• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.96.2009.tde-06052009-090913
Documento
Autor
Nome completo
Michael Moura Martins
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2009
Orientador
Banca examinadora
Nicolella, Alexandre Chibebe (Presidente)
Alves, Lucilio Rogerio Aparecido
Barbieri, Fábio
Título em português
Grau de interdependência e setores-chave da economia brasileira contemporânea: um estudo fundamentado na análise de redes
Palavras-chave em português
Análise insumo-produto
Dependência intersetorial
Redes
Resumo em português
Este trabalho mostra como a teoria sobre redes sociais pode ser útil para se realizar análises de dependência intersetorial. Mais especificamente, este trabalho busca identificar os setores produtivos que exercem maior poder de influência - seja de forma positiva ou negativa sobre o sistema econômico nacional, ou seja, os setores-chave da economia brasileira. Para tanto, utiliza-se como base a matriz brasileira de insumo-produto de 1996 atualizada com dados do sistema de contas nacionais referentes ao ano de 2002. Sob uma perspectiva da teoria sobre redes sociais e com o uso do software UCINET, foram criadas duas redes que representassem as relações dos setores produtivos da economia brasileira: a primeira enfatiza as origens dos insumos utilizados pelo sistema produtivo nacional, já a segunda destaca os destinos desses insumos. Com essas redes somadas aos cálculos de índices oriundos dessa mesma teoria concluiu-se que os setores que mais impactam sobre o sistema produtivo brasileiro e, portanto, merecedores de atenção especial por parte dos formuladores de políticas econômicas são: Famílias, Agropecuária, Resto do Mundo, Refino de Petróleo e Construção Civil. Além disso, também, concluiu-se que as redes que representam os setores brasileiros são: densas, possuem baixas distâncias geodésicas, apresentam elevados coeficientes de cluster e têm graus de centralidade elevados, o que faz com que as oscilações de produção em determinado setor produtivo se propague pelo resto da economia rapidamente.
Título em inglês
Degree of interdependence and key sectors of the contemporary brazilian economy: a study based on analysis of networks
Palavras-chave em inglês
Input-output analysis
Intersectorial dependence
Networks
Resumo em inglês
This work shows how the theory on social networks can be useful for analysis of inter dependence. More specifically, this work seeks to identify the productive sectors that have more power of influence - is a positive or negative - on the national economic system, ie the key sectors of the Brazilian economy. For both, were used as the base matrix of input-output Brazilian 1996 updated with data from the system of national accounts for the year 2002. From a perspective of the theory on social networks and with using the software UCINET, two networks were created that represented the relationship of the productive sectors of the Brazilian economy: the first emphasizes the origins of the inputs used by the national productive system and the second highlights the destinations these inputs. With these networks - added to the calculations of indices from that theory - it was concluded that the sectors that exert greater powers of influence on the Brazilian productive system, and therefore deserving of special attention by policy-makers are economic: Families, Agricultural, Rest of the World, Oil Refining and Construction. In addition, it was concluded that the networks that represent the sectors Brazilians are dense, have low geodesic distances, have high coefficients of cluster and have high degrees of centrality, which means that fluctuations of output in a productive sector spreads rapidly through the rest of the economy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
MichaelMouraMartins.pdf (734.95 Kbytes)
Data de Publicação
2009-05-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.