• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.83.2014.tde-15072014-120720
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Nogueira de Magalhães
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Faro, Ana Cristina Mancussi e (Presidente)
Ciosak, Suely Itsuko
Marziale, Maria Helena Palucci
Meneghin, Paolo
Nogueira, Lilia de Souza
Título em português
Acidentes de trânsito com adultos e suas consequências após a alta hospitalar
Palavras-chave em português
Acidentes de Trânsito. Motocicletas. Ferimentos e lesões
atividades cotidianas.
consequências de acidentes
Resumo em português
Introdução: Os acidentes de trânsito representam um dos principais problemas de saúde da atualidade, atingindo principalmente os adultos em faixa produtiva de vida. Além das mortes, esses eventos podem resultar em incapacidades e outras implicações para as vítimas e seus familiares. Objetivo: O presente estudo propôs-se a avaliar os acidentes de trânsito com adultos e suas consequências após a alta hospitalar. Método: Trata-se de um estudo quantitativo, do tipo coorte retrospectivo, realizado na cidade de Arapiraca, Alagoas, ano de 2011. Os dados foram obtidos por meio dos registros de atendimentos a vítimas de acidentes de trânsito no serviço de atendimento pré-hospitalar, na unidade de emergência de referência para traumas e durante a realização de entrevistas domiciliares. Estatísticas descritivas e teste de regressão logística múltipla foram utilizados. Resultados: Dentre as vítimas estudadas (n=105), houve predomínio do sexo masculino (72,3%), na faixa etária de 20 a 29 anos (42,8%), de cor parda (63,8%), baixa escolaridade (61,9%), casado/união estável (59%) e que trabalhavam principalmente como vendedores (18,1%). Os motociclistas predominaram entre as vítimas (84,7%), sendo a queda de moto o tipo de acidente mais frequente (35,2%). Os acidentes de trânsito ocorreram principalmente nos domingos (29,5%), na faixa horária da noite (35,2%) e na zona urbana do município (66,6%). A fratura foi a lesão mais comum (37,1%), sendo os membros inferiores (32,3%) a região mais acometida pelos traumas. O atendimento realizado pelo serviço pré-hospitalar teve uma média de 38 (dp=14,6) minutos. Quanto à permanência hospitalar, houve média de 6,6 dias (dp= 11,4), quando os procedimentos mais realizados foram os curativos e as suturas (32,3%). Identificou-se, por meio do Índice de Barthel, que, no período entre seis e dezoito meses após o acidente, 33,3% dos indivíduos apresentaram dependência significativa ou total. Cor da pele, tipo de acidente, tempo resposta, tempo de transporte, procedimentos realizados durante o atendimento hospitalar, tempo de hospitalização e tipo de saída hospitalar foram os fatores associados à dependência funcional após o acidente. Quanto à situação de produtividade, verificou-se que 61% das vítimas retornaram ao trabalho após o trauma. Conclusões: Os resultados obtidos neste estudo permitem estabelecer um panorama das consequências dos acidentes de trânsito para a vida pessoal e profissional de suas vítimas e fornecem subsídios para melhoria da assistência e estratégias de prevenção.
Título em inglês
Traffic accidents with adults and their consequences after hospital discharge
Palavras-chave em inglês
accident consequences. Activities of Daily Living.
Accidents
traffic. motorcycles
wounds and injuries
Resumo em inglês
Introduction: Road traffic accidents are one of the major health problems today, affecting mainly adults in their productive life. Besides the deaths, these events can result in disability and other implications for the victims and their families. Objective: the present study aimed at evaluating the road traffic accidents and their consequences in adults after hospital discharge. Method: This is a quantitative study, a retrospective cohort conducted in the town of Arapiraca, Alagoas, 2011. Data were obtained through the records of assisted victims of road traffic accidents in the pre hospital care service to the emergency unit of reference for trauma and during home interviews. Descriptive statistics and multivariate logistic regression were used. Results: Among the victims studied (n=105), were predominantly male (72,3%), aged 20-29 years old (42,8%), mulatto (63,8%), low education (61,9%), married/common-law marriage (59%) and working mainly as sellers (18,1%). Motorcyclists are predominant among the victims (84,7%), with the fall of the motorbike the most frequent type of accident (35,2%). Traffic accidents occurred mainly on Sundays (29,5%) in the night time (35,2%) and urban area (66,6%). The fracture was the most common injury (37,1%) and lower limbs (32,3%) the region most affected by trauma. The service performed by the prehospital care had an average of 38 (sd=14,6) minutes. As for the hospital stay, there was an average of 6,6 days (sd=11,4), while the most common procedures were the dressings and sutures (32,3%). It was identified by means of the Barthel Index, which, in the period between six and eighteen months after the accident, 33,3 % of patients had significant or total dependence. Skin color, type of accident, response time, transport time, procedures performed during hospital care, hospitalization and type of hospital output were the factors associated with functional dependence after the accident. Regarding the situation in productivity, it was found that 61% of the victims returned to work after trauma. Conclusions: The results of this study provide a structured overview of the consequences of road traffic accidents for the personal and professional lives of its victims and provide information for improving care and prevention strategies.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-07-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.