• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.89.2004.tde-14112012-091911
Documento
Autor
Nome completo
Beatriz Gonçalves Ribeiro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Burini, Roberto Carlos (Presidente)
Barros Neto, Turibio Leite de
Piçarro, Ivan da Cruz
Rosa, Luis Fernando Bicudo Pereira Costa
Toledo, Julio Orlando Tirapegui
Título em português
Efeito comparativo de repositores energéticos sobre as concentrações plasmáticas de glicose e ácidos graxos livres de corredores de longa distância
Palavras-chave em português
Ácidos graxos
Atividade física (Metabolismo)
Corredores de longa distância
Dieta para esportistas
Frutose
Glicose
Necessidade energética
Nutrição humana
Repositores energéticos
Suplementação alimentar
Resumo em português
A reposição de glicogênio pós treino foi investigada usando uma mistura de ambos, glicose e glicose-frutose, como repositores, em atletas corredores de longa distância. Dez corredores competitivos (30±4,7 anos) foram avaliados para composição corporal e consumo alimentar antes do exercício de 90 minutos em esteira elétrica a 70% V02máx. Amostras de sangue venoso foram coletadas antes e após o término do exercício, quando eles receberam 1g de carboidrato.kg-1 de uma mistura de ambos, glicose-frutose (CHO1) e glicose (CHO2), e outra com sucralose ou placebo (controle). Amostras de sangue foram retiradas 30, 60, 90 e 120 minutos após o consumo dos suplementos e usadas para determinação de glicose e de ácidos graxos plasmáticos, por reações colorimétricas. Não foram observadas diferenças significativas na composição corporal e na hidratação durante o exercício. Os tratamentos CHO1 e CHO2 produziram elevação na glicemia, em 30 minutos, comparados ao grupo placebo. Entretanto, em 90 min, somente no tratamento CHO1, uma queda na glicemia foi observada (CHO2>CHO1). Os ácidos graxos livres aumentaram comparativamente após o exercício (CHO1=CHO2=placebo) e, diferente do placebo, em 90 minutos, reduziram nos tratamentos CHO1 e CHO2. Ambos os repositores atuaram similarmente nas concentrações de ácidos graxos livres, mas o declínio da glicose plasmática (remoção da glicose) ocorreu primeiramente com o tratamento glicose-frutose do que com o glicose. Assim, a mistura glicose-frutose parece promover uma reposição de glicogênio mais rápida após exercícios de longa duração.
Título em inglês
Comparative effects of energetic repositors on plasma free-fatty acids and glucose of long distance runners
Palavras-chave em inglês
Energetic repositors
Energy necessity
Free-fatty acids
Fructose
Glucose
Human nutrition
Long distance runners
Nutritional supplements
Physical activity (Metabolism)
Resumo em inglês
The post training glycogen replacement was investigated using either glucose or glucose-fructose mixture as repositors in long-distance athletes. Ten males (30±4,7yrs) voluntary competitive long distance runners were assessed for body composition and dietary intake prior to a 90 min 70% vo2 max exercise in treadmill. Blood samples were collected before and after the exercise when they received orally 1g of CHO.kg-1 either as maltodextrin-glucose-fructose (CHO1) or maltodextrin - glucose (CHO2) mixtures, having sucralose or placebo (control). Blood samples were drawn 30,60, 90 and 120 minutes after supplement intake and used for plasma glucose and free-fatty acids determinations by colorimetric reactions. There were no significant changes on body composition, mass or hydration, during the treadmill exercise. CHO1 and CHO2 loading increased the 30 min blood glucose both significatively above the placebo. However at 90 min only CHO1 decreased significantily (CHO2>CHO1). The FFA increased comparatively (CHO1=CHO2=placebo) after exercise and differently from placebo CHO1 and CHO2 decreased (similarly) up to 90 min. Both energetic repositors acted similarly on FFA levels but the plasma glucose decreasing (glucose removal) occurred earlier with glucose-fructose loading rather than glucose alone. Thus glucose-fructose mixtures seems to promote faster glycogen repletion after long lasting aerobic exercises.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-11-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.