• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.2014.tde-04052015-090905
Documento
Autor
Nome completo
Leonardo Mendes Bella
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Martins, Joilson de Oliveira (Presidente)
Santos, Rosa Ferreira dos
Volpini, Rildo Aparecido
Título em português
Estudo da suplementação de vitamina D em modelo experimental de diabetes mellitus
Palavras-chave em português
25-hidroxivitamina D
Aloxana
Colecalciferol
Diabetes mellitus
Hiperglicemia
Sistema imune
Resumo em português
O diabetes mellitus (DM) é uma doença com prevalência e morbidade elevadas em todo o mundo, sendo que o DM1 é responsável por 5-10% dos casos. A vitamina D, hormônio de ação pleiotrópica, pode melhorar o curso do DM1, embora os mecanismos não estejam completamente elucidados. Dessa forma, ampliar o conhecimento sobre a ação desse hormônio pode auxiliar no prognóstico, bem como na compreensão dos possíveis mecanismos envolvidos na prevenção do DM. Neste trabalho, foram avaliados os efeitos fisiológicos da suplementação de vitamina D (800 UI/dia/sete dias; via oral) em camundongos machos (n=31; linhagem C57BL/6) distribuídos em quatro grupos: Controle + Água (CA; n=9); Controle + Vitamina D (CV; n=9); Diabético + Água (DA; n=6) e Diabético + Vitamina D (DV; n=7). Os camundongos tornados diabéticos (aloxana, 60 mg/Kg, intravenosa), quando comparados aos controles, exibiram redução do peso corporal e concentrações plasmáticas de glicose mais elevadas durante o período experimental de 10 dias (características do estado insulinopênico). Entretanto, a suplementação com vitamina D não alterou essa condição. Camundongos tornados diabéticos, em relação aos controles, exibiram redução do peso corporal (p<0,05) e concentrações plasmáticas de glicose (p<0,001) mais elevadas durante o período experimental. Animais suplementados com vitamina D apresentaram, em relação aos controles, níveis de 25(OH)D mais elevados (CA vs CV, p<0,001; DA vs DV, p<0,001). Níveis séricos maiores de ureia (CA vs DA, p<0,05; CA vs DV, p<0,01; CV vs DA, p<0,05; CV vs DV, p<0,01) e creatinina (CA vs DA, p<0,001; CA vs DV, p<0,001; CV vs DA, p<0,001; CV vs DV, p<0,001), espessamento da cápsula de Bowman, hipertrofia glomerular e destruição de hepatócitos foram observados em camundongos diabéticos em relação aos controles. Entretanto, a suplementação com vitamina D não alterou estas condições. O grupo DA apresentou menor nível sérico de albumina em relação aos grupos CA (p<0,05) e CV (p<0,05); níveis inferiores de hemoglobina (p<0,05) e hematócrito (p<0,05) em relação ao grupo DV; e menor leucometria (p<0,05) e mononucleares sanguíneos (p<0,05) em relação ao grupo CA. Os resultados sugerem que a vitamina D possa influenciar a resposta imunológica em animais diabéticos, modulando hematócrito, hemoglobina, bem como os níveis séricos de albumina
Título em inglês
Study of vitamin D in experimental diabetes mellitus
Palavras-chave em inglês
25-hydroxyvitamin D
Alloxan
Cholecalciferol
Diabetes mellitus
Hyperglycemia
Immune system
Resumo em inglês
Diabetes mellitus (DM) is a disease with high prevalence and morbidity worldwide, and the DM1 is responsible for 5-10% of cases. The vitamin D hormone pleiotropic action, can improve the course of T1DM, although the mechanisms are not fully elucidated. Thus, better understanding the action of this hormone can aid in prognosis as well as in understanding the possible mechanisms involved in the prevention of diabetes. We evaluated the physiological effects of vitamin D (800 IU/day/seven days, v.o.) in male mice (n=31, C57BL/6 strain) divided into four groups: Control + Water (CW, n=9); Control Vitamin D + (CV n=9); Diabetic + Water (DW, n=6) Diabetic + Vitamin D (VD, n=7). The mice induced-diabetes by alloxan (60 mg/kg, i.v.), when compared to controls, exhibited reduced body weight and plasma glucose concentrations were higher during the experimental period of 10 days (features insulinopenic state). However, vitamin D supplementation did not alter this condition. Diabetic mice, compared to controls, exhibited reduced body weight (p<0,05) and plasma glucose concentrations (p <0.001) higher during the trial period. Animals supplemented with vitamin D showed higher levels of 25 (OH) D than controls (CW vs CV, p <0,001; DW vs DV, p<0,001). Higher serum urea (CW vs. DW, p <0,05; CW vs DV, p <0,01; CV vs DA, p <0,05; CV vs DV, p <0,01) and creatinine (CW vs. DW, p <0,001; CW vs DV, p <0,001; CV vs DW, p <0,001; CV vs DW, p <0,001), thickening of Bowman's capsule, glomerular hypertrophy and destruction of hepatocytes were observed in diabetic mice compared to controls. However, vitamin D supplementation did not alter these conditions. The DW group showed lower serum albumin compared to CW (p<0,05) and CV (p<0,05) groups; lower hemoglobin (p<0,05) and hematocrit (p <0,05) compared to the DV group; and lower leukocyte counts compared to CW (p <0,05) and mononuclear blood (p <0,05) compared to the CW group. The results suggest that Vitamin D may influence the immune response in diabetic animals, modulating hematocrit, hemoglobin and serum albumin
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.