• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.9.2001.tde-08052015-120334
Documento
Autor
Nome completo
Cláudia Moreno Rosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Franco, Bernadette Dora Gombossy de Melo (Presidente)
Destro, Maria Teresa
Leitao, Mauro Faber de Freitas
Martinez, Marina Baquerizo
Martinis, Elaine Cristina Pereira de
Título em português
Purificação e mecanismo de ação de uma bacteriocina produzida por Lactobacillus sake 2a isolado de linguiça frescal
Palavras-chave em português
Alimentos (Microbiologia)
Bacteriocina
Ciência de alimentos
Lactobacillus sake
Modo de ação
Proteínas
Purificação
Resumo em português
Uma bacteriocina produzida por uma cepa de Lactobacillus sake 2a, isolada de lingüiça frescal comercial foi purificada, caracterizada e seu modo de ação foi estudado com o objetivo de ser utilizada como bioconservante em alimentos. A bacteriocina apresentou efeito bactericida contra Listeria monocytogenes em meio de cultura. Algumas cepas como Listeria welshimeri, Listeria seeligeri e Listeria inócua foram sensíveis, mas Staphylococcus aureus e Escherichia coli O157H7 foram resistentes a esta bacteriocina. O melhor meio de cultura para a sua produção foi o meio MRS à 25 ou 30°C durante a fase logarítmica de crescimento, obtendo-se 450 UA/ml de bacteriocina. Observou-se estabilidade a 121° C por 15 minutos. A bacteriocina foi purificada 71186 vezes pela técnica de adsorção/desorção de proteínas seguida de cromatografia de troca iônica Mono S, com rendimento de 3%. O peso molecular estimado foi de 3 a 6 kDa, determinado por eletroforese em gel de poliacrilamida-tricina. Nos estudos do mecanismo de ação, a bacteriocina dissipou o potencial de membrana, o gradiente de pH e reduziu de 80% os níveis de ATP intracelular não alterando os níveis de ATP extracelular. Bacteriocina 2a, nas concentrações de 28, 60 e 114 UA/ml, também causou efluxo de 3, 30 e 100% de carboxifluoresceina dos lipossomos construídos com lipídios de membrana de Listeria monocytogenes Scott A, respectivamente. Os resultados indicam que a bacteriocina 2a atua formando poros na membrana citoplasmática de células sensíveis não necessitando de um receptor específico. Conclui-se também que a bacteriocina é um bioconservante em potencial, podendo ser usada no controle de Listeria monocytogenes em alimentos.
Título em inglês
Purification and mechanism of action of a bacteriocin produced by Lactobacillus sake 2a isolated frescal sausage
Palavras-chave em inglês
Bacteriocin
Food (Microbiology)
Food science
Lactobacillus sake
Mode of action
Proteins
Purification
Resumo em inglês
Bacteriocin 2a produced by Lactobacillus sake 2a isolated from a Brazilian meat product (lingüiça) was purified, characterized and its mecanism of action was studied. The bacteriocin 2a showed bactericidal effect against Listeria monocytogens, Listeria welshimeri, Listeria seeligeri and Listeria inocua but it did not have an effect against Staphylococcus aureus e Escherichia coli O157H7 strains. The highest concentration of bacteriocin 2a (450 AU/ml) was found in MRS medium incubated at 25 or 30°C and its production was at its maximum towards logaritmic growth. It was stable at 121° C for 15 minutes. Bacteriocin 2a was purified 71186 fold by salt extraction from Lactobacillus sake cells, followed by cation exchange chromatography using Mono S column. It has an estimated molecular mass of 3-6kDa. In mechanistic studies of action against Listeria monocytogenes Scott A, bacteriocin 2a dissipated the pH gradient, the ΔΨ and reduced the ATP internal concentration by 80% with no detectable increase in the external ATP concentration. Bacteriocin 2a concentration of 28, 60 and 114 AU/ml, also mediated carboxyfluorescein efflux of 3, 30 and 100% from liposomes made from lipids extracted from Listeria monocytogenes Scott A, respectively. These data indicate that bacteriocin 2a forms pores in the citoplasmatic membrane of target cells similarly Class II bacteriocins. In addiction it can be use as a potential anti-microbial against Listeria monocytogenes in food.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.