• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.93.2018.tde-24052018-124153
Documento
Autor
Nome completo
Marina Barzon Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Magalhães, Ana Gonçalves (Presidente)
Fabbrini, Ricardo Nascimento
Fernandes, Ana Candida Franceschini de Avelar
Mammi, Lorenzo
Título em português
Fugindo da antinomia: a crítica de Lionello Venturi e o Gruppo degli Otto, da Bienal de Veneza ao Brasil
Palavras-chave em português
Bienal de São Paulo
Bienal de Veneza
Coleção MAC USP
Gruppo degli Otto
Lionello Venturi
Resumo em português
Esta pesquisa de mestrado teve por objetivo o estudo das obras em acervo no Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo de autoria dos artistas do Gruppo degli Otto, adquiridas por Francisco Matarazzo Sobrinho, em 1952 e 1954, na XXVI e na XXVII Bienal de Veneza, para o acervo do antigo Museu de Arte Moderna de São Paulo. As obras permitem, um estudo sobre os artistas e a formação do Gruppo degli Otto, além de uma imersão na produção de Lionello Venturi (Modena, 1885 Roma, 1961), crítico e historiador da arte que se coloca a frente desses artistas. Levaram também a uma pesquisa a respeito do cenário artístico daquele momento, tanto da Itália, de onde as obras partem, quanto do Brasil, para onde as obras se destinam, e à construção de uma história a respeito da crítica de arte italiana no ambiente da Bienal de Veneza na Guerra Fria, além do estudo do papel da instituição veneziana na fundação da Bienal de São Paulo e os impactos e ramificações deste debate crítico no Brasil.
Título em inglês
Running away from antinomy: Lionello Venturi and Gruppo degli Otto's critics from Venice Bienalle to Brazil
Palavras-chave em inglês
Gruppo degli Otto
Lionello Venturi
MAC USP Collection
São Paulo Bienal
Venice Biennale
Resumo em inglês
This master's research intended to study the works in the collection not Museum of Contemporary Art, University of São Paulo by the artists of the Gruppo degli Otto, that were acquired by Francisco Matarazzo Sobrinho, in 1952 and 1954, at the XXVI and XXVII Venice Biennale, to integrate the collection of the former Museum of Modern Art of São Paulo. Those paintings led to a study on the artists that composed the Gruppo degli Otto and its foundation. They also allowed an immersion in the production of Lionello Venturi (Modena, 1885 - Rome, 1961), critic and art historian, who took to himself the role of the critic ahead of the group. The works also lead to a research on the artistic scene of that moment, both in Italy, where the paintings are made, as well as in Brazil, the place to where those paintings would be destined to live, as well as the study of the history of Italian art criticism in the environment the Venice Biennale in the Cold War, and lastly the study of the role of the Venetian institution in the founding of the São Paulo Bienal and the impacts and changes of this critical debate in Brazil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-05-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.