• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.9.2006.tde-31072006-141628
Documento
Autor
Nome completo
Roberto Bellizia Raia Junior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Guimarães, Elizabeth Oliveira da Costa Freitas (Presidente)
Benites, Nilson Roberti
Birgel Júnior, Eduardo Harry
Nascimento, Elizabeth de Souza
Spinosa, Helenice de Souza
Título em português
Fatores fisiológicos, clínicos e farmacológicos, determinantes de resíduos de antimicrobiano no leite, avaliados em protocolos terapêuticos de mastite em bovinos leiteiros
Palavras-chave em português
Leite
Mastite bovina
Resíduos antimicrobianos
Tratamento da mastite
Resumo em português
Atualmente a terapia e as práticas de manejo da mastite estão baseadas na administração de agentes antimicrobianos com ampla atividade contra os microrganismos mais comuns desta doença. Os fármacos são administrados diretamente no canal da teta e/ou por sistêmica. Os tratamentos com antimicrobianos são realizados durante o período seco como terapia preventiva, ou durante o período de lactação como terapia curativa. O leite produzido por animais tratados pode conter resíduos do medicamento. A presença de resíduos de antimicrobianos no leite constitui um risco para a saúde pública devido ao fenômeno de múltipla resistência, bem como uma causa de perdas econômicas, considerando a fabricação de queijo e iogurte, entre outros derivados lácteos. A proposta deste estudo foi avaliar alguns fatores que contribuem para a ocorrência de resíduos em vacas tratadas além do período recomendado para descarte. Os fatores avaliados foram: fisiológico, como a produção leiteira; clínico, como a mastite e farmacológico como a via de administração e o fármaco utilizado. Foi usado um teste comercial para a detecção de resíduos (Delvotest®) por inibição microbiológica. Entre os fatores estudados, foi demonstrada a influência da produção leiteira, ou seja, animais com produção leiteira maior do que 20L/dia apresentaram menor ocorrência de resíduo (39,5%), quando comparado com aqueles com produção menor do que 20L/dia (70,7%) e a diferença foi significante (P < 0,0001). Entre os fatores clínicos foi determinado que a presença e intensidade do processo inflamatório contribuem para a ocorrência de resíduos. Deste modo, entre os quartos com mastite clínica tratados o nível de resíduo foi 47,7%, os quartos com mastite subclínica tratados apresentaram 34,9% e os controles 9,5% (quartos sem mastite tratados) e a diferença entre os três grupos foi significante (P = 0,0381, P = 0,0008, P = 0,0209). Ao se comparar a ocorrência de resíduos no leite de quartos tratados durante a lactação (41,9%) com os resíduos nos quartos que receberam a terapia de vaca seca (23,2%) foi observado um maior nível entre os grupos tratados durante a lactação e a diferença foi significante (P < 0,0001). Em relação aos fatores farmacológicos, a via de aplicação bem como o grupo farmacológico do antimicrobiano utilizado no tratamento foram demonstradas diferenças estatísticas tanto para os diversos antimicrobianos, quanto para as vias de administração. Um maior nível de resíduo foi observado entre os grupos farmacológicos em quartos tratados por via intramamária com aminoglicosídeos (gentamicina) (66,7%). E o maior nível de resíduo foi observado quando ambas as vias foram utilizadas simultaneamente, tanto para aminoglicosídeos (93,7%), quanto para betalactâmicos (100%). O conhecimento de que o pKa dos antimicrobianos irá determinar diferentes níveis de distribuição nos órgãos e tecidos sustenta a hipótese que a via de administração pode influenciar a presença de resíduos de antimicrobianos no leite. Conseqüentemente, o uso simultâneo das duas vias de administração, uma prática comum, contribuiu também para um alto risco da ocorrência de resíduos de antimicrobianos. Deve-se ressaltar que a redução da presença de resíduos no leite não depende apenas de normas e regulamentos, mas envolve uma orientação aos produtores e aos veterinários para controlar e/ou prevenir os fatores de risco. Assim, os resultados deste estudo irão contribuir para esclarecer alguns aspectos importantes para um melhor entendimento da ocorrência de resíduo no leite além do período recomendado para descarte.
Título em inglês
Evaluation of some physiological, clinical and pharmacological factors to antimicrobials residues in milk under different management and therapeutic protocols
Palavras-chave em inglês
Antimicrobial residue
Bovine mastitis
Mastitis treatment
Milk
Resumo em inglês
Current mastitis therapy and management practices are base on the administration of antimicrobial agents with high activity against most common mastitis bacterial pathogens. Drugs are administrated directly into the teat canal and/or systemically. Antibiotic treatments are performed during the dry period as preventive therapy, or during the lactating periods as therapeutic cure. Milk produced from treated animals may contain drug residues. The presence of antibiotic residues in milk constitutes a public health risk due to the multi-resistance phenomenon, as well as, a source of economical losses, considering the industries of cheese and yogurts, among others dairy products. The purpose of this study was evaluated some factors that contribute to the occurrence of residues in treated cows beyond the recommended discarded period. The evaluated factors were: physiological, as milk production, clinical, as mastitis and pharmacological, as routes and antimicrobials. It was used a commercial test for residues detection (Delvotest®) by microbiological inhibition. Among the clinical factors it was demonstrated the influence of the milk production, so animals with milk production higher than 20 L/day showed lower occurrence of residues (39.5%), compared to the ones with less than 20 L/day (70.7%) the difference was significant (P<0.0001). Among the clinical factors it was determinated that the presence of inflammatory process and the intensity of it, contributes to the presence of residues. Therefore, among the clinical mastitis treated quartes the level of residues was 47.7%, while the subclinical treated quartes showed 34.9% and, the control ones 9.5% (i.e. treated quartes without mastitis) and the difference among the three groups was significant (P=0.0381, P=0.0008, P=0.0209).Comparing the residues in milk from treated quartes during lactation (41.9%) with the quartes that received the dry cow therapy (23.2%) it was observed a higher level of residues among the groups treated during the lactation and the difference was significant (P<0.0001). Among the pharmacological factors, the routes as well the pharmacological group of the antimicrobials used in the treatment showed statistical differences either among the antimicrobials as well as the administration routes. A high level of residues was observed among pharmacological groups in quartes treated by intramammarian route with aminoglicosides (gentamicin) (66.7%). And, the highest level of residues was observed when both route where used simultaneously, either with aminoglicosides (93.7%) as well as with betalactamics (100%). The knowledge that different pKa among the antimicrobials will determine the level of distribution in different organs and tissues, support the hypothesis that the administration route could influence the presence of residues of antibiotics in milk. Consequently, the simultaneous use of both administration routes, a very usual practice, could also contributes to a higher risk of antimicrobial residue occurrence. To reduce this possibility, it is not only a matter of Regulatory Affairs, but also involves the dairy farmers and veterinarians' proper orientation about how to avoid and to control the risk factors, therefore, the results of this study will contribute to clarify some important aspects to a better understanding of the occurrence of residues in milk beyond the recommend discard period.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Belizia.pdf (456.20 Kbytes)
Data de Publicação
2007-04-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.