• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Matheus Anthony de Melo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Bertolai, Jefferson Donizeti Pereira (Presidente)
Barros Júnior, Fernando Antônio de
Gomes, Fabio Augusto Reis
Morales, Eduardo Alex Hernandez
Título em português
Instabilidade financeira com (e sem) serviço sequencial
Palavras-chave em português
Corrida bancária
Instabilidade financeira
Teoria monetária
Resumo em português
A teoria econômica mostra que instabilidade financeira é um problema que atinge as economias nos períodos de recessão causando desemprego, queda nos níveis de consumo e poupança, surgimento de corridas bancárias e, consequentemente, a redução do bemestar da sociedade. A literatura que estuda instabilidade financeira divide-se em duas vertentes as quais importantes referências nas áreas de estudo sem serviço sequencial e com serviço sequencial são Allen e Gale (2000) e Bertolai, Cavalcanti, e Monteiro (2016), respectivamente. A contribuição deste trabalho consiste em apresentar os modelos e principais resultados de Allen e Gale (2000) e Bertolai et al. (2016) como casos limites de um mesmo problema de escolha do sistema bancário ótimo para estabelecer, em seguida, resultados complementares à essas referências. A primeira contribuição, no ambiente em que não existe serviço sequencial, é propor uma nova forma de divisão do choque inesperado de liquidez no modelo de Allen e Gale (2000) de modo que esse mecanismo de cooperação no interbancário consiga evitar contágio e o colapso generalizado entre os bancos. Já no ambiente com serviço sequencial, uma segunda contribuição é estender Bertolai et al. (2016) ao estabelecer novos equilíbrios de corrida bancária, em que os três últimos depositantes de cada um dos bancos da economia não participam da corrida bancária.
Título em inglês
Financial instability with (and without) sequential service
Palavras-chave em inglês
Bank run
Financial instability
Monetary theory
Resumo em inglês
Economic theory shows that financial instability is a problem that affects economies in times of recession, causing unemployment, falling consumption and saving levels, the emergence of bank-run , and consequently the reduction of the welfare of society. The literature that studies financial instability is divided into two strands where important references in the study areas without sequential and sequential service are Allen e Gale (2000) and Bertolai et al. (2016), respectively. The contribution of this work is to present the models and main results of Allen e Gale (2000) and Bertolai et al. (2016) as limiting cases of the same problem of choosing the optimal banking system, in order to establish subsequent results complementary to these references. The first contribution, in the environment in which there is no sequential service, is to propose a new way of dividing the unexpected liquidity shock in the Allen e Gale (2000) model so that this mechanism of interbank cooperation can avoid contagion and the generalized collapse between the banks. In the sequential service environment, a second contribution is to extend Bertolai et al. (2016) by establishing new banking run balances in which the last three depositors of each of the banks of the economy do not participate in the bank run.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-09-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.