• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.87.2012.tde-05022013-080751
Documento
Autor
Nome completo
Louise Hase Gracioso
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Perpetuo, Elen Aquino (Presidente)
Sales, Claudiana Paula de Souza
Vicente, Elisabete Jose
Título em português
Análise das proteínas expressas em resposta ao fenol em bactérias isoladas da zona industrial de Cubatão - SP
Palavras-chave em português
Biodegradação
Compostos fenólicos
Indústrias
Metabolismo celular
Poluição ambiental
Resumo em português
Os compostos fenólicos pertencem a um grupo tóxico de poluentes ambientais descartados do processo de muitas indústrias tais como refinarias de óleo e indústrias químicas. Embora o fenol possua ação bactericida, alguns micro-organismos adquiriram a habilidade de se adaptar e utilizar este composto como fonte de carbono e energia, através do controle coordenado de vias metabólicas (catabólicas). A expressão destas vias pode ser regulada por: mecanismos de controle globais ou por uma via específica de resposta controlada, porém estes mecanismos ainda não são bem compreendidos. O presente trabalho pretendeu isolar e identificar micro-organismos de um ambiente contaminado para tratamento biológico de efluentes fenólicos, bem como analisar o padrão de proteínas citosólicas expressas em função da exposição à duas diferentes fontes de carbono (glicose ou fenol). As linhagens isoladas de Cubatão-SP foram identificadas pela amplificação e sequenciamento do gene 16S DNAr, resultando em 100 % de similaridade com os gêneros Achromobacter e Pandoraea. Os ensaios de biodegradação em diferentes concentrações de fenol (200 a 600 mg.L-1) mostraram que as duas linhagens foram capazes de degradar 100 % do fenol. As proteínas expressas por Achromobacter sp. em resposta ao fenol foram submetidas a eletroforese 2D e os resultados sugerem que a biodegradação do fenol foi realizada através da meta clivagem do anel aromático, pois três enzimas desta via foram identificadas (proteína degradação do fenol via meta- clivagem, 2- hidroximucônico semialdeído desidrogenase 1 e 4-hidroxi-2-oxovalerate aldolase). Outras enzimas envolvidas no metabolismo celular também foram identificadas, reforçando a hipótese que o fenol altera todo o metabolismo celular, envolvendo as mais diferentes vias metabólicas para que a célula possa superar o estresse celular ocasionado por esta exposição.
Título em inglês
Analysis of expressed proteins in response to phenol in bacteria isolated from the industrial area of Cubatao-SP.
Palavras-chave em inglês
Biodegradation
Cell metabolism
Environmental pollution
Industries
Phenolic compounds
Resumo em inglês
Phenolic compounds belong to a group of toxic environmental pollutants discharged from the process in many industries such as oil refineries and chemical plants. Although phenol has bactericidal action, some microorganisms acquired the ability to adapt and use this compound as a source of carbon and energy, through the coordinated control of metabolic pathways (catabolic). The expression of these pathways may be regulated by: control mechanisms via a global or specific response, but these mechanisms are not well understood. This work aims to isolate and identify micro-organisms from a contaminated environment for biological treatment of phenolic wastewaters, as well as analyzing the pattern of cytosolic proteins expressed in terms of exposure to two different carbon sources (glucose or phenol). The strains isolated from Cubatao-SP were identified by amplification and sequencing of 16S rDNA, resulting in 100% similarity with the genera Achromobacter and Pandoraea. The biodegradation assays at different concentrations of phenol (200 to 600 mg.L-1) showed that both strains were able of degrading 100% of the phenol. The proteins expressed by Achromobacter sp. in response to phenol were subjected to 2D electrophoresis and the results suggest that the biodegradation of phenol was performed using the meta cleavage of the aromatic ring, once three enzymes of this pathway have been identified (protein degradation meta-cleavage pathway phenol, 2-hydroxymuconic semialdehyde dehydrogenase 1 and 4-hydroxy-2-oxovalerate aldolase). Other enzymes involved in cellular metabolism were also identified; reinforcing the hypothesis that phenol modifies the entire cellular metabolism, involving very different metabolic pathways for the cell can overcome stress caused by this exposure.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-02-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.