• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.84.2010.tde-18122012-100819
Documento
Autor
Nome completo
Fabricio Roberto Marques
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Barreyro, Gladys Beatriz (Presidente)
Silva Junior, Joao dos Reis
Urquidi, Vivian Grace Fernandez Davila
Título em português
Condições de trabalho de pesquisadores da Argentina e do Brasil: percepções de cientistas das áreas médica e biomédica
Palavras-chave em português
Ciências biomédicas
Ciências médicas
Condições de trabalho
Produtividade científica
Resumo em português
Este trabalho busca analisar as condições de trabalho de pesquisadores no Brasil e na Argentina com o intuito de investigar a relação entre tais condições, a capacidade acadêmica e os indicadores ligados à ciência básica e aplicada e à inovação dos dois países. Por meio da análise do conteúdo de seis entrevistas com pesquisadores, sendo três argentinos e três brasileiros, no campo das ciências médicas e biomédicas, além do estudo da bibliografia sobre as mudanças no mundo do trabalho e no campo da ciência e da tecnologia, procuramos identificar em que a situação dos dois países se assemelha ou se distancia. Concluímos que a pressão pelo aumento da produtividade acadêmica tem os mesmos moldes nos dois países, assim como a implantação de critérios de avaliação voltados para o crescimento da produção científica foi acelerada na década de 1990, na esteira do receituário neoliberal que marcou a política e a economia do continente. Embora os dois países venham experimentando um crescimento nos recursos investidos em ciência e tecnologia, há diferenças importantes entre eles, relacionadas à regularidade da oferta de recursos, com vantagem para o Brasil, e à disponibilidade de recursos humanos altamente qualificados, tópico em que a Argentina, com uma tradição científica ancorada em três prêmios Nobel na área científica, possui um lastro especialmente consistente. Uma integração mais efetiva dos sistemas de ciência e tecnologia argentino e brasileiro poderia ajudar os dois países em seus desafios comuns de ampliar e racionalizar seus sistemas de pesquisa.
Título em inglês
Working conditions of researchers from Argentina and Brazil: perception of scientists in the field of Medical and Biomedical Sciences
Palavras-chave em inglês
Biomedical sciences
Labour conditions
Medical sciences
Scientific productivity
Resumo em inglês
The objective of this work is to analyse scientific researchers working conditions in Brazil and in Argentina aiming to investigate the relation among these conditions, the academic capability and indicators connected to basic and applied science and innovation in both countries. We tried to identify how both countries are similar and/or different by analysing six interviews with three Brazilian and three Argentine researchers in the field of Medical and Biomedical Sciences and studying the bibliography about changes in the labour field and in the area of Science and Technology. We came to the conclusion that pressure to increase academic productivity has the same pattern in both countries. There was also an adoption of criteria to assess the scientific production aiming to increase it and this trend was accelerated during the 90s following neoliberal policies that marked the politics and economy in Latin America. Despite the fact that investments in Science and Technology have increased in both countries, there are important differences among them, related to regular resources allocation, with advantages for Brazil. The availability of high qualified human resources seems stronger in Argentina, country that has a scientific tradition anchored by three Nobel prizes in scientific areas. A more effective integration of Brazilian and Argentinian Science and Technology systems could help both countries in their common challenges to amplify and rationalize their research systems.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-12-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.