• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.91.2008.tde-25112008-103815
Documento
Autor
Nome completo
Lorrayne de Barros Bosquetti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2008
Orientador
Banca examinadora
Angulo Filho, Rubens (Presidente)
Camargos, Virginia Londe de
Mantovani, Waldir
Rodrigues, Ricardo Ribeiro
Vettorazzi, Carlos Alberto
Título em português
Análise da estrutura da paisagem e fitofisionomias do Parque Estadual dos Pirineus, Góias, Brasil
Palavras-chave em português
Ecologia da paisagem
Ecossistemas do cerrado
Parques estaduais.
Resumo em português
Remanescentes vegetais ocorrem desde o extremo norte até o extremo sul do Estado de Goiás existindo a necessidade de informações básicas sobre a florística dessas comunidades. O Parque Estadual dos Pireneus situa-se nos municípios de Pirenópolis, Corumbá de Goiás e Cocalzinho de Goiás e está dentro das áreas prioritárias para conservação e uso sustentável da biodiversidade do Ministério do Meio Ambiente. Apesar dos vários níveis de inter-relação e sobreposição a outras áreas do entorno, a área do Parque apresenta características físicovegetacionais próprias e particularidades no seu processo de degradação e de fragmentação. Neste contexto, os remanescentes vegetais, assumem importante papel na manutenção da diversidade restante, por isso, objetivamos fazer o mapeamento das fitofisionomias do Parque e estudos florísticos complementares de campos rupestres nele existentes. Assim, este trabalho foi realizado trazendo a perspectiva do uso destes conhecimentos na definição teórica, prática e metodológica da conservação, restauração e manejo destes remanescentes. A caracterização da estrutura da paisagem foi obtida por meio de técnicas de sensoriamento remoto orientadas pelas coletas mensais de material botânico em áreas representativas das unidades fitofisionômicas identificadas nas imagens orbitais, elaborando-se o mapa destas unidades. O estudo florístico das formações rupestres foi conduzido em áreas escolhidas de acordo com as imagens obtidas. Foram utilizados os parâmetros usuais de florística, com objetivo de, futuramente, analisar estes fragmentos de vegetação de toda a Serra que apresentam restrições ambientais. Pesquisas identificadoras das peculiaridades das espécies vegetais do Parque, como as raras, as endêmicas, dentre outras, foram especuladas para que possam contribuir na recuperação destas formações e servir como indicadores para avaliação e monitoramento dessas áreas remanescentes. As variações fitofisionômicas do Cerrado foram classificadas segundo o sistema de vegetações de Fernandes e, dentro do Parque, encontramos quatro ecossistemas: cerradão (8,0%), cerrado (25,7%), campo (41,0%) e manchas vegetacionais (veredas e florestas de galeria) (18,7%). Dentre os quais foram mapeadas onze fitofisionomias e suas áreas relictuais, juntamente com algumas áreas degradadas (6,5%). Adicionalmente, a população local também foi abordada e entrevistada para obter seu conceito de paisagem e meio ambiente, concomitantemente, verificando os problemas sociais da área e desenvolvendo neles a idéia da conservação dos recursos naturais e do Parque.
Título em inglês
Structure of the landscape analysis and phytophysiognomies of the Parque Estadual dos Pireneus, Goiás, Brazil
Palavras-chave em inglês
Cerrado
Ecosystems
Parque dos Pireneus
Parque Estadual dos Pireneus
Phytophysiognomie
Sandstone outcrops.
Surrounding areas of the Park
Resumo em inglês
Vegetation remnants are present from the north to the south of the State of Goiás, and the need of basic information about these floristic communities is extremely important. The Parque Estadual dos Pireneus is located in the municipalities of Pirenópolis, Corumbá de Goiás and Cocalzinho de Goiás and it is inside of the priority areas for conservation and sustainable use of the biodiversity of the Ministry of the Environment of Brazil. In spite of the several interrelation levels and overlapping with surrounding areas, the park presents its own physico-vegetational characteristics and peculiarities in the process of of degratation and fragmentation. In this context, the vegetation remnants assume important function in the maintenance of the remaining diversity of the park. With this in mind, our main goal was to map the phytofisiognomies present in the park, which were complemented by floristic studies of the sandstone outcrops (formações rupestres) occurring in the area. Therefore, this study was realized with the perspective of the use of these knowledge in the theoretical, practical and methodological definitions of the conservation, restoration and management of these remnants. The characterization of the landscape structure was obtained through techniques of remote sensing complemented by the monthly collections of botanical material in representative areas of the phytophysionomic units identified in the orbital images, being elaborated the map of these units. The floristic study of the sandstone outcrops (formações rupestres) was led in areas chosen in agreement with the obtained images. The usual floristic parameters were used, with objective to analyze these vegetation fragments of the whole mountain range that present environmental pressure. This research identified the peculiarities of the plant species of the park, as, for example, the rare ones, the endemic ones, among others, they were speculated so that they can contribute in the recovery of these formations and to serve as indicators for evaluation and monitoring of those remaining areas. The phytophysionomic variations of the Cerrado wer classifies according to the system of vegetations of Fernandes and, inside of the park, we found four ecosystems: cerradão (8,0%), cerrado (25,7%), field (41,0%) and vegetation patches (palm swamps and gallery forests; 18,7%). Among these ecosystems, eleven phytophysiognomies were detected and relictual areas were mapped, together with some degraded areas (6,5%). In addition, local populations were also approached and interviewed, in order to obtain their landscape and environment concepts, and to verify the social problems of the area and introduce the concepts of the conservation of the natural resources and of the Park.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-12-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.