• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.2001.tde-25042006-143156
Documento
Autor
Nome completo
Roberto Bellizia Raia Junior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Guimarães, Elizabeth Oliveira da Costa Freitas (Presidente)
Langoni, Hélio
Nascimento, Elizabeth de Souza
Título em português
Influência da mastite na ocorrência de resíduos de antimicrobianos no leite
Palavras-chave em português
Antimicrobianos. Delvotest. Leite. Mastite.
Resumo em português
A presença de resíduos de antimicrobianos no leite representa um problema de saúde pública, podendo causar reações alérgicas e a seleção de bactérias resistentes aos antimicrobianos. É também um problema econômico interferindo nas culturas lácteas utilizadas na fabricação de derivados. A mastite é a causa mais freqüente para o tratamento de bovinos leiteiros com antimicrobianos. Foram objetivos deste trabalho estudar a influência do processo inflamatório no tempo de eliminação de diferentes antimicrobianos, administrados por via sistêmica ou intramamária em vacas em lactação e avaliar a presença de resíduos detectáveis em tanques resfriadores de propriedades leiteiras, correlacionando com os níveis de mastite nos rebanhos. Foi utilizado teste microbiológico comercial (Delvotest) para a avaliação da corrência de resíduos de antimicrobianos em 60 amostras de leite de tanques resfriadores de propriedades leiteiras e individualmente de 135 vacas em lactação com e sem processo inflamatório na glândula mamária. Foi verificada correlação entre a ocorrência de resíduo de antimicrobiano no tanque resfriador e o aumento da freqüência de mastite clínica (r= 1,0; teste de Spearman).O aumento do período de carência, no leite de glândulas com processo inflamatório, foi observado tanto nos animais tratados por via sistêmica quanto naqueles tratados por via intramamária, ultrapassando o período estipulado pelo fabricante do medicamento. Tal fato foi observado em relação a todos os grupos tratados com diferentes antimicrobianos (betalactâmicos, aminoglicosídeos, tetraciclinas e sulfa) variando de 11 a 60 % das amostras analisadas. Após 72 horas da aplicação de medicamento por via sitêmica, houve diferença significante (p < 0,05, Fisher) entre as amostras de animais com mastite e as de animais com ausência de processo inflamatório, indicando uma maior persistência de resíduo nas amostras de animais com mastite. Na avaliação da influência de inibidores naturais observou-se que 33% das amostras de quartos com mastite clínica e 18% das amostras de quartos com mastite subclínica apresentaram resultados positivos, sendo que na ausência de processo inflamatório todas as amostras apresentaram resultados negativos. A diferença de positividade foi estatisticamente significante, quando foram comparadas as amostras de quartos mamários com mastite clínica com as amostras de quartos mamários com ausência de processo inflamatório (p < 0,05, Fisher). Em síntese concluiu-se que houve uma correlação entre o nível de ocorrência de mastite clínica e a presença de resíduo no leite dos tanques resfriadores de propriedades leiteiras e que glândulas mamárias com processo inflamatório apresentaram maior período de eliminação de resíduos de antimicrobiano pelo leite, em relação às glândulas sem processo inflamatório, muitas vezes ultrapassando o período estipulado pelos fabricantes de medicamentos. Observou-se também que as amostras de leite de animais não tratados, analisadas sem aquecimento prévio, apresentaram positividade demonstrando a influência dos inibidores naturais, produzidos em decorrência do processo inflamatório, nos resultados dos testes microbiológicos, indicando a necessidade de aquecimento das amostras antes da realização dos testes microbiológicos para a detecção de resíduos, para evitar a ocorrência de resultados falso positivos. Como conclusão geral, a análise dos resultados obtidos no presente estudo demonstrou que a mastite interferiu na ocorrência de antimicrobianos no leite.
Título em inglês
Mastitis influence on the occurence of antimicrobial agents residues in milk
Palavras-chave em inglês
Antimicrobial. Delvotest. Milk. Mastitis.
Resumo em inglês
The presence of antimicrobial residues im milk is a public health concern, because they may cause allergic reactions and may lead to the development of resistance to antimicrobial agents by bacterial strains. It is also an economic problem because it interferes with starter cultures used in dairy products. Mastitis, the inflammatory process of the mammary gla nd, is the main reason to treat dairy cows with antimicrobial agents. The purpose of this study was to verify the influence of mastitis on the withdrawal period of several intramammary and parenteral antimicrobial agents used in lactating cows, as well as to evaluate the presence of detectable antimicrobial residues in bulk tank milk, in relation to the mastitis rates among the studied dairy farms. A total of 60 bulk tank samples of dairy farms and 135 individual samples of healthy and mastitic dairy cows were screened to verify the occurrence of antimicrobial residues with a microbiologic test (Delvotest®). A correlation was detected between antimicrobial residues in bulk tank and high clinical mastitis rates (r= 1.0; Spearman's test). A higher withdrawal period, exceeding that determined by the manufacturer, was observed in the milk of mammary glands presenting inflammatory processes, both in animals treated by the parenteral route, and those treated by the intramammary route. This observation ranged from 11 to 60% of the analyzed samples and was verified in all groups treated with different antimicrobial agents (betalactam, aminoglycosides, tetracycline and sulfas). Statistically significant difference was detected (p<0.05, Fisher's test) at seventy two hours after the parenteral treatment in samples from animals presenting inflammatory processes, in relation to samples from animals that did not present mastitis. That is, there was a higher withdrawal period in the samples from animals presenting mastitis. In the evaluation of the influence of inflammatory reaction natural inhibitors on Delvotest®, it was verified that 33% of the samples from clinical mastitis quarters and 18% from subclinical mastitis quarters were positive, and that quarter samples without inflammatory processes were negative. These differences were statistically significant (p<0.05, Fisher's test). Among the main onclusions, it should be pointed out that there was a correlation between high clinical mastitis rates in the dairy herd and antimicrobial residues in bulk tank milk. Another important result was that mammary glands presenting inflammatory processes exhibited higher withdrawal periods when compared with mammary glands that did not present inflammatory processes, and that sometimes this withdrawal period exceeded the period recommended by the manufacturer. It was also observed that milk samples from untreated animals, when tested without preliminary heating at 80ºC, were positive, due to the occurrence of natural inhibitors produced by the inflammatory process, showing their interference on microbiologic tests. Therefore, it was demonstrated that previous heating is helpful to avoid false positive results when microbiologic tests are used to detect antimicrobial agents residues in milk samples. As an overall conclusion, it was well demonstrated that mastitis interferes in antimicrobial residues in milk.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RobertoRaia.pdf (382.85 Kbytes)
Data de Publicação
2007-03-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.