• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.83.2014.tde-08012015-152822
Documento
Autor
Nome completo
Adriane Corrêa Jansen
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Marziale, Maria Helena Palucci (Presidente)
Dantas, Rosana Aparecida Spadoti
Robazzi, Maria Lucia do Carmo Cruz
Santos, Claudia Benedita dos
Santos, Manoel Antonio dos
Título em português
Adaptação cultural e validação para o Brasil do instrumento Comply with post-exposure management among health care workers para profissionais de enfermagem
Palavras-chave em português
Enfermagem
Estudos de validação
Intenção
Saúde ocupacional
Resumo em português
Os trabalhadores de enfermagem são expostos a riscos biológicos que podem causar-lhes adoecimento e/ou acidente de trabalho. Diante dessa realidade em vários países, e considerando que a adesão de muitos profissionais às condutas pós-exposição a material biológico, potencialmente contaminado, ainda não é satisfatória, buscou-se, na literatura nacional e internacional, instrumentos validados que quantificassem as variáveis psicossociais envolvidas no comportamento em saúde e, em especial, a adesão às condutas pós-exposição ocupacional a material biológico, internacionalmente recomendadas, necessárias à prevenção das infecções advindas dessa exposição ocupacional. Diante da inexistência de instrumentos brasileiros, validados, que abordassem as condutas pós- exposição a material biológico, selecionamos um instrumento chinês, estruturado no referencial da Teoria do Comportamento Planejado, para traduzi-lo e adaptá-lo para uso em nosso país. Assim, este estudo metodológico, quantitativo teve como objetivo traduzir, adaptar culturalmente e validar para Brasil o instrumento Comply with post-exposure management among health care workers, que avalia a intenção de cumprir as condutas pós- exposição ocupacional a material biológico. Trata-se de um instrumento autoaplicável, composto por questões de caracterização e dimensões relacionadas aos constructos da Teoria do Comportamento Planejado, distribuídas em 61 itens com opções de resposta em escala tipo Likert, específicas para cada uma das seis subescalas (Atitude, Normas Subjetivas, Conhecimento, Autoeficácia, Recursos e Intenção). O processo de adaptação seguiu as diretrizes recomendadas pela literatura. O estudo foi aprovado quanto aos aspectos da ética em pesquisa (Protocolo no 041/12). Os dados foram coletados em seis hospitais da cidade de Uberlândia, Minas Gerais, em amostra de 137 profissionais de enfermagem expostos a material biológico, sendo 119 técnicos de enfermagem (86,9%) e 18 enfermeiros (13,1%). Foi verificada a existência dos efeitos floor e ceiling e a fidedignidade foi avaliada pela consistência interna dos itens e pela estabilidade da medida (teste-reteste). A validade de construto foi avaliada por meio da análise multitraço-multimétodo. O valor do nível de significância adotado foi de 0,05. Foram verificados efeitos ceiling nas subescalas Autoeficácia e Intenção. Em relação às propriedades psicométricas, os resultados obtidos foram: consistência interna verificada pelo coeficiente alfa de Cronbach para as subescalas Atitude, Normas Subjetivas, Autoeficácia, Recursos e Intenção, com valores variando entre 0,81 e 0,91, resultados considerados satisfatórios e para a subescala Conhecimento, avaliada pelo coeficiente de Kuder-Richarson (0,37), considerado insatisfatório. A avaliação da estabilidade da medida obteve resultados positivos em relação à significância estatística, com valores do Coeficiente de Correlação Intraclasse, entre as duas medidas, variando de 0,301 a 0,727; a validade de construto convergente e divergente foi confirmada por meio da análise multitraço-multimétodo, com exceção da subescala Atitude, que apresentou valores insatisfatórios. Assim, podemos concluir que a versão adaptada do instrumento "Adesão às Condutas Pós-Exposição entre Trabalhadores de Saúde", para a realidade brasileira, apresenta resultados satisfatórios de validade e fidedignidade, excluindo-se a dimensão Atitude. Assim, após a redefinição da referida subescala com os autores do instrumento original, outros estudos devem ser realizados com amostras maiores. Este estudo resultou em novos conhecimentos científicos relevantes à prevenção do adoecimento de trabalhadores, relacionado às infecções veiculadas por material biológico potencialmente contaminado.
Título em inglês
Cultural adaptation and validation for Brazil of the instrument Comply with post-exposure management among health care workers for nursing professionals
Palavras-chave em inglês
Exposure to biological agents
Intention
Nursing
Occupational health
Validation studies
Resumo em inglês
Nursing workers are exposed to biological risks that can cause occupational illness and/or accidents. In view of this reality in different countries, and considering that many professionals' adherence to the conducts post-exposure to potentially contaminated biological material remains unsatisfactory, a search was undertaken in Brazilian and international literature for validated instruments to quantify the psychosocial variables involved in health behavior, and particularly in the adherence to internationally recommended conducts post-occupational exposure to biological material, necessary to prevent the infections originating in this occupational exposure. In view of the lack of Brazilian validated instruments focused on conducts post-exposure to biological material, we selected a Chinese instrument, structured in the framework of the Theory of Planned Behavior, for translation and adaptation to be used in Brazil. Hence, the objective in this methodological, quantitative study was to translate, culturally adapt and validate the instrument Comply with post-exposure management among health care workers for Brazil, which assesses the intention to comply with conducts post-occupational exposure to biological material. This self-applied instrument consists of characterization questions and dimensions related to the constructs of the Theory of Planned Behavior, distributed into 61 items with specific Likert-scale response alternatives for each of the six subscales (Attitude, Subjective Standards, Knowledge, Self-Efficacy, Resources and Intention). The adaptation process followed the guidelines recommended in the literature. The study received ethical clearance (Protocol 041/12). The data were collected at six hospitals in Uberlândia, Minas Gerais, in a sample of 137 nursing professionals exposed to biological material, including 119 nursing technicians (86.9%) and 18 nurses (13.1%). The existence of floor and ceiling effects was verified and the reliability was assessed through the internal consistency of the items and the stability of the measure (test-retest). The construct validity was assessed using the multitrait-multimethod analysis. Significance was set at 0.05. Ceiling effects were verified in the Self-efficacy and Intention subscales. As regards the psychometric properties, the obtained results were: internal consistency verified using Cronbach's alpha for the subscales Attitude, Subjective standards, Self-efficacy, Resources and Intention, ranging between 0.81 and 0.91, which are considered satisfactory, and for the Knowledge subscale, assessed using Kuder-Richarson's coefficient (0.37), considered unsatisfactory. The stability assessment of the measure found positive results for the statistical significance, with Intraclass Correlation Coefficients between the two measures ranging between 0.301 and 0.727; the convergent and divergent content validity was confirmed through the multitrait-multimethod analysis, except for the Attitude subscale, with unsatisfactory coefficient. Hence, it can be concluded that the adapted version of the instrument "Adesão às Condutas Pós-Exposição entre Trabalhadores de Saúde", for application in the Brazilian reality, presents satisfactory validity and reliability results, excluding the Attitude dimension. Hence, after redefining the subscale with the authors of the original instrument, further research is needed using larger samples. This study resulted in new scientific knowledge that is relevant to prevent occupational illness related to infections caused by potentially contaminated biological material.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.