• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.89.2012.tde-14092012-100639
Documento
Autor
Nome completo
Simone Hernandes Campos Maria
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Philippi, Sonia Tucunduva (Presidente)
Damaso, Ana Raimunda
Rondo, Patricia Helen de Carvalho
Título em português
Estado nutricional e fatores associados em militares da Força Aérea Brasileira na cidade de São Paulo
Palavras-chave em português
Consumo Alimentar
DCNT(s)
Estado Nutricional
Estilo de Vida
Militares
Resumo em português
Introdução - O excesso de peso e obesidade está presente nos indivíduos que compõem as Forças Armadas em nível mundial, sendo relacionados a estilos de vida inadequados, tornando o risco de Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT(s)) uma grande preocupação. Objetivo - Avaliar o estado nutricional de militares da Força Aérea Brasileira (FAB) na cidade de São Paulo e sua relação com dados sociodemográficos, consumo alimentar, estilo de vida e DCNT(s). Métodos - A população de estudo foi de 1.241 militares do gênero masculino, pertencentes às sete Organizações Militares da FAB na cidade de São Paulo. A avaliação do estado nutricional foi realizada segundo o IMC e o %G, observando-se o grau de associação e a proporção de concordância entre eles a fim de verificar o melhor parâmetro de classificação do estado nutricional dos militares, o qual foi submetido à análise estatística com as demais variáveis e distribuído em percentis por estágio de vida a fim de utilização como referência. Resultados - A maioria apresenta idade ≤ 30 anos (76,7%), estado civil solteiro (70,3%), escolaridade de 12 ou mais anos (60,1%) e classes de renda C, D e E (86,2%). Grande parte dos militares (84,8%) realiza menos de cinco refeições ao dia e somente 2,3% consomem alimentos fonte de fibras conforme a recomendação, enquanto 33,4% ingerem alimentos ricos em gorduras em quantidades altas. Um elevado percentual (83,9%) de indivíduos nunca fumou e 7,8% são ex-fumantes, além de 97,2% não consumirem bebidas alcoólicas acima da recomendação. Cerca de 2/3 da população é ativa ou muito ativa fisicamente. A existência de hipertensao, diabetes tipo 2 e dislipidemia foi observada em, respectivamente, 4,9%, 0,6% e 4,4% dos militares e o risco de complicações metabólicas em 20,2%. Constatou-se que o IMC subestima a real prevalência de obesidade, sendo o %G considerado melhor indicador da gordura corporal, resultando em 0,9% de indivíduos em baixo peso, 61,8% em eutrofia, 17,6% em excesso de peso e 19,7% em obesidade. Verificou-se diferenças estatisticamente significantes entre o excesso de peso/obesidade e a maioria das variáveis. Conclusão - Observou-se uma elevada prevalência de excesso de peso e obesidade na população de militares, sendo relacionada a diversos fatores, os quais deverão ser melhor explorados em pesquisas longitudinais.
Título em inglês
Nutritional evaluation and associated factors in Brazilian Air Force personnel in the city of São Paulo
Palavras-chave em inglês
CNCD(s)
Food Intake
Lifestyle
Military Personnel
Nutritional Status
Resumo em inglês
Introduction - Overweight and obesity are present in Armed Forces personnel on a worldwide level, are related to inadequate lifestyles and are becoming a worrisome chronic non-communicable disease (CNCD(s)) risk. Objetive - To evaluate the nutritional status of Brazilian Air Force (BAF) personnel in the city of São Paulo and its relation with sociodemographic variables, food intake, lifestyle and CNCDs. Methods - The study population included 1,241 male military personnel belonging to the seven BAF military organizations in the city of São Paulo. Nutritional status was evaluated by means of BMI and %BF, observing the degree of association and proportion of agreement between the two methods in order to verify the better parameter for classifying the nutritional status of military personnel. The results were submitted to statistical analysis along with the other variables and distributed in percentiles according to life stage in order to serve as a reference. Results - The majority were ≤ 30 years of age (76.7%), single (70.3%), had completed 12 or more years of school (60.1%) and had income levels C, D and E (86.2%). A large majority of the personnel (84.8%) had less than five means per day and only 2.3% consumed the recommended amount of fiber, while 33.4% consumed high quantities of foods rich in fat. A high percentage (83.9%) of individuals had never smoked and 7.8% were ex-smokers, while 97.2% did not drink more than recommended amounts of alcoholic beverages. Approximately 2/3 of the population was either physically active or very active. The existence of systemic arterial hypertension, type 2 diabetes and dyslipidemia was observed in 4.9%, 0.6% and 4.4% of the servicemen, respectively, and the risk of metabolic complications was 20.2%. Because BMI underestimated the real presence of obesity, %BF was considered the better indicator of body fat, resulting in 0.9% of the subjects being classified as underweight, 61.8% as normal weight, 17.6% overweight and 19.7% as obese. Statistically significant differences were found between overweight/obesity and the majority of the variables. Conclusion - A high prevalence of overweight and obesity was observed in this population of military personnel, which was related to a variety of factors that should be better explored in longitudinal studies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-10-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.