • Oliveira,V., e OLIVEIRA NETO, J. D. [05] Os Estilos Cognitivos na formação de estudantes em duas áreas de formação acadêmica: Ciências Contábeis e Engenharia da Produção - Qualis Nac A. In ANPCONT - Qualis Nacional A, Blumenau, 2008. II Congresso ANPCONT., 2008.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.