• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.82.2011.tde-20072012-163244
Documento
Autor
Nome completo
Thania Loiola Cordeiro Abi Rached
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2010
Orientador
Banca examinadora
Frade, Marco Andrey Cipriani (Presidente)
Marques Júnior, Wilson
Silva, Orivaldo Lopes da
Título em português
Baropodometria na hanseníase e sua relação com a alteração de sensibilidade
Palavras-chave em português
Baropodometria
Hanseníase
Teste de sensibilidade
Resumo em português
A Hanseníase é uma doença de evolução crônica e lenta causada pelo bacilo Mycobacterium leprae, com inflamação especifica, que acomete o sistema nervoso periférico. A detecção da perda de sensibilidade protetora é importante para identificar pacientes que apresentam neuropatia periférica. O método mais utilizado para medir a sensibilidade das fibras de adaptação lenta é o de estesiometria por monofilamentos de Semmes-Weinstein (SW). Um dos fatores etiológicos da úlcera plantar neuropática é a alta pressão em determinado local na região plantar. O Baropodômetro é um aparelho eficiente para avaliar a pressão plantar tanto na postura estática como na dinâmica. Este estudo teve como objetivo descrever clinico-epidemiologicamente pacientes com hanseníase em tratamento no CRNDS do HCFMRP - USP, correlacionando os respectivos resultados dos testes baropodométricos na postura estática e dinâmica com teste de sensibilidade pelos monofilamentos SW. Foram avaliados 51 pacientes com hanseníase, com idade entre 18 e 60 anos, 30 classificados operacionalmente em multibacilares (MB) e 15 em paucibacilares (PB). 20 sujeitos sem neuropatia foram selecionados para o Grupo Controle (GC). Somente os pacientes com hanseníase foram submetidos à estesiometria. Os resultados demonstraram estatisticamente que o paciente MB e PB apresentaram maiores picos de pressão plantar e maior taxa de alteração de sensibilidade na região do calcanhar. Pacientes MB apresentaram maiores picos de pressão plantar na estática, e o GC na dinâmica. Tanto o grupo PB quanto o MB apresentaram úlceras ou calosidades plantares, sendo que no MB estas ocorreram nas áreas de sensibilidade alterada, enquanto no PB as lesões apresentaram-se em áreas coincidentes de alteração de sensibilidade e picos máximos de pressão. Assim, os resultados evidenciaram que a baropodometria contribui para o melhor entendimento da biomecânica do processo de ulceração plantar, além de ser um método prático e não invasivo para o diagnóstico funcional dos pacientes com neuropatia hansênica em relação à distribuição pressórica plantar.
Título em inglês
Podometric evaluation in leprosy and it's relation with altered sensibility
Palavras-chave em inglês
Leprosy
Podometry analysis
Sensitivity test
Resumo em inglês
Leprosy is a disease of chronic evolution that causes specific and slow inflammatory reaction, damaging the peripheral neural system. The detection of the sensibility loss is important to identify patients with peripheral neuropathy, and the standard method for it is the Semmes-Weinstein's monofilament sensibility test. One of the etiologic factors of the plantar ulcers on neuropathic feet is the high pressure on determined plantar spot. The Podometry is effective to evaluate the plantar pressure during standing position and gait. The aim of this study was to describe epidemically and clinically leprosy's patients through podometric evaluations during gait and static posture, and compare these data with Semmes-Weinstein monofilaments sensitivity tests. Methods: 51 leprosy subjects, 18 to 60 years old, already on treatment at the CRNDS of HCFMRP - USP were evaluated and classified as multibacillary (MB) and paucibacillary (PB). Also, 20 normal subjects performed the podometric test and have their data taken as a control group (GC). The statistical analysis of the data showed that leprosy patients have both greater sensitivity loss and plantar peak pressure on the heel area. The MB group showed higher plantar peak pressures during standing position, as well as GC on gait analysis. Both MB and PB presented plantar callus and ulcer; MB skin damage was found within the areas of sensory loss, and PB's within the areas of sensitivity loss plus higher peak pressures. The results showed that podometry offers an important contribution to understanding plantar ulcer's biomechanics; besides, it is a practical and non-invasive method to functionally diagnose leprosys neuropathy related to plantar pressure distribution.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-07-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.