• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.89.2000.tde-29012015-101900
Documento
Autor
Nome completo
Aline Rodrigues Barbosa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2000
Orientador
Banca examinadora
Marucci, Maria de Fátima Nunes (Presidente)
Okuma, Silene Sumire
Santarém Sobrinho, Jose Maria
Título em português
Efeitos de um programa de treinamento contra resistência sobre a composição corporal, a força muscular e a flexibilidade de mulheres idosas
Palavras-chave em português
BIA
Dobras cutâneas
Envelhecimento
Exercícios de resistência muscular
Idosos
Nutrição
Teste \"sentar e alcançar\"
Treinamento de força
Resumo em português
Esse estudo analisou os efeitos de 10 semanas de treinamento contra resistência, sobre a composição corporal, a força muscular e a flexibilidade de 11 mulheres idosas (68,91 ± 5,43 anos). Um grupo de 8 idosas (65,13 ±4,09 anos) serviu como controle inativo. A força de preensão manual (ambas as mãos), o percentual de gordura corporal (dobras cutâneas e bioimpedância) e a flexibilidade (teste "sentar e alcançar") foram avaliados antes e após 10 semanas. A força muscular isotônica foi avaliada pelas cargas de treinamento. Após as avaliações iniciais, os indivíduos começaram o programa de treinamento que consistiu de oito exercícios (peito, costas, ombro, bíceps, tríceps, coxa, panturrilha e abdome), sem a realização de exercício para flexibilidade. O programa de treinamento resultou em aumentos significativos (p< 0,001) na força muscular isotônica, para todos os exercícios, com aumentos percentuais que variaram de 25,91% a 49,09%, para tríceps e panturrilha, respectivamente. Verificaram se aumentos significativos (p < 0,001) na força de preensão manual de ambas as mãos e também na flexibilidade no grupo submetido a treinamento. O programa de treinamento não resultou em alteração na gordura corporal avaliada por bioímpedância e equação de dobras cutâneas, contudo verificou-se redução no Σ 8DC (p≤0,01). Não foram observadas alterações no grupo controle, em nenhuma variável investigada. Conclui-se que o programa de treinamento utilizado foi eficaz para aumentar a força muscular e a flexibilidade das mulheres idosas, reduzir o Σ 8DC, contudo não provocou redução do percentual de gordura corporal.
Título em inglês
Effects of resistance training program on body composition, muscle strength and flexibility of elderly women
Palavras-chave em inglês
Aging
BIA
Elderly
Nutrition
Skinfold thickness
Strength training
\"Sit and reach test\"
Resumo em inglês
This study analyzed the effects of a 10-wk resistance training program on body composition, muscle strength and flexibility in 11 elderly women (68.91 ± 5.43 yr.). A control group of 8 women (65.13 ± 4.09 yr.) served as inactive controls. Hand grip strength (both hands), body fat percent (skinfold thickness and bioelectrical impedance) and flexibility ( "sit and reach" test) were assessed before and after 10 weeks . The isotonic muscle strength were assessed by the weight of training . After initial tests, the subjects began a training program consisting of eight exercises for all body (chest, back, shoulder, biceps, triceps, thigh, calf and abdomen), without flexibility exercises. The training program resulted in significant increase (p< 0.001) in isotonic muscle strength, for all exercises, with increases ranged from 25.91% to 49.09%, for triceps and calf, respectively. It was observed significant increase (p<0,001) in hand grip strength (both hands) and flexibility in the training group. The training program resulted in no decrease in body fat assessed by bioelectrical impedance and skinfold thickness equation, but we observed decrease in Σ 8ST (p≤ 0.01). No significant changes were observed in the control group by ariy variable. In conclusion, the training program utilized was effective in increase muscle strength, flexibility and reduced Σ 8ST. However, the training program did not reduce body fat percentage.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-01-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.