• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.90.2003.tde-22042008-002328
Documento
Autor
Nome completo
Daniela Andrade
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Diegues, Antonio Carlos Sant Ana (Presidente)
Ferreira, Lucia da Costa
Leonel Junior, Mauro de Mello
Título em português
Pobreza rural e conservação da Mata Atlântica no processo de transformação do sistema de produção agrícola caboclo: história agrária do município de Iguape, Vale do Ribeira - SP.
Palavras-chave em português
Agricultura itinerante
Conservação ambiental
Desenvolvimento agrário
História agrária
Iguape
Modo de vida caboclo
Sistema de produção agrícola
Vale do Ribeira
Resumo em português
A agricultura desempenha, desde a colonização do Vale do Ribeira-SP, papel central nas transformações e no desenvolvimento desta região, constituindo-se em locus de investigação e entendimento de suas características marcantes: a pobreza e a conservação do ambiente natural de Mata Atlântica. Através da construção da história agrária do município de Iguape - pontuada por eventos históricos de importância regional - buscamos averiguar como o desenvolvimento da atividade agrícola conjugou o uso da natureza e a satisfação das necessidades humanas desde a virada do século XIX para o XX - quando se configurou uma organização rural tipicamente cabocla - até os dias atuais. Para construir uma história agrária valemo-nos do conceito de sistema de produção agrícola, tendo por referência central o regime de uso do solo, tal como definido por Boserup (1983). Nesta pesquisa, submetemos à análise os processos sociais decorrentes da evolução agrária, a partir de seus aspectos materiais e objetivos e daqueles simbólicos e subjetivos inerentes às práticas sociais. A organização cabocla esteve estreitamente ligada à agricultura tradicional de base tecnológica itinerante, cuja prática exige a ocorrência e o uso da mata, para fins de exploração da efêmera fertilidade do solo. A partir da década de 1960, uma série de eventos associados à incorporação econômica regional - como as migrações, especulação imobiliária, incentivos à modernização produtiva - iniciaram processo de desorganização do sistema de agricultura caboclo e das relações e dinâmicas sócio-culturais implicadas. Já no final da década de 80, julgamos terem sido as novas regras de exploração da Mata Atlântica, estabelecidas pela Legislação Ambiental, determinantes para a conversão da base técnica itinerante, ao impor expressiva restrição às áreas cultiváveis e proibir a derrubada da vegetação florestal. Procuramos demonstrar como este processo foi acentuado pela nova orientação política que alterou a forma e a presença do Estado na região. Através de pesquisa de campo avaliamos como a população rural de tradição cabocla reorganizou a técnica agrícola, as relações de produção e sua articulação com o mercado. Dentre outros efeitos, observamos a formação de produtores desagregados socialmente, desenraizados de sua cultura e empobrecidos economicamente.
Título em inglês
Rural poverty and conservation of the Atlantic RainForest in the transformation process of the peasant agricultural production system: agrarian history of the municipality of Iguape, Ribeira Valley, SP
Palavras-chave em inglês
Agrarian history
Nature conservancy
Peasant agriculture
Production system
Ribeira Valley
Rustic agriculture
Resumo em inglês
Agriculture as undertaken in the Vale do Ribeira, Sao Paulo region from colonization time, has been a key element in the area's development and transformation, a real object of study and investigation to further understand its marked traits: poverty and the Mata Atlântica environmental safekeeping. Via the build up of the Iguape district agricultural history - rich in important regional historical events - we strived to deepen knowledge of agricultural development in how nature was used and also the means for fulfilling human needs from the turn of century XIX to XX - when a typically caboclo organization was identified - to present days. To further build up an agricultural history, we have made usage of the "agricultural production system" concept, as reference the soil usage regime, as defined by Boserup (1983). In this survey we submit to analysis the social processes resulting from agricultural evolution, starting from material aspects, goals, symbols and subjective values pertaining to social action and mutually determined by economics. The caboclo organization was deeply linked to traditional farming rooted in shifting technology, which banked on the existence and usage of woods, its fleeting fertility and land rotation. From the 1960 decade on, a series of events associated to regional economic incorporation - such as migrations, real estate dealings, modernization output subsidies - led to the process of disorganization of the caboclo agricultural system and of implied dynamic socio-cultural relations. In the late 80's, we believe that the new Mata Atlântica ruling, set down by the Environmental Legislation, determining the itinerant technique conversion, while setting significant restriction to arable areas and the banning of forest clearing. We show how this process was further determining under the new political orientation which altered the presence and form of the State in the region. By means of field work we studied how the caboclo tradition bred rural population reorganized agricultural techniques, production schemes and market handling. To mention among other effects, we found socially disrupted producers, culturally uprooted and economically impoverished producers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-04-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.