• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.89.2011.tde-14092012-140908
Documento
Autor
Nome completo
Tania Yuka Yuba
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Carmo, Heron Carlos Esvael do (Presidente)
Claro, Rafael Moreira
Diaz, Maria Dolores Montoya
Título em português
Evolução dos preços relativos e da estrutura de gastos com alimentos no município de São Paulo: uma aplicação do banco de dados do IPC-FIPE de 1939 a 2010
Palavras-chave em português
Aquisição de alimentos
Índice de preços
Nutrição
Pesquisa de orçamentos familiares
Preço de alimentos
Preços relativos
Resumo em português
Introdução: A análise das principais tendências sobre consumo de alimentos tem apontado para a diminuição do consumo de alimentos in natura e o aumento do consumo de produtos industrializados. Este padrão de consumo pode levar à deficiências nutricionais e propiciar o surgimento de doenças crônicas não transmissíveis como a obesidade, dislipidemias e hipertensão. Os hábitos de consumo alimentar são afetados por uma grande variedade de fatores em que se destacam os econômicos, como preços relativos de alimentos e renda da população. Analisar a evolução dos preços relativos pode nos fornecer subsídios que possibilitam visualizar as tendências da relação entre os grupos alimentares. Objetivos: Analisar a evolução dos preços relativos dos grupos de alimentos a partir da elaboração dos números-índices dos preços relativos para o período de 1939 a 2010 com a utilização do banco de dados do Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (IPC/FIPE). Metodologia: Para analisar a evolução dos preços relativos, foram utilizados o banco de preços da FIPE e as estruturas de ponderação da FIPE (1939-1988) e do IBGE (1989-2010), desagregadas por classe de renda a partir de 1972. O banco de preços foi organizado, sua consistência foi testada e os preços foram deflacionados pelo IPC/FIPE. Os preços relativos foram calculados e depois agregados por grupo alimentar. Por fim, o índice de preços foi calculado por duas fórmulas: Laspeyres e Konüs-Byushgens. Resultados: Comparou-se o índice geral da alimentação com os índices de cada grupo alimentar, e é possível notar que os grupos de gorduras, óleos, condimentos, açúcares e alimentos processados tiveram um seguimento de queda, por outro lado o índice dos alimentos in natura como frutas e verduras tiveram um ligeiro aumento. Os grupos de cereais, farinhas e massas e os grupos de carnes, leite e ovos tiveram uma tendência mais estável. Conclusão: A evolução dos preços relativos dos alimentos indica uma tendência desfavorável para uma alimentação saudável.
Título em inglês
Evolution of relative price of food and structure of food spending in the city of São Paulo: an application of IPC-FIPE´s database from 1939 to 2010
Palavras-chave em inglês
Consumer expenditure survey
Food consumption
Food price
Nutrition
Price index
Relative prices
Resumo em inglês
Introduction: Analyses of major trends on food consumption point out decreasing fresh food consumption and increasing processed food consumption. Processed food may cause nutritional deficiencies and ease onset of chronic non communicable diseases such as obesity, dyslipidemia and hypertension. Food consumption habits are affected by many factors, and the ones that stand out are the economic factors such as food relative price and population income. Studying the evolution of relative price may give us support to visualize the relationship trends among food groups. Objectives: Analyze the evolution of relative price of food groups by calculating the index-numbers of relative prices from 1939 to 2010 using the Consumer Price Index database from the Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Institute for Economic Research Foundation) (IPC/FIPE). Methodology: To analyze the evolution of relative price, we used FIPE´s price database and also the weight structure from FIPE (1939-1988) and from IBGE (Brazilian Institute of Geography and Statistics) (1989-2010), which were separated by income class since 1972. Price database was arranged, it´s consistency was tested and prices were deflated by IPC/FIPE. Relative prices were calculated and then associated by food group. Ultimately, price index was calculated according to: Laspeyres and Konüs-Byushgens. Results: When comparing total food index against indexes of each food group we noticed that the groups of fat, oil, spices, sugars and sweets and processed food showed decreased indexes whereas fresh foods such as fruits and vegetables showed swift increased indexes. Grain, flour and pasta groups along with meat, milk and egg groups showed a steadier trend. Conclusion: The evolution of relative price of food points out an unfavorable trend toward healthy eating.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-10-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.