• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.91.2005.tde-09112005-142729
Documento
Autor
Nome completo
Sandra Pavan Fruehauf
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2005
Orientador
Banca examinadora
Couto, Hilton Thadeu Zarate do (Presidente)
Barbosa, Luiz Mauro
Lieberg, Sandra Aparecida
Martinelli, Luiz Antonio
Rodrigues, Ricardo Ribeiro
Título em português
Rhizophora mangle (Mangue vermelho) em áreas contaminadas de manguezal na Baixada Santista
Palavras-chave em português
degradação ambiental
ecossistema de mangue
halofita
meio ambiente – qualidade
metais – contaminação
poluição ambiental
regeneração natural
Resumo em português
Os Manguezais são ecossistemas de grande importância ecológica, social e econômica. Tendo em vista que estas áreas vêm sofrendo degradações, em especial a contaminação por resíduos e efluentes contendo metais pesados, que interferem na estabilidade ambiental, torna-se importante identificar o nível de interferências destes contaminantes sobre o desenvolvimento dos bosques que colonizam tais áreas. Assim sendo, a proposta deste estudo é avaliar os efeitos de metais sobre o estabelecimento de propágulos, mudas e indivíduos adultos de Rhizophora mangle (Mangue vermelho), espécie de ampla dispersão em Manguezais, buscando verificar a qualidade ambiental do ecossistema. Foram selecionadas três áreas localizadas nos municípios de Cubatão e São Vicente, na Baixada Santista - SP, grande pólo industrial regional e maior área portuária do país, além de uma área testemunha localizada na Ilha do Cardoso, Cananéia - SP. A Qualidade ambiental, na inexistência de um padrão de concentração de metais em plantas, foi avaliada com base concentração de cinco diferentes metais nos compartimentos solo, água, material vegetal e organismos, comparativamente entre áreas. A pior situação foi constatada para área localizada no Canal da Cosipa, intermediária para o Rio Cascalho e melhor no Manguezal do Rio Mariana. Verificou-se que a contaminação por metais está associada ao padrão do bosque (alterado em função do grau de degradação), sendo este um dos tensores ambientais responsáveis pela reposta negativa no estabelecimento de R. mangle na Baixada Santista.
Título em inglês
Rhizophora mangle (red mangrove) in contaminated areas of mangrove from Baixada Santista
Palavras-chave em inglês
enrivonmental polution
environmental - quality
environmental degradation
heavy metals - contamination
mangrove ecossystem
natural regeneration
saltland plant
Resumo em inglês
Mangroves are ecosystems of great ecological and economical importance. Considering that these areas have been degradated, specially by deposition of solid wastes and liquid effluents containing heavy metals it becomes important to identify to what level these contaminants interfere on the development of plants that colonize such environs. Therefore, the aim of this study is assess the effects of heavy metals on the development of “propágulos”, “plântulas” and “mudas” of the Mangue vermelho (Rhizophora mangle), specie which is widely spread on mangroves, in order to determine environmental quality at the mangrove. Three study areas with considerable degradation were selected in the municipalities of Cubatão and São Vicente, in the Baixada Santista - SP, industrial coastal region and greatest sea port of Brazil and a background non – contaminated area located on the Cardoso Island and in Cananéia. Due to the absence of a metal concentration standard for plants, environmental quality was assessed by comparison between five different metals determined in the soil, water, vegetation and organisms at the selected sites. Worst environmental conditions were found at the Cosipa Channel, intermediate at the Cascalho river and best at Mariana river. It was verified that metal concentration was associated with mangrove development (altered as a function of degradation level), being this a cause for the decreased establishment of R.mangle at the Baixada Santista area.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
SandraFruehauf.pdf (5.31 Mbytes)
Data de Publicação
2005-11-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.