• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.1993.tde-20032008-113812
Documento
Autor
Nome completo
Susana Marta Isay Saad
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1993
Orientador
Banca examinadora
Iaria, Sebastião Timo (Presidente)
Landgraf, Mariza
Miguel, Omar
Título em português
Aeromonas do grupo A. hydrophila em amostras de hortaliças comercializadas na cidade de São Paulo
Palavras-chave em português
Aeromonas
Contaminação
Hortaliças
Patógeno de origem alimentar
Resumo em português
Em um total de 90 amostras de hortaliças, incluindo 30 de alface, 30 de agrião e 30 de escarola, foi verificada a ocorrência de Aeromonas do grupo A. hydrophila, empregando-se os métodos de semeadura direta em ágar amido-amplicilina (contagem) e após enriquecimento em caldo tripticase-soja adicionado de ampicilina (teste de presença/ausência). As incubações foram feitas a 28ºC, durante 24 horas. A presença dessas bactérias foi detectada em 43 (47,8%) das amostras analisadas, com contagens variando de < 102 a 2, 0x 106UFC/g. As amostras de agrião foram as que revelaram, na contagem, com maiores números de Aeromonas spp. Das 43 amostras positivas para Aeromonas spp. 9 (21,0%) revelaram-se com números superiores a 104 UFC/g. sendo que 7 eram de agrião . Dentre as amostras de hortaliças analisadas, as de agrião revelaram-se com positividade para Aeromonas do grupo A. hydrophila (70,0%) significativamente maior em relação às de alface (43,3%) e de escarola (30,0%) a nível de 5%. Não foram observadas diferenças significativas entre as positividades obtidas através do método de semeadura direta em placas e do teste de presença/ausência para as amostras de alface e de agrião. Para as amostras de escarola, a positividade foi significativamente mais alta no teste de presença/ausência. Do total de 143 cepas confirmadas como sendo do gênero Aeromonas, 138 (96,5%) eram de A. caviae, 4 (2,8%) de A. hydophila e 1 (0,7%) que, pelas suas características, foi considerada como Aeromonas atipica. Dos resultados obtidos, pode-se depreender que as hortaliças dos tipos analisados, alface, agrião e escarola, dado os níveis de contaminação observados, podem representar risco aos consumidores.
Título em inglês
Motile Aeromonas spp. in retail vegetables from São Paulo, Brazil
Palavras-chave em inglês
Aeromonas
Contamination
Foodborne pathogen
Vegetables
Resumo em inglês
A total of 90 retail vegetable samples, including 30 of lettuce, 30 of water-cress and 30 of escarole were examined for the presence of Aeromonas of the A. hydrophila group, using two different isolation methods. One of the methods envolved direct plating on starch-ampicinin agar for the purpose of enumeration and the other one, after enrichment in trypticase-soy broth with ampicillin, for detection, both using 24 hour incubation at 28°C. Aeromonas spp. Were detected in 43 (47.8%) samples and their numbers varied from less than 102 up to 2.0x106 CFU/g. The water-cress samples were the ones to show greater numbers of Aeromonas spp. The counts of 9 (21%) of the 43 positive samples exceeded 104 CFU/g, 7 of them consisting of water-cress. The number of water-cress positive samples (70.0%) was significantly higher at 5% than those of lettuce (43.3%) and those of escarole (30.0%). No significant differences were found in relation to positivity for Aeromonas spp. Between both isolation methods used, regarding the lettuce and the water cress samples. On the other hand, with respect to the escarole samples, positivity was significantly superior for the isolation method envolving enrichment. In therms of species level identification, among 143 strains confirmed as being Aeromonas spp., 138 (96.51%) were A, cavia, 4 (2.81%) were A, hvdrophila and 1 (O,7%) was considered as atypical due to its different biochemical profile. The results show that the vegetables examined may represent risk to consumers in terms of presence and numbers of Aeromonas of the A, hvdrophila group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-03-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.