• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Alves de Freitas
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Abrão, Alcídio (Presidente)
Brito, Hermi Felinto de
Yamaura, Mitiko
Título em português
Recuperação de Tório e terras raras via peróxido do resíduo  originado na unidade de purificação de  Tório
Palavras-chave em português
Peróxido de tório e terras raras
recuperação de tório e terras rarar
sepração de tório e terras raras
Resumo em português
Como conseqüência da operação de uma unidade de purificação de tório para a produção de nitrato de tório puro, o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) armazenou um resíduo rico em terras raras contendo tório e pequeno teor de urânio. Este resíduo é registrado como RETOTER (Resíduo de Tório e Terras Raras). O resíduo contém os radioisótopos naturais das séries do urânio e do tório. Contribuição radioativa significativa é dada pelos descendentes do tório, especialmente o rádio-228 (T1/2 = 5,7 anos) comumente conhecido como mesotório e o tório-228 (T1/2 = 1,90 anos). Um descendente do tório de muito interesse e presente com teor razoável é o chumbo-208, um isótopo estável. A partir do encerramento das atividades da planta de purificação de tório, os técnicos do IPEN vêm trabalhando no estabelecimento de tecnologia de aproveitamento do tório, das terras raras e do chumbo-208 contidos no RETOTER. O presente trabalho consiste em dissolver o RETOTER com ácido nítrico separando e confinando os contribuintes radioativos, especialmente o rádio-228, por coprecipitação com sulfato de bário. Em seguida o tório foi separado por precipitação como peróxido. As terras raras presentes no filtrado, foram recuperadas como peróxido de terras raras.
Título em inglês
RECOVERY OF THORIUM AND RARE EARTHS BY THEIR PEROXIDES PRECIPITATION FROM A RESIDUE PRODUCED IN THE THORIUM PURIFICATION FACILITY
Palavras-chave em inglês
Peróxido de tório e terras raras
recuperação de tório e terras raras
separação de tório e terras raras
Resumo em inglês
As consequence of the operation of a Thorium purification facility, for pure Thorium Nitrate production, the IPEN (Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares) has stored away a solid residue called RETOTER (REsíduo de TÓrio e TErras Raras). The RETOTER is rich in Rare-Earth Elements and significant amount of Thorium-232 and minor amount of Uranium. Furthermore it contains several radionuclides from the natural decay series. Significant radioactivity contribution is generated by the Thorium descendents, mainly the Radium-228(T1/2 = 5.7y), known as mesothorium and Thorium-228(T1/2 = 1.90y). An important thorium daughter is the Lead-208, a stable isotope present with an expressive quantity. After the enclosure of the operation of the Thorium purification facility, many researches have been developed for the establishment of methodologies for recovery of Thorium, Rare-Earth Elements and Lead-208 from the RETOTER. This work presents a method for RETOTER decontamination, separating and bordering upon some radioactive isotopes. The residue was digested with nitric acid and the Radium-228 was separated by the Barium Sulphate co-precipitation procedure. Finally, the Thorium was separated by the peroxide precipitation and the Rare-Earth Elements were also recovered by the Rare-Earth peroxide precipitation in the filtrate solution.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AntonioAlvesDeFreitas.pdf (1,000.57 Kbytes)
Data de Publicação
2009-09-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.