• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.2003.tde-15102003-165120
Documento
Autor
Nome completo
Andréia Montoro Taborianski
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Santoro, Maria Ines Rocha Miritello (Presidente)
Kedor, Erika Rosa Maria
Marchetti, Juliana Maldonado
Título em português
Validação de métodos para análise e estudos de estabilidade de anti-retrovirais em preparações farmacêuticas
Palavras-chave em português
estavudina
estudos de estabilidade acelerada
validação de métodos analíticos
zidovudina
Resumo em português
A síndrome da imunodeficiência adquirida é causada pelo vírus da imunodeficiência humana e é caracterizada por provocar depleção física e funcional do sistema imune do organismo, através da infecção citopática de células CD4+. Muitos fármacos anti-retrovirais tem sido desenvolvidos e estão disponíveis comercialmente. Para atuar no controle de qualidade de medicamentos deve-se continuamente estudar o desenvolvimento e a validação de novas metodologias para quantificação de fármacos, para serem aplicadas nos estudos de estabilidade de formulações farmacêuticas e na análise de produtos de degradação. Neste trabalho foram utilizadas duas técnicas analíticas, a espectrofotometria direta no UV/VIS e a cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE), para a determinação quantitativa de zidovudina (AZT) e estavudina (d4T).em medicamentos. Ambos os métodos foram validados com relação à linearidade, exatidão, precisão, especificidade e limite de detecção e quantificação. O método validado para a CLAE foi também empregado para a determinação quantitativa da timina, produto de degradação do AZT e da d4T. A metodologia validada por CLAE foi utilizada na realização de estudos de estabilidade acelerada dos anti-retrovirais contidos nas diferentes preparações farmacêuticas. Realizou-se o estudo da estabilidade em três diferentes condições: temperatura ambiente, 40 oC / 75% UR e 50 oC / 90% UR. Tanto a zidovudina (Fabricante A) e estavudina (Fabricante B) apresentaram decaimento cinético de zero ordem com prazos de validade a 50 oC / 90% UR de 10, 3 e 2 meses, respectivamente.
Título em inglês
Validation of analytical methods for analysis and stability studies of anti-retrovirais in pharmaceutical preparations.
Palavras-chave em inglês
accelerated stability studies
stavudine
validation of analytical methods
zidovudine
Resumo em inglês
The acquired immunodeficiency syndrome is characterized by causing physical and functional depletion of the organism’s immune system, through the cytophatic infection of CD4+ cells. Several antiretroviral drugs has been developed and commercially made available. In order to assure the quality control of drugs it is necessary to develop and validate new analytical methodologies to perform the quantitative determination of drugs and stability studies of pharmaceutical formulations by determining the drug itself and its degradation products. In this research two analytical techniques, direct UV/VIS spectrophotometry and high performance liquid chromatography (HPLC), were used for the quantitative determination of zidovudine (AZT) and stavudine (d4T) in pharmaceutical preparations. Both methods were validated and parameters like linearity, precision, accuracy, specificity, limit of detection and limit of quantification, were determined. The validated HPLC method was also applied for quantitative determination of timine, a degradation product of AZT and d4T. The validated HPLC method was applied to accelerate stability studies of AZT and d4T in different pharmaceutical preparations. The stability studies were performed at three different conditions: room temperature, 40 oC / 75% RH and 50 oC / 90% RH. Both AZT and d4T (Industry A) and d4T (Industry B) pharmaceutical preparations presented a zero order degradation reaction. The three formulations presented a shelf-life of 10, 3 and 2 months, respectively, at 50 oC / 90% RH.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
taborianski.pdf (1.79 Mbytes)
Data de Publicação
2003-11-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.