• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.82.2005.tde-28062005-105338
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Campanelli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2004
Orientador
Banca examinadora
Ferreira, Affonso Luiz (Presidente)
Duarte, Luiz Romariz
Pizzolitto, Elisabeth Loshchagin
Título em português
Efeitos da radiação ultra-sônica pulsada e de baixa intensidade sobre o mal perfurante plantar (MPP), manifestação cutânea decorrente da Hanseníase
Palavras-chave em português
Hanseníase
mal perfurante plantar
úlceras de pressão
ultra-som de baixa intensidade
Resumo em português
Diante de pesquisas realizadas com o 5Ultra-som pulsado de baixa intensidade na regeneração de pele de ratos submetidos a queimaduras provocadas por calor (ALVES, 1988) e em pacientes portadores de úlceras tróficas de perna (HILÁRIO, 1993) se propôs estudar os efeitos do ultra-Som pulsado de baixa intensidade em pacientes com Mal de Hansen (MH) cujas manifestações cutâneas eram caracterizadas como o Mal Perfurante Plantar (MPP) e úlceras do tegumento, sendo que o emprego do ultra-som pulsado e de baixa intensidade mostrou-se eficaz na reparação das referidas lesões. O presente trabalho foi realizado em pacientes assistidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade de Bebedouro-SP lotados no setor de Vigilância Epidemiológica. A casuística constitui-se de seis pacientes apresentando MPP nos quais aplicou-se o ultra-som pulsado (U.S.P.) em uma freqüência de três vezes por semana no mesmo período circadiano. Os tratamentos tiveram duração variando entre vinte e quarenta minutos consoante a extensão das lesões cutânea. Independente do tempo das lesões não foi estabelecido previamente o número de aplicações a serem executadas, mas as aplicações foram realizadas até a obtenção da cicatrização total das lesões. A evolução das lesões até a cicatrização foi feita mediante o emprego de um software especialmente desenvolvido para tal finalidade e documentados fotograficamente. Não houve correlação entre o número de aplicações com o tamanho da lesão ou com o tempo decorrido do aparecimento das mesmas, embora a extensão e a forma das diferentes ulcerações não sejam equivalentes, quer no tempo de evolução, quer na profundidade das lesões, os resultados dos tratamentos com U.S.P. e de baixa intensidade mostraram-se segundo a metodologia de avaliação ser altamente satisfatório para o tratamento de lesões cutâneas decorrente da Hanseníase
Título em inglês
Effects of the low intensity pulsed ultrasound on the Hansen’s perforating plantar disease (MPP), cutaneous manifestation from Hansen’s disease
Palavras-chave em inglês
Hansen’s disease
low intensity ultrasonic
MPP
pressure ulcers
Resumo em inglês
Based on researches carried out with the low intensity pulsed ultrasound on the regeneration of burned rat skin previously exposed to heat and on legs trophic ulcers we proposed to study the effects of the low intensity pulsed ultrasound on Hansen’s disease patients whose cutaneous manifestations were characterized as the MPP. The study was carried out on six patients supported by the Public Health Care System (SUS/PHCS) in the city of Bebedouro- SP, crowded on the Epidemiological Observation ward. The low intensity pulsed ultrasonic radiation administrations were carried out three times a week on the same circadian. Irradiation time varied from twenty to forty minutes according to the extension of the lesion. The number of the administrations, which were carried out until the complete lesion cicatrisation in all patients, was not previously stipulated. Evaluation of cicatrisation was carried out making use of software and photographs taken at the beginning of the treatment and after every ten administrations of the pulsed ultrasound until the complete ulcers cicatrisation. It was not observed any correlation between number of ultrasound applications and area of the lesion or age of them. Although extension and shape were not equivalent, according to these results, pulsed low intensity ultrasound can be considered as an adjunctive treatment for cutaneous manifestations of Hansen’s disease
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
fabio_campanelli.pdf (2.77 Mbytes)
Data de Publicação
2005-08-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.